Após desastres, Boeing muda nome do avião 737 Max

A fabricante norte-americana Boeing parece ter começado a abandonar discretamente o “Max” da sua aeronave 737 Max após os desastres aéreos recentes que lhe deram má fama. Agora, chama-lhe apenas 737-8.

De acordo com o jornal britânico The Guardian, o nome 737-8, até agora, era apenas usado internamente na Boeing e surgiu quando a empresa divulgou um comunicado na quarta-feira para anunciar que tinha recebido o seu primeiro pedido de um avião 737 Max este ano. A Enter Air SA da Polónia concordou em comprar até quatro variantes do jato.

Segundo a Boeing, a Enter Air fez um novo pedido de duas aeronaves 737-8 com opções para mais dois jatos. Quando o contrato de compra for totalmente executado, a frota 737 Max da Enter Air aumentará para 10 aeronaves.

“Apesar da crise atual, é importante pensar no futuro. Para esse fim, concordamos em solicitar aeronaves 737-8 adicionais. Após as verificações rigorosas pelas quais o 737 Max está a passar, estou convencido de que será a melhor aeronave do mundo durante muitos anos”, escreveu a Enter Air SA, em comunicado.

O modelo deixou de voar em março de 2019, após alguns acidentes fatais, na Indonésia e na Etiópia, que vitimaram um total de 346 pessoas.

A empresa admitiu que uma falha de software do MCAS teve um papel nos dois acidentes, tendo a investigação oficial já concluído que, no primeiro caso, foi mesmo a causa principal.

Para além disso, vieram a público centenas de mensagens internas entre funcionários, desvalorizando as regras de segurança e considerando que o avião tinha sido “desenhado por palhaços”.

A crise custou vários mil milhões de dólares à Boeing, incluindo as compensações a pagar às vítimas e às companhias aéreas. O caso também levou à demissão do diretor executivo da empresa, levantou dúvidas sobre a solvência da empresa e suspeitas em relação à supervisão relacionadas com com a velocidade com que foi aprovado o MAX.

A Boeing reiniciou a produção do 737 Max no final de maio e recebeu, em junho, a aprovação da Administração Federal de Aviação (FAA) dos Estados Unidos para iniciar testes para demonstrar que pode voar em segurança com o novo software de controlo de voo.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Teresa Leal Coelho admite processar ex-vereador Fernando Nunes da Silva

A vereadora da Câmara Municipal de Lisboa Teresa Leal Coelho admitiu que poderá vir a processar o antigo vereador Fernando Nunes da Silva, devido às declarações sobre a reposição dos sentidos de circulação na Avenida …

Linha de Fundo: Benfica reforça liderança, mais recados de Conceição, um jardim de infância especial e João “rosa” Almeida

Era uma vez um Clássico... Deu empate o primeiro clássico da época 2020/21. Em Alvalade, Sporting e FC Porto igualaram-se a duas bolas, num jogo que valeu pelas mudanças de resultado, mas que nem sempre foi …

CDS critica PS por obrigar portugueses a pagar "buraco" da TAP para servir apenas Lisboa

O CDS está "chocado" por a TAP ir abandonar as quatro rotas que opera no Aeroporto Francisco Sá Carneiro e critica o PS por obrigar portugueses a pagar "buraco" da TAP para servir apenas Lisboa. O …

Contratos de associação dos colégios privados. Ministério da Educação vence todos os 55 processos judiciais

Em todos os 55 processos judiciais que os colégios privados moveram contra o Ministério da Educação em 2016, na sequência da polémica dos contratos de associação, todas as 55 decisões foram favoráveis ao Governo. O jornal …

Famílias numerosas podem pedir desconto no IVA da luz a partir de março

As famílias com cinco ou mais elementos só poderão usufruir da redução do IVA da eletricidade a partir de 1 de março e terão de o requerer junto do seu fornecedor, segundo uma portaria esta …

Vacina da gripe disponível para mais grupos. Farmácias temem não ter stock suficiente

A vacina da gripe está, a partir desta segunda-feira, disponível para mais grupos populacionais com o início da segunda fase da campanha, que estende a vacinação a pessoas com 65 ou mais anos e pessoas …

Franceses em protesto para homenagear professor decapitado. Autoridades procuram radicais islâmicos

Milhares de pessoas reuniram-se no domingo no centro de Paris numa demonstração de repúdio pela decapitação do professor que mostrou aos seus alunos desenhos do Profeta Maomé. Os manifestantes da Praça da República ergueram cartazes onde …

Proud Boys acreditam na vitória de Trump: "Vamos Ganhar". Voto antecipado começa hoje na Florida

O líder do grupo Proud Boys disse à Lusa, durante uma manifestação em Miami, que Donald Trump vai vencer as eleições presidenciais norte-americanas, e rejeitou a acusação de que é dirigente de uma organização extremista. …

Projeto desenvolve testes rápidos de baixo custo para detetar imunidade

Um consórcio de universidades e uma empresa querem desenvolver "testes rápidos e de baixo custo" para detetar a resposta imunitária ao vírus SARS-CoV-2. O projecto TecniCov, que "obteve um financiamento de 450 mil euros da Agência …

"Medo constante". Human Rights Watch denuncia tortura na Coreia do Norte

Uma organização não-governamental denunciou esta segunda-feira que o sistema norte-coreano de detenção pré-julgamento e de investigação é cruel e arbitrário, com ex-detidos a descreverem tortura sistemática, corrupção e trabalhos forçados não-remunerado. No relatório de 88 páginas, …