Justiça filipina acusa Duterte de assassínio, sequestro e tortura

Mast Irham / EPA

O presidente das Filipinas, Rodrigo Roa Duterte

O presidente das Filipinas, Rodrigo Roa Duterte

O Presidente das Filipinas foi esta sexta-feira acusado de assassinato, sequestro e tortura na sequência de um testemunho de um filipino que disse ter cometido crimes sob as suas ordens em Davao, no sul do país.

A acusação formal foi hoje apresentada pela Justiça em Manila mas Rodrigo Duterte, antigo autarca de Davao, está protegido pela imunidade política pelo que o processo não deve ser investigado.

O denunciante, Edgar Matobato, que já tinha prestado declarações em setembro no senado de Manila, fez parte dos “esquadrões da morte” organizados pelo atual presidente das Filipinas que, na altura em que era presidente da câmara, quis “limpar a cidade” de Davao de delinquentes.

De acordo com depoimentos publicados pelo jornal Phil Star, Matobato disse também que os grupos armados por Duterte são responsáveis pela morte de milhares de pessoas entre 1988 e 2013.

Duterte foi autarca de Davao, uma cidade com quase dois milhões de habitantes, durante 22 anos, nos períodos entre 1988 e 1998, de 2001 a 2010 e entre 2013 e 2016.

A denúncia de Matobato envolve também Paolo Duterte, filho do atual chefe de Estado e vice-presidente da câmara de Davao desde 2013, além de outras 26 pessoas.

Em comunicado, o gabinete do chefe de Estado das Filipinas considerou as acusações do antigo operacional como “manobra política, provocação e distração”.

Os “esquadrões da morte” de Davao foram investigados no passado, incluindo por uma comissão do Senado, mas nenhum dos processos foi conclusivo.

/Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Este pelo menos parece querer uma sociedade mais justa e humana ao tentar eliminar muito do lixo humano que existe no país e que por sua vez fazem da restante sociedade as suas vítimas, o caso é discutível segundo a mentalidade de cada um ou se quisermos segundo a disposição de cada um para ser vítima dos vários abusos a que esta esta gente assujeita a sociedade, por cá temos infelizmente cada vez mais exemplos e às vezes lamenta-se mais o assassino ou malfeitor do que a vítima pelo menos a justiça assim parece fazer; ainda agora morreu um ditador e carniceiro que por apenas razões de opinião politica mandou abater e prender milhares de cidadãos e no entanto a sua morte foi anunciada e seguida como se de um herói se tratasse.

RESPONDER

Tia de Kim Jong-un faz a primeira aparição pública em mais de seis anos

Kim Kyong-hui, tia paterna do líder norte-coreano Kim Jong-un, reapareceu em público este sábado pela primeira vez em mais de seis anos, escreve a BBC. A emissora britânica, que avança a notícia citando a Agência Central …

Coronavírus. Madeira está a preparar-se para eventual surto

Região da Madeira “já está a delinear” quartos com pressão negativa e áreas isoladas, além de “fármacos, oxigénio, fatos protetores, máscaras e capacidade laboratorial”. O presidente do Instituto de Saúde (Iasaúde) da Madeira anunciou esta segunda-feira …

Luanda Leaks. Isabel dos Santos vai processar o consórcio de jornalistas

Depois de Rui Pinto ter assumido a autoria da divulgação dos documentos do caso Luanda Leaks, Isabel dos Santos avança que vai processar o consórcio de jornalistas. A empresária angolana Isabel dos Santos vai processar o …

Portugal vende cinco F-16 à Roménia por 130 milhões de euros

O ministério da Defesa Nacional oficializou hoje, na Base Aérea de Monte Real, no distrito de Leiria, a venda de cinco aviões militares F-16 à Roménia, num negócio de 130 milhões de euros. "Com este processo …

Pedro Proença e a violência no futebol: "É chegada a altura de o Governo assumir responsabilidades"

O presidente da Liga Portuguesa de Futebol (LPFP), Pedro Proença, disse esta segunda-feira, depois de uma reunião no Ministério da Administração Interna (MAI), que o governo deve assumir responsabilidades sobre os recentes casos de violência …

Reconhecimento facial vai ser testado no acesso a serviços públicos online

O Governo quer criar um sistema de reconhecimento facial para usar a chave móvel digital, ferramenta que já permite aceder a vários serviços online do Estado. O Governo está a planear criar um sistema de reconhecimento …

Sem voz no clube, Raul José pondera abandonar o Sporting

Sem voz na pasta das contratações e construção do plantel, Raul José, líder do departamento de scouting do Sporting, pode estar de saída do clube. Raul José, líder do departamento de scouting do Sporting CP, estará …

António Costa vai responder por escrito a 100 perguntas sobre Tancos

Apesar de sempre ter defendido que o testemunho devia ser presencial, o Juiz Carlos Alexandre aceitou que António Costa possa depor por escrito sobre o caso do furto e recuperação das armas de tantos. O …

ERC regista como "publicação de informação" site de propaganda

A ERC registou o Notícias Viriato como "publicação de informação", em novembro do ano passado, quando o projeto do Medialab diz que se trata, na verdade, de um "site de propaganda". Segundo o Diário de Notícias, a …

Conselho da Europa pede que polícia portuguesa tenha mais treino sobre direitos humanos

O Conselho da Europa (CE) acredita que teria sido uma boa ideia incluir no próximo recenseamento da população portuguesa, marcado para 2021, uma questão sobre a origem étnica. A proposta chegou a ser avaliada por …