Pela primeira vez na História, Fátima vazia no 13 de maio

Paulo Novais / Lusa

A peregrinação nacional de maio começou na noite de terça-feira, numa celebração “atípica”, em que o Santuário de Fátima esteve vazia. Os peregrinos acompanharam as celebrações em sua casa devido à pandemia de covid-19.

A peregrinação, que decorreu esta terça e quarta-feira, realizou-se de forma inédita, sem peregrinos no recinto do Santuário de Fátima.

As celebrações, que começaram às 21h30, contaram apenas com a presença de pessoas diretamente implicadas nos diferentes momentos celebrativos.

A GNR está desde sábado a impedir o acesso de peregrinos a Fátima. O recinto do Santuário de Fátima foi encerrado: nas laterais, os portões e gradeamentos foram fechados; ao fundo, foram instaladas barreiras físicas que as autoridades estão a monitorizar em permanência para que, durante as celebrações, ninguém entrasse no recinto. Na terça-feira, foram detidos dois peregrinos.

O Santuário de Fátima pediu aos peregrinos que, não podendo estar presentes, peregrinem “com o coração”. A peregrinação de maio foi transmitida no site oficial, no Youtube e na página do Facebook do Santuário de Fátima.

Esta quarta-feira, a oração do rosário começou às 9h, na Capelinha das Aparições, seguindo-se a celebração da missa, presidida pelo cardeal António Marto, bispo de Leiria-Fátima, terminando as celebrações com a Procissão do Adeus.

O bispo de Leiria-Fátima alertou que já se está a gerar uma pandemia mais dolorosa do que a da covid-19, “a da extensão da pobreza“, pedindo também solidariedade para combater “o vírus” da indiferença e do individualismo.

“A pandemia, com a longa interrupção da vida normal, traz terríveis consequências económicas, sociais e laborais. Já está a gerar uma pandemia mais dolorosa, a da extensão da pobreza, da fome e da exclusão social”, afirmou o cardeal António Marto.

O cardeal lembrou que as consequências económicas da pandemia já batem “à porta das Caritas diocesanas e de várias paróquias e soa a sinal de grito de alarme“.

A “pandemia” social é “agravada pela cultura da indiferença e do individualismo“, salientando que “o vírus da indiferença só é derrotado com os anticorpos da compaixão e da solidariedade”.

Esta situação “dramática e trágica” expõe “a vulnerabilidade e fragilidade da condição humana”, frisou, considerando que essa fragilidade também exige uma união entre povos e classes, já que a covid-19 “ultrapassa todas as barreiras geográficas e todas as condições sociais, económicas, hierárquicas”.

Afirmando que “ninguém está imune”, António Marto frisou a necessidade de solidariedade perante uma pandemia que revela a interdependência entre seres humanos. “Ou nos salvamos todos juntos ou nos afundamos todos juntos”, sublinhou, recordando as palavras do papa Francisco, que defende um impulso de solidariedade para orientar a resposta mundial a uma “anunciada quebra” do sistema económico e social.

Para António Marto, este é também um tempo para refletir e repensar os hábitos e estilos de vida, vincando que “não se pode viver só para consumir”.

Perante um recinto de oração vazio, o cardeal voltou a afirmar que, apesar de para muitos esta ser uma peregrinação triste por se realizar num santuário de Fátima fechado, é também uma oportunidade para “aprender como é uma peregrinação em estado puro, o peregrinar com o coração“.

Face à ausência de peregrinos, houve algum simbolismo nos vários momentos celebrativos, como as 21 velas que representam as dioceses de Portugal e um ramo de flores que evocava os emigrantes e peregrinos dos diversos pontos do mundo.

Este ano celebra-se os 103 anos das aparições marianas, que terão ocorrido em 1917. A 13 de maio desse ano, os três pastorinhos, Lúcia, Francisco e Jacinta, terão visto a aparição de Nossa Senhora na localidade de Fátima.

Por enquanto, as celebrações de Fátima não têm data para uma reabertura total ao público. A partir da tarde desta quarta-feira, o recinto do santuário volta a ser reaberto ao público, mas não as basílicas.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

8 COMENTÁRIOS

  1. Todos , em nome da saúde pública , estamos a fazer esforços , cancelando eventos e cerimónias , das quais Fátima afeta centenas de milhares de fieis .
    Por outro lado , temos uns quantos , que se acham acima desse dever ( saúde publica ) e insistem em realizar as suas próprias festividades , como o caso da CGTP/PC com o 1º de maio e a festa do avante.
    Até quando é que temos de aturar isto?

      • Se a estupidez fosse um Reino, você era o Rei !……. Os milhões de vitimas desta pandemia (adultos e Crianças) a nível Mundial, claro …eram todos de ideologia Comunista, quanto ao Nome de Deus por si mencionado, é um insulto a quem é crente. Não sou praticante, nem militante, mas respeito !

        • Perante a parvoíce dos comunistas, bem revelada no 1º de maio com autocarros cheios de gente e agora com a festa do avante, podemos admitir que se estão a pôr a jeito. E já agora, Deus e os comunistas nunca se deram bem… vem do tempo do Karl… o Marx… dizia que era o ópio do povo. Pessoalmente acho que deviam mudar o discurso. O atual ópio do povo é a bola, os reality shows e as redes sociais. O Comunismo precisa de um novo Karl

      • O sr Reflexão é um excelente exemplo da intolerância de que a igreja sempre deu provas ao longo dos séculos, talvez agora menos, mas muitos dos seus fieis continuam com pensamentos muito semelhantes aos da idade média, trocando apenas as bruxas pelos comunistas.
        Não é assim , com crueldade, que se ganha o “Céu”……. Aconselho-o a alguma penitência e confessar urgentemente os seus pecados

  2. até aqui enfim que se corta nas verbas para a igreja, devia ser sempre assim, quem têm fé reza em casa, num lado ou outro a coisa é a mesma e os padres iam trabalhar mais as ovelhinhas deles ( freiras).

Responder a joão Cancelar resposta

Super-vulcão Yellowstone registou 91 terramotos em apenas 24 horas

Os vulcanólogos têm andado atentos ao super-vulcão localizado no Parque Nacional de Yellowstone, nos Estados Unidos. O Serviço Geológico dos Estados Unidos (USGS) relatou recentemente a ocorrência de 91 terremotos em apenas 24 horas. Estes …

Cartoonista alemão Frank Hoppmann é o vencedor do 15.º World Press Cartoon

O 'cartoonista' alemão Frank Hoppmann, com a caricatura do primeiro-ministro britânico Boris Johnson, é o vencedor da 15.ª edição do World Press Cartoon, foi hoje anunciado nas Caldas da Rainha, na cerimónia de entrega de …

Pequena e funcional. Assim se carateriza a Tiny House (que ainda evita dores de joelhos)

Esta pequena casa móvel pode ser a solução que procura. Devido à sua arquitetura dinâmica é ótima para pessoas com problemas de articulações e que sofrem com dores joelhos, pernas cansadas ​​ou dores nas costas. Hoje …

Chama-se Elios, é um drone e vai explorar as profundezas das cavernas de gelo da Gronelândia

Elios é o drone que está a ajudar os investigadores a descobrirem mais sobre os mistérios da Gronelândia. Inserido numa estrutura própria, tem explorado as cavernas de gelo, facilitando assim o acesso a locais mais …

Milhares de pássaros migratórios estão (misteriosamente) a morrer no Novo México

Um elevado número de pássaros migratórios está a morrer em todo o Novo México, numa misteriosa mortalidade em massa que está a preocupar os cientistas. Estima-se que o número de pássaros mortos seja de centenas de …

Crianças inspiram Lego a livrar-se de todas as embalagens de plástico

As peças da Lego podem acabar no oceano durante mais de mil anos, mas os fabricantes dinamarqueses estão a tentar tornar a empresa ecologicamente correta. Na sua última promessa, a Lego vai começar a usar sacos …

Uma cidade chamada "amianto" está a tentar mudar o nome (e a discussão tornou-se tóxica)

Há uma cidade no Canadá chamada Asbesto - um material de construção altamente tóxico. Os habitantes da cidade não estão felizes com este nome, mas a sua mudança também não está a ser fácil. De acordo …

FC Porto 3-1 Braga | Entrada de “dragão”

O FC Porto iniciou a defesa do título nacional com uma vitória importante sobre o Sporting de Braga por 3-1. Os minhotos marcaram primeiro no Dragão, por um ex-portista, mas os descontos do primeiro tempo foram …

Barco navega em forma de coração para agradecer aos habitantes da Nova Escócia

A escuna Bluenose II navegou de forma bastante original no último dia da temporada de 2020. A rota seguida criou a forma de um coração no porto de Lunenburg, na Nova Escócia. De acordo com o …

França bate recorde com 13.498 novos casos. Espanha não vai confinar

A França registou este sábado um recorde diário de casos de covid-19, com 13.498 novos infetados nas últimas 24 horas, anunciou a Agência Nacional de Saúde, acrescentando que, no mesmo período, morreram mais 26 pessoas. No …