Detido ex-ministro da Saúde sul-coreano envolvido no caso da Presidente destituída

dgcomsoc / Flickr

Moon Hyung-pyo, ex-ministro da Saúde sul-coreano

Moon Hyung-pyo, ex-ministro da Saúde sul-coreano

As autoridades da Coreia do Sul detiveram esta quarta-feira o antigo ministro da Saúde no âmbito da investigação do caso de corrupção que envolve a Presidente destituída, Park Geun-hye.

Crise na Coreia do Sul

As autoridades têm agora 48 horas para decidir se apresentam um requerimento formal para um mandado de prisão para Moon Hyung-pyo, que enfrenta alegações de que pressionou o Serviço Nacional de Pensões para apoiar uma fusão entre duas filiais da Samsung no ano passado apesar de a participação do fundo em uma das empresas ter perdido centenas de milhões de dólares em valor.

Os investigadores também citaram Kim Sang-ryul, antigo secretário para a Educação e Cultura de Park, devido a alegações de que o gabinete da presidência mantinha uma “lista negra” de figuras da cultura consideradas hostis à administração negando-lhes apoio estatal.

O parlamento, controlado pela oposição, aprovou a destituição da Presidente no dia 9 de dezembro, decisão que terá de ser ratificada pelo Tribunal Constitucional para ser definitiva.

O tribunal tem até seis meses para decidir se Park tem de abdicar permanentemente ou pode voltar a assumir o cargo.

Os seus poderes presidenciais estão suspensos, com o primeiro-ministro a liderar o Governo.

O Ministério Público acusou Park de conluio com uma amiga para extorquir dinheiro e favores de algumas das maiores empresas do país, e de permitir que essa amiga, Choi Soon-sil, manipulasse assuntos de Estado.

A Samsung, o maior grupo empresarial do país, está sob suspeita de que patrocinou Choi Soon-sil no sentido de ganhar o apoio do Governo para a fusão, a qual era crucial para o herdeiro da empresa, Lee Jae-yong.

A operação ajudou Lee, neto do fundador da Samsung e vice-presidente da Samsung Electronics, a fortalecer o seu controlo sobre a ‘joia da coroa’ do grupo, sem gastar o seu próprio dinheiro.

A Samsung deu 77,4 mil milhões de won (61,2 milhões de euros) a duas organizações sem fins lucrativos alegadamente controladas por Choi Soon-sil e utilizadas para expandir a sua riqueza pessoal.

Lee pediu desculpa por usar fundos empresariais para comprar um cavalo para a filha de Choi, mas negou que a Samsung tenha procurado obter favores de Choi Soon-sil ou da administração de Park Geun-hye.

Também há dúvidas relativamente às razões pelas quais a Samsung patrocinou financeiramente um centro desportivo de inverno gerido pela sobrinha de Choi, igualmente detida.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

"Grande erro" da Europa é não usar máscaras, considera especialista chinês

George Gao, diretor dos Centros de Controlo e Proteção de Doenças da China (CDC), considera que o "grande erro" da Europa no combate à pandemia de covid-19 é o facto de as pessoas não usarem …

Obama critica de Trump. "Cada um de nós deve exigir mais dos nossos líderes"

O ex-Presidente norte-americano, Barack Obama, considerou esta terça-feira que o seu sucessor, Donald Trump, ignorou os avisos sobre os riscos de uma pandemia do novo coronavírus, e recordou o mesmo comportamento quanto às alterações climáticas, …

Covid-19. Hotel cinco estrelas na Austrália vai acolher sem-abrigo

A Austrália vai levar a cabo um projeto piloto que visa retirar das ruas alguns sem-abrigo e transferi-los para hotéis de luxo, protegendo-os assim do novo coronavírus oriundo da China (Covid-19).  O projeto, Hotels With Heart, …

Red Bull equacionou infeção voluntária dos seus pilotos

Um responsável da Red Bull admitiu que propôs aos pilotos da marca austríaca, que participa no Mundial de Fórmula 1, uma estratégia de infeção voluntária de covid-19, visando ficarem imunes no início da temporada. Helmut Marko …

TAP avança com lay-off para 90% dos trabalhadores (e reduz atividade para cinco voos semanais)

Numa mensagem enviada aos seus funcionários, a TAP revelou que vai mesmo avançar com um processo de 'lay-off' para 90% dos trabalhadores e com a redução do período normal de trabalho em 20% para os …

Estado vai devolver 3 mil milhões em reembolsos do IRS

O Estado vai devolver 3 mil milhões de euros aos contribuintes em reembolsos do IRS, cuja entrega arranca esta quarta-feira e se estende até 30 de junho. A informação foi avançada pelo ministro de Estado, …

Há quatro infetados no sistema prisional. Estão todos em isolamento domiciliário

O Ministério da Justiça revelou esta terça-feira que aumentou para quatro o número de infetados com covid-19 no sistema prisional e que estão todos em isolamento domiciliário segundo indicação da saúde pública. Em comunicado, o Ministério …

Sousa Cintra diz que Rafael Leão "não ficou no Sporting porque foi apertado"

Sousa Cintra, ex-líder da SAD do Sporting no tempo da Comissão de Gestão, lamenta a rescisão do jogador Rafael Leão, considerando que "ele não continuou porque foi apertado". O jovem jogador foi, recentemente, condenado a …

Portugal tem há cinco dias os mesmos 43 recuperados. DGS e especialistas explicam porquê

Portugal regista, desde o passado dia 27 de abril, os mesmos 43 recuperados da Covid-19, segundo os boletins epidemiológicos diários da Direção-Geral da Saúde. Questionado pela agência Lusa sobre a estagnação no número de altas hospitalares …

Morreu o coronel Andrade de Moura, um dos capitães de Abril

A Câmara Municipal de Estremoz, no distrito de Évora, prestou esta terça-feira homenagem ao coronel Andrade de Moura, um dos capitães de Abril de 1974, que morreu no passado dia 23 de março aos 86 …