“Pandemia do medo”. Crianças brincam cada vez menos e isso pode aumentar a ansiedade

A pandemia assim o obriga. Mais tempo fechadas em salas de aula e sem oportunidades para brincarem com os amigos, as crianças estão cada vez mais sedentárias e isso não é positivo para o seu desenvolvimento.

O sedentarismo e a vontade de ficar o dia todo agarrado ao telemóvel ou ao computador já era um problema que muitos pais enfrentavam com as crianças. Agora, com a pandemia este cenário tem-se agravado cada vez mais.

“Presas” dentro de casa, as crianças viram o seu dia a dia desvanecer. Foram-se os jogos com os amigos, as correrias no recreio e perdeu-se o verão, algumas das coisas que ainda as faziam sair do sofá.

Em declarações ao Expresso, o psicoterapeuta Nuno Moura revela que o facto dos adolescentes e crianças passarem muito tempo ao telemóvel foi uma das coisas que a pandemia veio agravar.

A importância de brincar está consagrada na lista que apresenta os Direitos das Crianças, declarados em 1959 pela Organização das Nações Unidas. É o sétimo do conjunto de dez e determina o direito à educação gratuita e à “plena oportunidade para brincar”.

De acordo com os especialistas do estudo “The Power of Play”, a atividade promove as “capacidades socioemocionais, cognitivas, de linguagem e de autorregulação que constroem a função executiva e um cérebro pró-social”.

Numa altura em que temos de cumprir o distanciamento social, o professor catedrático da Faculdade de Motricidade Humana, Carlos Neto, fala numa “pandemia do medo”, dominada por regras que só aumentam “a ansiedade”.

“Há circunstâncias em que o medo é pior que o vírus”, acredita o professor, que desde há muito vem alertando para o tempo excessivo que as crianças passam fechadas em salas de aulas.

Carlos Neto relembra que “o mundo já ultrapassou situações difíceis como esta, é preciso ser resiliente”, defende, apontando como solução a recuperação dos espaços exteriores, “onde é inclusivamente mais fácil garantir distanciamento, arejamento e ganhar imunidade”. O especialista olha para este momento como “uma oportunidade” de reinvenção. “Fala-se muito de saúde mental. E o corpo?”, questiona.

Alterações do sono, ansiedade, manifestações de medo ou uma atitude mais passiva, são os sinais do desconforto causado e que requerem atenção, defende Nuno Moura.

Uma boa solução é aproveitar o maior tempo de que disponham agora, todos juntos em casa, para “encontrar atividades lúdicas” que a todos envolvam, jogos e brincadeiras que sejam ao mesmo tempo uma alternativa aos telemóveis e computadores, sugere o psicoterapeuta.

Carlos Neto insiste no risco de ficarem “marcas físicas, psicológicas e emocionais” na autoestima das crianças, que nota mais agitadas e com menos capacidade para estarem atentas. “As crianças precisam de mais natureza, e os pais também podem chamar a si esta tarefa”, realça.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Novo máximo diário com 218 mortes. Morre uma pessoa com covid-19 a cada 7 minutos

Portugal contabilizou esta terça-feira 218 mortes, um novo máximo de óbitos em 24 horas, relacionados com a covid-19, e 10.455 novos casos de infeção pelo novo coronavírus, segundo a Direção-Geral da Saúde (DGS). Quase metade das …

Ana Gomes teme que processos BES e Operação Marquês acabem como o dos submarinos

A candidata presidencial Ana Gomes disse ontem temer que processos como os do BES e da Operação Marquês terminem como o dos submarinos, em que considerou que se "trabalhou para a prescrição". Na conversa online que …

Recuperação só em 2022, disse Vestager. Leão quer aprovação rápida dos planos para a UE

A vice-presidente executiva da Comissão Europeia, Margrethe Vestager, afirmou que a recuperação europeia só será "sentida como tal" em 2022, mas que no outono já poderão ser visíveis alguns sinais, caso a vacinação contra a …

Marcelo aprova novas medidas e anuncia reunião com especialistas para discutir situação das escolas

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, assinou esta terça-feira o decreto do Governo que altera a regulamentação do estado de emergência devido à pandemia de covid-19 e anunciou uma reunião com especialistas na …

Jerónimo na campanha de João Ferreira para homenagear os que "se levantaram contra o fascismo"

O candidato presidencial comunista contou com a presença do secretário-geral do PCP, esta segunda-feira, na Marinha Grande, que destacou a importância de lutar contra os atuais "traços de regressão democrática". Durante uma ação na Escola Secundária …

Gilberto, Vertonghen, Grimaldo, Diogo Gonçalves e Waldschmidt infetados

Os futebolistas do Benfica Gilberto, Vertonghen, Grimaldo, Diogo Gonçalves e Luca Waldschmidt são os mais recentes casos positivos ao novo coronavírus no plantel do Benfica, informou esta terça-feira o clube da Luz. “O Sport Lisboa e …

Hospital de Portalegre abre inquérito a morte de doente que esteve 3 horas em ambulância

O hospital de Portalegre vai abrir um inquérito para apurar as circunstâncias da morte de um octogenário, na noite de segunda-feira, na área dedicada aos doentes respiratórios, depois de estar quase três horas numa ambulância, …

"Não somos heróis". Há quartéis que podem fechar se não houver vacinas para os bombeiros

O presidente da Associação Nacional de Bombeiros Profissionais (ANBP), Fernando Curto, disse que se o número de bombeiros infetados com covid-19 continuar a este ritmo muitos quartéis podem ter de encerrar. "As carrinhas de transporte de …

Mayan ouve lesados da pandemia e diz que "limitações têm de vir acompanhadas do cheque"

Tiago Mayan Gonçalves ouviu as lamentações de uma série de empresários algarvios afetados pela pandemia. O candidato aponta o dedo ao Governo, argumentando que "limitações severas têm de vir acompanhadas do cheque". Esta segunda-feira, Tiago Mayan …

Itália: Da crise pandémica à crise política. Conte tem agora o voto de confiança dos deputados

O primeiro-ministro italiano, Giuseppe Conte, obteve ontem a confiança dos deputados para se manter no governo, depois da demissão de duas ministras do partido Itália Viva (IV) ter aberto uma crise política, deixando o governante …