Dos cabeleireiros aos dentistas. Dinamarca reabre pequenas empresas

A Dinamarca, segundo país da Europa a anunciar, há duas semanas, o alívio progressivo das restrições impostas para conter a propagação do coronavírus, reabriu esta segunda-feira cabeleireiros, estúdios de tatuagem, escolas de condução, clínicas de fisioterapia e dentistas.

As empresas agora autorizadas a reabrir estavam encerradas há cinco semanas, no âmbito das medidas decretadas para travar o contágio do novo coronavírus.

Para reabrirem portas, as empresas estão obrigadas a assegurar que cada cliente desinfeta as mãos à entrada e veste uma capa de proteção de utilização única e que as superfícies e materiais são desinfetados entre cada cliente.

A decisão foi anunciada na sexta-feira pela primeira-ministra dinamarquesa, Mette Frederikssen, após a conclusão de um acordo entre todos os partidos representados no parlamento. O acordo prevê ainda a reabertura, a partir de 27 de Abril, dos tribunais e serviços públicos relacionados com o apoio às famílias e a adoção.

O alívio das restrições no país iniciou-se a 15 de abril com a reabertura de creches e escolas pré-primárias e primárias. O levantamento de medidas de prevenção implica que os dinamarqueses continuem a respeitar o distanciamento de dois metros e a proibição de ajuntamentos de mais de 10 pessoas.

Mantêm-se encerrados, pelo menos até 10 de maio, bares e restaurantes, assim como centros comerciais, ginásios, cinemas, salas de espetáculos e as escolas para alunos com mais de 10 anos. A proibição de entrada de estrangeiros no país também se mantém.

Desde o início da pandemia provocada pelo novo coronavírus, a Dinamarca, com cerca de 5,8 milhões de habitantes, registou 7.711 casos de infeção e 355 mortes associadas à covid-19. O país, que nas últimas semanas viu o número de novas infeções diminuir consistentemente, foi o segundo país europeu, depois da Áustria, a anunciar um levantamento parcial das restrições adotadas no contexto da pandemia.

Albânia reabre atividades económicas

A Albânia permitiu esta segunda-feira a reabertura de centenas de atividades produtivas e comerciais para reativar a economia de um dos países mais pobres da Europa, após 40 dias de confinamento e com uma curva de infeções da covid-19 sob controlo.

O Governo decidiu abrir hotéis e parques de campismo, na esperança de um regresso do turismo interno de praia e montanha, mas sob estritas medidas de distanciamento social. Prevê-se ainda que o cancelamento dos voos em muitos países vizinhos implique o aumento das chegadas por via rodoviária.

Os centros educativos, transportes públicos, bares e restaurantes permanecem encerrados, mas segundo a lista divulgada pelo ministério da Saúde, as indústrias petrolíferas, mineira, têxteis e de produção de materiais de construção podem iniciar a partir desta segunda-feira a sua atividade. Regressam ainda à atividade as agências imobiliárias, escritórios de notários, negócios de venda de eletrodomésticos, venda de jornais, de produtos cosméticos, floristas, e ainda o setor das pescas e diversos mercados, entre outros.

A pandemia da covid-19 matou pelo menos 165.216 pessoas em todo o mundo desde que surgiu em Dezembro na China, segundo um balanço da AFP às 11 horas, que dá conta de quase 2,5 milhões de infetados.

De acordo com os dados da agência de notícias francesa, a partir de dados oficiais, foram registadas 165.216 mortos e pelo menos 2.403.410 casos de infeção em 193 países. Pelo menos 537.700 doentes foram considerados curados pelas autoridades de saúde.

Os Estados Unidos, que registaram a primeira morte ligada ao coronavírus no final de Fevereiro, lideram em número de mortes e casos, com 40.683 mortos para 759.786 casos. Pelo menos 70.980 pessoas foram declaradas curadas nos Estados Unidos.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Francisco Rodrigues dos Santos admite que tem sido "difícil" juntar o CDS (mas "não por falta de iniciativa")

Francisco Rodrigues dos Santos, presidente do CDS-PP, afirmou, numa entrevista ao Jornal de Notícias e TSF que tem sido "difícil" conquistar a coesão do partido. Em entrevista ao Jornal de Notícias e à TSF, o líder …

Isabel dos Santos usou equipa de espiões para provar "conspiração" e "vingança" de João Lourenço

A empresária Isabel dos Santos contratou uma firma de antigos agentes secretos israelitas para provar que foi vítima de um ataque orquestrado pelo governo de João Lourenço. Isabel dos Santos criou uma equipa de espiões para …

"Perdemos o avô da nação". Morte do príncipe Filipe deixou "um grande vazio" na vida de Isabel II

A morte do príncipe Filipe, duque de Edimburgo, na sexta-feira, aos 99 anos, deixou a Rainha Isabel II, sua esposa, com "um grande vazio na sua vida", disse este domingo aos jornalistas o seu filho …

Mapa online interativo ajudou indígenas do Panamá a fazer frente à pandemia

Quando a covid-19 chegou ao Panamá no ano passado, o cartógrafo Carlos Doviaza temeu pelas pessoas indígenas da sua comunidade. Por isso, para as ajudar, dedicou-se a fazer aquilo que faz melhor: mapas. "Pensei: 'Porque não …

"A política ama traição, mas despreza o traidor". Sócrates acusa PS de "ataque injusto" (e diz-se alvo de "vingança" da direita)

"A política ama a traição, mas despreza o traidor". No livro "Só Agora Começou", que será publicado nos próximos dias, José Sócrates acusa a atual direção do PS de traição. De acordo com o Diário de …

Portugal regista mais 566 casos e seis óbitos por covid-19

Portugal registou, este domingo, mais seis mortes e 566 novos casos de infeção pelo novo coronavírus, segundo o último boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com o último boletim da Direção-Geral da Saúde …

PS quer que Cavaco Silva diga "quando é que soube do buraco do BES"

O PS quer que o antigo Presidente da República Cavaco Silva esclareça "quando é que soube do buraco do BES" e porque é que "não agiu atempadamente" para evitar o aumento de capital, que gerou …

Perdoar o passado, celebrar o renascimento e cumprir tradições. A primavera traz o Nowruz, o ano novo persa

Assim que as flores começam a desabrochar e os dias ficam mais longos, fica claro que o Nowruz está prestes a chegar. A celebração do ano novo iraniano é secular, com raízes que remontam a …

“Mostrámos que sabemos governar”. Bloco apresenta candidata a Lisboa (e abre a porta a acordo com PS)

O Bloco de Esquerda apresentou a candidatura de Beatriz Gomes Dias à Câmara Municipal de Lisboa, pediu “mais força” para determinar a governação da cidade e abriu a porta a novos entendimentos com o PS …

Fé nos números. Foi o voto não religioso que Donald Trump perdeu em 2020 

Em novembro de 2020, Joe Biden foi eleito Presidente dos Estados Unidos da América. Uma análise revelou recentemente que a derrota de Donald Trump dependeu daqueles que não se identificam com nenhuma religião. Ryan Burge, professor …