Parlamento sul-coreano aprova destituição da Presidente

Republic of Korea / Flickr

A presidente da Coreia do Sul, Park Geun-hye

A presidente da Coreia do Sul, Park Geun-hye

Os deputados da Coreia do Sul aprovaram esta sexta-feira a destituição da Presidente do país, que terá agora de ser ratificada pelo Tribunal Constitucional para ser definitiva.

A moção de destituição, apresentada na quinta-feira pela oposição, foi aprovada com 234 votos a favor e 56 contra e transfere para o primeiro-ministro os poderes da Presidente até haver decisão do Tribunal Constitucional.

O resultado da votação revela que deputados do partido no Governo votaram a favor da destituição de Park Geun-hye, que foi envolvida num caso de tráfico de influências e corrupção pelo Ministério Público.

Park Geun-hye, já se desculpou publicamente após a destituição parlamentar. A Presidente da Coreia do Sul disse através de uma mensagem transmitida pela televisão que considera as “vozes da Assembleia Nacional e do povo”.

Na mensagem, que foi transmitida uma hora depois de o parlamento de Seul ter votado a sua destituição do cargo de chefe de Estado, Park Guen-hye instou os ministros e o Presidente provisório a “fazerem tudo” para minimizar o “vazio governamental”, até que o Tribunal Constitucional divulgue o veredito final sobre o caso.

Centenas de pessoas em protesto contra a primeira mulher Presidente da Coreia do Sul acompanharam a votação dos deputados no exterior no Parlamento, depois de manifestações com centenas de milhar de sul-coreanos a reivindicar a demissão de Park terem enchido as ruas de Seul nas últimas semanas. Foram as maiores manifestações no país desde os protestos pró-democracia da década de 1980.

A indignação tem por base a ideia de que Park foi manietada durante o seu mandato pela amiga Choi Soon-sil, acusada de corrupção e tráfico de influências.

A Procuradoria da Coreia do Sul revelou que a Presidente teve um papel “considerável” no caso e acusou formalmente Choi Soon-sil e dois antigos assessores presidenciais, indicando que Park cooperou com a amiga e os outros dois ex-colaboradores, que são suspeitos de terem pressionado mais de 50 empresas do país a doar 65,7 milhões de dólares, cerca de 62 milhões de euros, a duas fundações.

O escândalo “Choi Soon-sil Gate” reduziu a taxa de aprovação da Presidente a 5%, o valor mais baixo alguma vez alcançado por um chefe de Estado na Coreia do Sul desde que o país alcançou a democracia no final da década de 1980.

A 29 de novembro, a Presidente disse que queria deixar o cargo antes do fim do mandato, em 2018, e pediu ao Parlamento para preparar a transição.

“Quando os deputados tiverem determinado as condições para uma passagem de poder que minimize qualquer vazio de poder e o caos na governação, eu saio”, disse, numa declaração ao país transmitida pela televisão.

“Deixarei a questão da minha saída, incluindo a redução do meu mandato, a uma decisão da Assembleia Nacional”, afirmou.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Candidatos a Lisboa rejeitam antecipar confinamento (e sugerem outras soluções)

Os candidatos à Câmara de Lisboa rejeitam que, à semelhança de Sesimbra, Lisboa recue no desconfinamento. Reforço da testagem e dos rastreios são algumas das soluções. Lisboa já passou o patamar dos 240 casos por 100 …

Afinal, talvez não tenham sido os Ocidentais a descobrir a Antártida

Um novo estudo sugere que os primeiros humanos a descobrirem a Antártida não foram marinheiros ocidentais, mas sim Polinésios, que descobriram o continente há 1300 anos. De acordo com a maioria dos livros de História, a …

PSD promete fazer "perguntas embaraçosas" a Medina. Já o CDS quer mais: uma auditoria externa

O presidente da Câmara Municipal de Lisboa, Fernando Medina, vai ser ouvido no Parlamento sobre o caso da partilha de dados pessoais de ativistas russos. O PSD já garantiu que não lhe vai facilitar a …

Noah, de apenas dois anos, está desaparecido desde quarta-feira. Cadela, peça de roupa e pegadas encontradas

Um menino de dois anos está desaparecido em Proença-a-Velha, concelho de Idanha-a-Nova, desde quarta-feira de manhã. A GNR e PJ estão no local a fazer buscas com auxílio de populares que se juntaram às autoridades. Ao …

Passos avisa que há reformas que se fazem em “confronto” e não vale a pena “ficar à espera” do PS

O ex-primeiro-ministro Pedro Passos Coelho acusou esta quarta-feira a esquerda de "desqualificar" o Serviço Nacional de Saúde (SNS) e avisou que há reformas que só se fazem "em confronto", pedindo às forças políticas que "não …

Luzes cintilantes mostram potencial como novo tratamento para o Alzheimer

Uma equipa de investigadores usou som e luzes cintilantes para tratar ratos com a doença de Alzheimer, obtendo alguns resultados positivos. Agora, os cientistas testaram o mesmo tratamento em humanos, conseguindo mais uma vez resultados …

Planeta Terra passa a ter (oficialmente) cinco oceanos

A National Geographic Society fez o primeiro mapeamento dos oceanos em mais de 100 anos e, desta vez, reconhece que a Terra possui cinco oceanos. Definir as fronteiras dos oceanos da Terra não é uma tarefa …

O misterioso escurecimento da Betelgeuse foi oficialmente desvendado

A causa da misteriosa perda de brilho da estrela foi causada por uma nuvem gigante de poeira, expelida pela própria supergigante vermelha. O "Grande Escurecimento da Betelgeuse", como passou a ser conhecido, foi um fenómeno que …

Entre cursos de água e "kahns", a Alemanha ainda alberga uma minoria étnica de língua eslava

As nações europeias nasceram e desvaneceram ao longo do tempo, mas há uma minoria étnica de língua eslava que permanece dentro da Alemanha. Lehde é uma pacata vila, com cerca 150 habitantes, de ilhas pantanosas interligadas …

Itália 3-0 Suíça | Squadra Azzurra volta a ganhar e a encantar

A Itália tornou-se hoje a primeira seleção a garantir o apuramento para os oitavos de final do Euro2020 de futebol, ao vencer a Suíça por 3-0, em encontro da segunda jornada do Grupo A, disputado …