Queda de Boeing 737-800 Max na Etiópia faz 157 mortes

Aero Icarus / Flickr

Boeing 787-800 Dreamliner da Ethiopian Airlines

Um Boeing 737-800 da companhia Ethiopian Airlines, que voava de Adis Abeba para Nairobi, no Quénia, caiu este domingo, provocando a morte de 149 passageiros e oito tripulantes.

De acordo com um comunicado divulgado pela companhia aérea, as buscas já começaram, mas para já não há informações sobre a identidade das vítimas, que, segundo informações da companhia, são de 33 nacionalidades diferentes. Não há sobreviventes.

Segundo um porta-voz da Ethiopian Airlines, o acidente com o voo ET 302 aconteceu por volta das 8h38. O Boeing partiu do aeroporto internacional de Bole, na capital etíope, Adis Abeba, e perdeu contato com a torre de controlo 6 minutos mais tarde. A queda aconteceu próximo da cidade de Bishotfu.

A companhia adiantou que vai enviar funcionários ao local do acidente para ajudar as equipes de resgate. Um centro de informações e um número de telefone foi colocado à disposição dos familiares das vítimas. O primeiro-ministro etíope, Abiy Ahmed, publicou no Twitter uma mensagem enviando as suas condolências às famílias.

A Ethiopian Airlines mantém linhas para muitos destinos em África, o que a torna uma empresa popular num continente onde muitas companhias voam apenas dos seus países para destinos fora da África.

A transportadora tem boa reputação no que diz respeito a questões de segurança. O último acidente grave de um avião da companhia etíope aconteceu em 2010, quando um aparelho explodiu depois de ter partido de Beirute, no Líbano, matando 90 pessoas. A aeronave tinha sido sequestrada por três etíopes que exigiam asilo na Austrália.

Modelo da aeronave é igual ao da Lion Air

O Boeing 737-800 Max da Ethiopian Airlines envolvido no acidente deste domingo é um modelo relativamente novo, lançado em 2016. Foi adicionado à frota da Ethiopian Airlines no ano passado.

A aeronave é do mesmo modelo do avião da Lion Air que caiu no mar na Indonésia em outubro do ano passado, 13 minutos depois de ter descolado de Jacarta, causando 189 mortes.

Após o acidente fatal na Indonésia, a Boeing divulgou aviso de segurança sobre os sensores do 737 Max, com instruções sobre como lidar com potenciais erros nos sensores da aeronave.

Investigadores do Comité Nacional de Segurança de Transporte da Indonésia, que  averiguaram o acidente, descobriram que um dos sensores do “ângulo de ataque” do avião tinha avariado e fornecido dados imprecisos. Segundo concluiu entretanto o Comité, o avião da Lion Air não devia ter sido autorizado a levantar voo.

ZAP // RFI / BBC

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

RESPONDER

Jesus não "perdoa" Vlachodimos pelo erro no dérbi. Vieira já definiu preço para o guardião

O jornal O Jogo escreve este sábado que o treinador do Benfica, Jorge Jesus, ainda não esqueceu o erro do guardião Odysseas Vlachodimos frente ao Sporting, numa partida para o campeonato que acabou com a …

Abandonar Aeroporto do Montijo e apostar em Alcochete custará ao Estado tanto como "15 hospitais"

O Aeroporto do Montijo está, de novo, em águas de bacalhau, mas se o Governo tiver mesmo de abandonar o projecto, o Estado terá de desembolsar uma indemnização de 10 mil milhões de euros. Além …

Equipas móveis vão percorrer o país para testarem alunos, professores e funcionários de escolas públicas

Equipas móveis - compostas por enfermeiros, técnicos e administrativos - vão percorrer o país para testarem todas as escolas públicas do continente. Numa primeira fase, o universo de testados rondará as 500 mil pessoas. O Público …

Disse para mim mesma: "Auriol, o primeiro é o teu lugar" - e foi

A portuguesa Auriol Dongmo conquistou, esta sexta-feira, a medalha de ouro do lançamento do peso nos Campeonatos da Europa de atletismo de pista coberta, que se estão a disputar em Torun, Polónia. Auriol Dongmo conquistou a …

Eduardo Quaresma não tem o que é preciso para singrar, diz olheiro de topo

Um olheiro internacional de topo considera que Eduardo Quaresma não tem aquilo que é preciso para singrar ao mais alto nível. Em declarações ao ZAP, o scout argumenta que lhe faltam qualidades físicas. Eduardo Quaresma é …

Governo aprova proposta de lei para retirar veto de autarquias a aeroportos

Após o chumbo do Montijo, o Conselho de Ministros aprovou, esta sexta-feira, uma proposta de lei que prevê a dispensa do parecer favorável das autarquias na construção de aeroportos. De acordo com o Observador, esta proposta …

João Loureiro regressou a Portugal. Diz ter sido "ingénuo ou utilizado" no caso do avião com cocaína

João Loureiro, antigo presidente do Boavista, aterrou esta sexta-feira em Portugal. Em declarações aos jornalistas, remeteu explicações para mais tarde. João Loureiro regressou a Portugal esta sexta-feira. O ex-presidente do Boavista afirmou ter sido “ingénuo” ou …

Pavlopetri é uma impressionante cidade subaquática na Grécia (e é das mais antigas do mundo)

A cidade foi descoberta nos anos 60 e acredita-se que tenha mais de 5 mil anos de história. Com o seu planeamento urbano praticamente intacto, o local ainda exibe ruas, pátios, edifícios e até mesmo …

Dos partidos aos patrões, há expectativas quanto ao plano de desconfinamento

O primeiro esboço do plano de desconfinamento será apresentado na reunião do Infarmed, marcada para a próxima segunda-feira. A apresentação do roteiro para a reabertura do país acontece no dia 11 de março. Esta semana, o …

"Estamos em pé de guerra." OMS defende dispensa de patente para países poderem fazer cópias baratas de vacinas

Os laboratórios devem dispensar as patentes se tal for necessário para garantir que todas as pessoas são imunizadas contra o novo coronavírus, defendeu o diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS). Num artigo publicado esta sexta-feira …