Curva em Itália parece estar a aplanar. Confirmado primeiro caso num campo de refugiados grego

Fabio Frustaci / EPA

A Itália registou mais 4.053 casos positivos e mais 837 mortes em 24 horas, valores semelhantes aos de segunda-feira e que sugerem que a curva da covid-19 parede estar a estabilizar.

De acordo com o Observador, a curva em Itália parece estar a planar. Esta terça-feira, o país registou mais 4.053 casos positivos e mais 837 mortes em 24 horas. No entanto, os valores são semelhantes aos registados na segunda-feira, o que sugere que a curva parece estar a estabilizar.

Desde que registou o primeiro caso de infeção por covid-19, a Itália já registou 105.792 casos, dos quais 12.428 morreram e 15.729 já recuperaram. O ligeiro aumento de casos contabilizados nas últimas 24 horas é justificado pelo facto de o país ter feito mais testes do que no dia anterior, mas o pico da pandemia parece ter sido ultrapassado.

A região mais afetada em Itália, a Lombardia, regista 43.208 casos de infeção, mais 2,5% do que os valores de segunda-feira. Já Vale de Aosta foi a região que teve o maior aumento de casos nas últimas 24 horas: 628 casos, mais 44 do que na segunda-feira, o que equivale a um aumento de 7,5%.

Primeiro caso em campos migratórios na Grécia

Esta terça-feira, o Ministério para as Migrações grego anunciou o primeiro caso confirmado de infeção pelo novo coronavírus no campo de refugiados de Ritsona, perto de Atenas. A migrante foi diagnosticada após ter dado à luz num hospital da capital.

Este é o primeiro caso oficial de infeção pelo novo coronavírus entre os migrantes que vivem em campos de acolhimento de refugiados na Grécia.

A requerente de asilo “oriunda do continente africano”, segundo a televisão pública grega ERT, teve um parto por cesariana há dois dias num hospital de Atenas, antes de ter sido diagnosticada com covid-19, indicou uma fonte hospitalar, citada pelas agências internacionais.

Cerca de dez profissionais da unidade hospitalar, que tiveram em contacto com a doente, foram colocados em quarentena. Três outros pacientes que estavam na mesma enfermaria e o recém-nascido serão submetidos a testes à doença covid-19, adiantou a mesma fonte. O pai do recém-nascido não está infetado.

Peritos do sistema nacional de saúde grego deslocaram-se a Ritsona para rastrear as pessoas que tiveram em contacto com o casal e tentar identificar a origem do contágio desta migrante.

Alguns dias antes de ter deliberado o confinamento geral da população grega, o governo da Grécia impôs medidas restritivas nos vários campos de refugiados sobrelotados que existem naquele país. Nestes campos vivem dezenas de milhares de pessoas, em condições de vida precárias e em condições sanitárias muito débeis.

Os testes para rastrear eventuais casos de covid-19 são raros nestes campos e de difícil acesso, devido ao cancelamento de atribuição de um número de segurança social aos migrantes, medida decidida pelo governo grego conservador após ter chegado ao poder, em 2019.

381 mortes. Reino Unido tem o pior dia de sempre

O Reino Unido tem 25.150 casos confirmados de infeção pelo novo coronavírus e 1.789 vítimas mortais. Uma das 381 vítimas mortais registadas nas últimas 24 horas é um jovem de 19 anos que não tinha outras complicações de saúde antes de ser infetado.

Segundo o Observador, os números oficializados esta terça-feira são os mais altos registados em 24 horas e elevam o número de vítimas mortais em 27% em relação às contagens de segunda-feira.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Carga viral na saliva ajuda a determinar o futuro de pacientes infetados com covid-19

A carga viral na saliva de um paciente infetado com o novo coronavírus pode ajudar a prever o seu futuro quadro clínico, conclui um novo estudo da Universidade de Yale, que associou a quantidade de …

Sony testa o seu primeiro carro elétrico nas estradas austríacas

Os veículos elétricos estão em voga e nem a Sony faltou à chamada. A empresa revelou que o Vision-S está a ser testado em condições de inverno em estradas públicas na cidade austríaca de Graz. No …

Enguias elétricas caçam em grupo como matilhas de lobos

Uma equipa de cientistas observou, nas profundezas da bacia do rio Amazonas, no Brasil, vários espécimes de enguias elétricas, um tipo de peixe considerado solitário, a caçar em grupo, revelou uma nova investigação. De acordo …

“Tudo o que iniba o contacto entre as pessoas faz sentido”, afirma virologista

O virologista Pedro Simas afirmou que a evolução da pandemia em Portugal indicava que “alguma coisa era preciso fazer” para restringir a movimentação de pessoas e defendeu o reforço a vacinação dos grupos de risco. “Tudo …

"Desumano": Sp. Covilhã empatou com o líder (e só tinha dois suplentes)

Surto de covid-19 e algumas saídas no mercado de inverno limitaram as opções de Capucho, que no entanto saiu de Estoril com um ponto. Guarda-redes deixou palavras fortes após o jogo. O Estoril desperdiçou a oportunidade …

Podem existir vestígios de dinossauros "enterrados" na Lua (e até em Marte)

O impacto do asteróide que dizimou os dinossauros da face da Terra há cerca de 65 milhões de anos, no final do período Cretáceo Superior, pode ter catapultado vestígios destes animais pré-históricos para a Lua e …

Apple prepara iPhone dobrável com "dobradiça quase invisível"

A gigante norte-americana Apple está a trabalhar em prol de iPhone com ecrã dobrável, avançou fonte próxima do processo à Bloomberg. De acordo com a agência, a tecnológica sediada em Cupertino, no estado norte-americano da Califórnia, …

Leiria com milhões de euros "perdidos" na Taça da Liga

Prova vai ter as bancadas vazias. Presidente da Câmara Municipal de Leiria falou sobre os impactos financeiros nas receitas e nas despesas. A Taça da Liga mudou-se para Leiria. Depois de Braga, será a cidade do …

PSG assume "lugar marcado" para negociar Lionel Messi

O diretor desportivo do Paris Saint-Germain (PSG) não esconde o interesse do clube em Lionel Messi, afirmando mesmo que o emblema francês tem "lugar marcado" para a eventualidade de negociar a contratação do astro argentino. …

Apesar da nova vaga, primeiro-ministro japonês garante realização dos Jogos Olímpicos

O primeiro-ministro japonês garantiu, esta segunda-feira, que o país continua comprometido em realizar os Jogos Olímpicos no verão, apesar do número crescente de casos de covid-19 no mundo. "Vamos preparar os Jogos, como prova de que …