Covid-19: França com quase 20 mil mortos, Reino Unido passou os 16 mil

Fabio Frustaci / EPA

A França registou 395 mortos nas últimas 24 horas, em meio hospitalar e em lares, perfazendo assim um total de 19.778 mortos desde o início da pandemia, anunciou hoje fonte oficial.

Os números do avanço do vírus em França foram divulgados hoje numa conferência de imprensa conjunta do primeiro-ministro, Édouard Philippe, e do diretor-geral da Saúde, Jérôme Salomon.

Desde 1 de março, morreram em França 12.069 pessoas em meio hospitalar, enquanto nos lares foram registados 7.649 óbitos. Há no país 30.610 pessoas hospitalizadas devido à covid-19 e 5.744 destes pacientes estão nos cuidados intensivos.

Tanto o número de pessoas hospitalizadas como os pacientes em estado grave têm vindo a descer, com Salomon a referir “uma lenta regressão” estável do número de novos casos no país.

O Reino Unido registou mais 596 mortes de pessoas infetadas com covid-19 nas últimas 24 horas, aumentando para 16.060 o número de óbitos durante a pandemia, informou hoje o Ministério da Saúde britânico.

O número total de casos de contágio é agora de 120.067, mais 5.850 do que no dia anterior, referiu a mesma fonte.  No sábado, tinham sido registadas mais 888 mortes e 5.526 novos casos de pessoas infetadas relativamente ao dia anterior.

Os números das mortes são compilados a partir de dados das direções regionais de Inglaterra, Escócia, País de Gales e Irlanda do Norte e referem-se a óbitos registados até às 17:00 da véspera apenas em hospitais.  O número de pessoas infetadas é contabilizado de forma diferente e inclui os diagnósticos feitos até às 9:00 de hoje.

A Itália declarou hoje mais 433 mortes por covid-19, o número mais baixo de vítimas desta semana, e confirmou a tendência de abrandamento dos efeitos da pandemia no país, que já provocou 23.660 óbitos.

De acordo com os dados apresentados pela Proteção Civil italiana, foram registados nas últimas 24 horas menos 49 mortos face aos 482 anunciados no sábado.

Paralelamente, o número total de casos de infeção desde que o surto foi detetado em Itália, em 21 de fevereiro, é de 178.972, ou seja, mais 3.047 novos casos diagnosticados em relação à véspera. Também a este nível se registou uma queda nos números, depois dos 3.491 novos casos reportados no sábado pelas autoridades sanitárias transalpinas.

Itália é o segundo país com mais mortos (23.660, em quase 179 mil casos), apenas atrás dos Estados Unidos da América, que lideram em óbitos (39.090) e em casos de infeção confirmados (mais de 735 mil).

Depois seguem-se Espanha (20.453 mortos, mais de 195 mil casos), França (19.718 mortos, mais de 151 mil casos) e Reino Unido (15.464 mortos, mais de 114 mil casos).

A pandemia de covid-19 já fez mais de 160 mil mortos em todo o mundo e cerca de dois terços dessas mortes ocorreram na Europa, de acordo com um balanço feito pela agência France-Presse pelas 10:40.

De acordo com várias fontes oficiais de todo o mundo, estavam registadas 160.502 mortes  associadas à pandemia de covid-19, das quais 101.398 na Europa, o continente mais afetado. Em termos de número de casos de infeção, a AFP contabilizou 2.331.318 casos, dos quais 1.151.820 foram registados no continente europeu.

ZAP ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Juventus: FC Porto deverá ter Dybala pela frente (durante 30 minutos)

Uma das figuras do campeão italiano pode reduzir a lista longa de lesionados no plantel. E o regresso deverá acontecer contra o campeão português. Paulo Dybala continua fora dos jogos da Juventus mas há uma data …

A Via Láctea pode estar cheia de "Terras" (com oceanos e continentes)

Uma equipa de investigadores da Universidade da Dinamarca acredita que a Via Láctea pode estar cheia de planetas semelhantes à Terra, com oceanos e continentes. Há muito tempo que os astrónomos vasculham o vasto Universo na …

Podem as leis da Física refutar a existência de Deus?

Se existe um Deus que criou todo o universo e todas as leis da Física, Deus segue as suas próprias leis? Ou pode Deus substituir as suas leis, como viajar mais rápido do que a …

Covid-19. Perda de olfato e paladar pode durar até cinco meses

A perda dos sentidos do olfato e do paladar pode durar até cinco meses depois da infeção por covid-19, segundo um estudo preliminar dado a conhecer esta terça-feira, sendo os resultados definitivos apresentados em abril, …

Na Florida, duas mulheres disfarçaram-se de idosas para serem vacinadas contra a covid-19

Na Florida, duas mulheres disfarçaram-se de idosas para conseguirem receber a segunda dose da vacina contra a covid-19, mas foram "apanhadas". De acordo com a CBS News, duas mulheres foram "apanhadas" a tentar obter as segundas …

O Rei Leão. Teoria que nasceu no TikTok sugere que Mufasa foi vítima de canibalismo

Christian Jones, um fã do filme de animação O Rei Leão, partilhou no TikTok uma teoria intrigante sobre a história da Disney. No filme O Rei Leão, o leão patriarca Mufasa é assassinado e substituído pelo seu …

Gérard Depardieu indiciado por violação e agressão sexual

Gérard Depardieu foi acusado de "violação" e "agressão sexual" de uma jovem atriz e bailarina em Paris, atos que terão ocorrido nos dias 7 e 13 de agosto de 2018. O ator francês Gérard Depardieu foi …

Uma experiência artística imersiva. Abriu em Las Vegas um supermercado psicadélico

A mercearia mais excecional dos Estados Unidos já abriu. O Omega Mart baseia-se numa experiência artística imersiva, criada pela empresa de artes e entretenimento Meow Wolf, e está agora oficialmente aberto no complexo de artes …

A imensa erupção do Etna surpreendeu até quem estuda vulcões

Há mais de uma semana que o vulcão Etna tem vindo a expelir lava, cinzas e rochas vulcânicas. Aquele que é considerado o vulcão mais ativo da Europa foi o protagonista dos últimos dias na …

Fotógrafo descobre raro pinguim amarelo na Geórgia do Sul

O pinguim amarelo foi fotografado na Geórgia do Sul, em dezembro de 2019, e as fotografias do animal estão agora a correr o mundo. Especialistas estão divididos sobre a causa desta condição rara. Este raro pinguim …