Duterte diz que já empurrou suspeito de corrupção de um helicóptero

Keith Bacongco / VisualHunt

O presidente das Filipinas, Rodrigo Duterte

O presidente das Filipinas, Rodrigo Duterte

O presidente das Filipinas ameaçou atirar funcionários públicos corruptos para fora de um helicóptero em pleno voo, dizendo que já o fez uma vez e que não tem problemas de o voltar a fazer.

“Se forem corruptos, apanho-vos num helicóptero de Manila e atiro-vos borda fora. Já o fiz antes, porque é que não o voltaria a fazer?”, disse Rodrigo Duterte.

A ameaça foi feita na passada terça-feira, quando o presidente das Filipinas discursava perante as vítimas do tufão xx, que atingiu o país durante o Natal.

Não se sabe ao certo se o episódio do helicóptero terá mesmo acontecido. Questionado sobre o tema pelos jornalistas, o porta-voz de Duterte, Ernesto Abella, preferiu chamar este caso de “mito urbano”, escusando-se a dar mais pormenores.

Há algumas semanas, o chefe de Estado filipino admitiu igualmente ter matado várias pessoas enquanto foi autarca da cidade de Davao, cargo que ocupou durante 22 anos, mas que esses homicídios aconteceram sempre durante operações policiais legítimas.

Edgar Matobato, um dos filipinos que fez parte dos chamados “esquadrões da morte” da Duterte, já tinha denunciado o presidente, acusando-o de ter liderado os grupos armados que foram responsáveis pela morte de milhares de pessoas entre 1988 e 2013.

Estas acusações chegaram mesmo à Justiça de Manila mas provavelmente não vão ver resultados porque o presidente está protegido pela imunidade política.

Desde que tomou posse como presidente das Filipinas, em julho deste ano, Duterte tem levado a cabo uma campanha de combate às drogas, sugerindo aos próprios civis que façam justiça com as suas mãos contra os traficantes.

Vários senadores já avisaram que o presidente pode vir a ser destituído por causa deste tipo de declarações e o enviado da ONU para os Direitos Humanos já exigiu uma investigação ao chefe de Estado.

Como resposta, Duterte chamou-o de “estúpido” e “idiota”, um vocabulário que já começa a ser habitual no Presidente que desafia tudo e todos, incluindo Barack Obama e o Papa Francisco.

// ZAP

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Este ao menos não tem papas na lingua.
    Certamente não é nenhum “Santinho” e não tem o direito de se colocar no papel de Deus, para decidir tirar a vida a quem quer que seja, no entanto, e como “quem mora no convento é que sabe o que lá vai dentro”, provavelmente aquele será um País cujos próprios orgãos de justiça são corrompidos pelas máfias e cartéis de droga, ou seja, a justiça deve ser tudo menos…justiça. Sendo assim, decidiu pôr “mãos à obra” e arrasar com a escumalha toda que vive e enriquece com a desgraça alheia. Porventura criticável nos métodos mas, se calhar, não há outra forma de purgar o sistema.

RESPONDER

Bloco quer subsídio de desemprego extraordinário (e duplicar o valor do apoio para recibos verdes)

A coordenadora do Bloco de Esquerda, Catarina Martins, defendeu esta terça-feira a criação de um subsídio de desemprego extraordinário de 439 euros para os contribuintes que perderam rendimentos durante a pandemia e que não tenham …

Sem a pandemia, Benfica teria dois jogadores "praticamente vendidos por 200 milhões"

Luís Filipe Vieira disse que recebeu uma proposta de 60 milhões de euros por Vinícius, em janeiro. Caso não fosse a pandemia, o presidente benfiquista afiança que o clube teria encaixado 200 milhões de euros …

Israel pede ao exército para se preparar para anexar Cisjordânia

O ministro da Defesa de Israel pediu esta segunda-feira ao exército para se preparar para a anexação de partes da Cisjordânia ocupada, medida que é vista como uma aparente antecipação ao que poderão ser as …

"Colocou inúmeras pessoas em risco". Treinador do Atalanta viajou para Valência infetado

O Valência lamentou que o treinador do Atalanta, que admitiu ter tido sintomas compatíveis com covid-19 no jogo entre ambos os clubes, no dia 10 de março, não tenha tomado medidas preventivas. O treinador do Atalanta, …

Covid-19. Tribunal de Contas pede "transparência" nos ajustes diretos

O Tribunal de Contas (TdC) alertou para os riscos de má utilização dos recursos públicos canalizados para enfrentar a pandemia, defendendo que o seu forte impacto nas finanças públicas exige cuidados acrescidos de "transparência" e …

Técnicos do INEM recusaram-se a sair em quatro ambulâncias por falta de desinfeção

Técnicos do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) recusaram-se, nesta segunda-feira, a sair em serviço por falta de desinfeção de quatro ambulâncias destinadas para o transporte de doentes com covid-19. A notícia é avançada esta …

FIFA pede "bom senso" sobre castigos a jogadores que homenageiem George Floyd

A FIFA pediu na segunda-feira "bom senso" na aplicação de possíveis castigos a jogadores que homenageiem durante os encontros o norte-americano George Floyd, que morreu em 25 de maio, após uma ação policial. Em comunicado, a …

China atrasou partilha de mapa genético do novo coronavírus com a OMS

As autoridades chinesas atrasaram mais de uma semana a publicação do genoma do novo coronavírus, após vários laboratórios públicos o terem descodificado, privando a OMS de informação essencial para combater a pandemia, noticia esta terça-feira …

Mosaico romano do século III d.C encontrado intacto no norte de Itália

O piso de um mosaico romano, que os especialistas acreditam ser do século III d.C, foi encontrado intacto em Verona, cidade no norte de Itália. Depois de várias escavações fracassadas, o piso ornamentado foi encontrado junto …

Em 2012, Passos Coelho teve um "paraministro". Costa achou "um escândalo"

Enquanto primeiro-ministro, Pedro Passos Coelho entregou três dossiês ao então responsável da Goldman Sachs e do FMI, António Borges. António Costa achou "um escândalo". Em 2012, o então primeiro-ministro Pedro Passos Coelho entregou a António Borges …