Departamento do Governo tem mais estagiários do que funcionários pagos

Mário Cruz / Lusa

António Costa, Augusto Santos Silva, Maria Manuel Leitão Marques e Mário Centeno

António Costa, Augusto Santos Silva, Maria Manuel Leitão Marques e Mário Centeno

Há um novo departamento da Presidência do Conselho de Ministros que tem mais estagiários a trabalhar, sem qualquer salário ou subsídio, do que funcionários remunerados.

Está em causa a recém-criada Unidade Técnica de Avaliação de Impacto Legislativo do Centro Jurídico da Presidência do Conselho de Ministros (CEJUR), onde trabalham dois consultores economistas e quatro estagiários, conforme avança o Diário de Notícias (DN).

A publicação atesta que estes estágios “curriculares, não remunerados” foram promovidos junto de diversas Universidades, num ofício onde se releva que visam “dar apoio à actividade desta unidade”.

“O CEJUR está disponível para integrar, como estagiários, alunos de mestrado ou doutoramento que desejem realizar um estágio profissional não remunerado“, dizia o mesmo ofício, segundo cita o DN, realçando que “os estágios profissionais não remunerados são ilegais“.

A Presidência do Conselho de Ministros garante ao jornal que aquela nota foi um “lapso” e que o ofício realçava como “assunto” a referência ao “recrutamento de estágios curriculares”. O DN confirmou que o ofício revelava, de facto, as duas versões em simultâneo.

Os quatro estagiários do departamento cumprem um horário de trabalho e tarefas que passam pelo desenvolvimento de processos de avaliação até à realização de relatórios ou à análise de custos e benefícios.

O CEJUR destaca ao DN que estes estágios curriculares se enquadram “no âmbito de protocolos” assinados com Universidades e que resultam na atribuição de “créditos” aos envolvidos, enriquecendo a sua formação.

O organismo recusa ainda que estes estagiários estejam a suprir necessidades permanentes do serviço, frisando antes que “a formação de bons profissionais futuros passa pela sua efectiva ligação à realidade, pelo que contribui para as suas qualificações”.

ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Isto não é novidade para ninguém na administração publica. O que não falta são departamentos com jovens licenciados precários ou jovens a receber 700 ou 800 euros há 10 anos e a fazer todo o trabalho, com grande responsabilidade de analise, relatórios e decisões enquanto os funcionários com carreira, a receber em média 2500 brutos mais suplementes de isenção horário, subsídios de função, etc que andam a passear o dia inteiro depois de irem picar o ponto. Este pais vive para sustentar esses funcionários e os pensionistas. São 80 mil milhões por ano, quase metade do PIB para quem nada produz.

    • Complemento ao “Queremos a Verdade”, por acaso nunca estive desempregado, apesar de ter iniciado a minha primeira atividade profissional aos 15 anos e já ter completado 54 anos de idade. Lamento no entanto que para além do que descreve, existem mais uns problemas a revelar, pagamos muitos subsídios de desemprego a quem anda a trabalhar às escondidas, retirando também algumas empresas e empresários benefícios claros, agrava-se a situação quando “apanhamos” reformados com idade de trabalhar, com reformas chorudas e a “roubar” postos de trabalho. Mas há muito mais, falta-me é disponibilidade de tempo para escrever !!!

Benfica anuncia surto de 17 casos e pode parar por duas semanas

Foram identificados 17 novos casos de covid-19 no SL Benfica. Em comunicado, o clube remete à DGS a decisão de parar durante duas semanas. O Benfica detetou 17 novos casos de covid-19 entre jogadores, equipa técnica …

Estátua de mulher da elite pré-hispânica encontrada no México

Uma estátua, com 500 anos, de uma jovem mulher com um grande ornamento na cabeça foi descoberta, no início de janeiro, no centro do México. De acordo com o site Live Science, a estátua de dois …

No último adeus à Casa Branca, Trump vai perdoar 100 pessoas (e manifestantes do Capitólio também querem)

O Presidente cessante dos Estados Unidos Donald Trump deverá emitir mais de 100 indultos presidenciais esta terça-feira, durante as suas horas finais na Casa Branca, mas não se pode perdoar a si mesmo ou à …

Sindicato revela que a TAP propôs o despedimento de 458 pilotos

O Sindicato dos Pilotos da Aviação Civil (SPAC) informou, esta segunda-feira, que a TAP apresentou uma contraproposta que inclui a dispensa de 458 pilotos, redução de remunerações e supressão de cláusulas do acordo de empresa. Em …

Acenar com as mãos, pés e cabeça. É assim que as rãs de vidro atraem a atenção dos seus parceiros

A maioria das rãs emite um coaxar característico como forma de atrair a atenção de um potencial parceiro. Contudo, algumas das espécies que "gritam" perto de riachos e cascatas aumentam o potencial de serem notadas, …

Marcelo diz que "atropelar este ano letivo era dramático", mas não fecha a porta ao encerramento das escolas

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, considerou, em entrevista ao Correio da Manhã esta segunda-feira, que "atropelar este ano letivo seria dramático", mas não fecha a porta ao encerramento das escolas. Em entrevista ao …

A adesão foi fraca, mas arranca hoje a recolha de votos em lares e de eleitores em confinamento

Os votos para as eleições presidenciais dos quase 13 mil idosos em lares e pessoas em confinamento devido à covid-19 que se inscreveram para votar antecipadamente começam a ser recolhidos por todo o país esta …

Primeiras doses da vacina da Johnson podem estar disponíveis em Portugal no segundo trimestre

O diretor médico da Janssen, Manuel Salavessa, estimou esta terça-feira que as primeiras 1,25 milhões de doses da vacina contra a covid-19 desenvolvida pela Johnson & Johnson possam estar disponíveis em Portugal no segundo trimestre …

Cientistas descobrem anticorpo que bloqueia o vírus da dengue

Uma equipa de investigadores descobriu um anticorpo que bloqueia a propagação do vírus da dengue dentro do corpo. Pode ainda permitir novos tratamentos para outros flavivírus, como o Zika e o Nilo Ocidental. A infeção é …

Cientistas transmitem sinais quânticos usando drones. É o primeiro passo para uma nova era da Internet

A Internet quântica é um sistema teórico que utiliza sinais quânticos para partilhar informações. Um nova investigação demonstrou que, surpreendentemente, os drones podem ter um papel importante neste processo. Uma equipa de cientistas da Universidade de …