Costa preocupado com desconfinamento. Concelhos de risco dão dores de cabeça

Hugo Delgado / Lusa

Com a terceira fase de desconfinamento aí à porta, o Governo ainda tem dúvidas sobre o que fazer, mantendo algumas pontas soltas. A maior preocupação incide nos concelhos onde há mais casos.

Durante a reunião do Infarmed, que ocorreu esta terça-feira de manhã, António Costa pediu aos especialistas conselhos sobre o que fazer a nível local e pediu-lhes se podiam “ajustar” melhor o indicador concelhio.

A dúvida sobre o que fazer localmente, nos casos em que os concelhos estão com nível de risco no vermelho, tem sido uma das preocupações do primeiro-ministro, sobretudo depois da reunião com alguns autarcas a semana passada.

Segundo o Expresso, Costa perguntou se era possível ajustar a leitura do risco a nível local e regional, isto porque há casos, em alguns concelhos, que estão ligados a contextos concretos de surtos.

Óscar Felgueiras, da Administração Regional de Saúde do Norte e Faculdade de Ciências da Universidade do Porto, que desenhou o plano em que o Governo se baseou para o desconfinamento, disse apenas que é preciso olhar para os indicadores concelhios como “sinalizadores” e fazer o cruzamento com o que decidem as autoridades locais.

De acordo com o Observador, nos planos do Governo podem estar confinamentos locais sempre que a situação assim o obrigue – que podem abranger um único concelho ou vários concelhos vizinhos –, impondo também limitações de circulação entre autarquias

O plano apresentado pelo Governo prevê que a partir de 19 de Abril abram todas as lojas e centros comerciais, bem como todos os restaurantes, cafés e pastelarias até às 22h (e às 13h ao fim de semana), os cinemas, teatros, auditórios e salas de espetáculo e ainda que abram as restantes escolas: secundárias e ensino superior.

No entanto, é preciso cautela na abertura. Os especialistas alertam que o país pode atingir os níveis de risco (o vermelho na matriz que serve de bússola) ainda em abril (nos próximos 15 dias a um mês).

Agora, os olhos estão postos nos mais novos, mas isso não deverá impedir a reabertura das escolas secundárias e do ensino superior como previsto.

Da reunião, António Costa saiu com um conforto e com luz verde para continuar a abertura dos estabelecimentos de ensino.

DGS prepara plano para visitas aos lares

Na reunião ficou ainda claro que a Direção-Geral de Saúde (DGS) vai definir em breve novas orientações para visitas aos lares.

Apesar de grande parte deste grupo estar já vacinado, as visitas aos lares continuam fortemente condicionadas e com muitas restrições.

Os idosos que deixam os lares por mais do que um dia estão obrigados a cumprir um isolamento de duas semanas, e como há lares que dizem não ter condições para garantir esse isolamento, muitos idosos estão a ser impedidos de deixarem as instalações.

As restrições estão a motivar críticas, que têm alertado para os riscos de medidas desta natureza para a saúde mental dos mais velhos.

Contudo, o Governo assegurou que em breve serão definidas novas orientações para permitir menos restrições nas visitas aos lares.

Ana Isabel Moura Ana Isabel Moura, ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

"Mudou radicalmente". Diretor da PJ diz que Rui Pinto está a colaborar com a Justiça

O diretor nacional da Polícia Judiciária (PJ), Luís Neves, enfatizou esta quarta-feira a importância da colaboração estabelecida com Rui Pinto e sublinhou que o principal arguido do processo Football Leaks "mudou radicalmente" de atitude há …

Pessoas sem-abrigo vão poder indicar autarquias como morada

Os portugueses sem endereço postal físico vão poder indicar a morada de uma autarquia, de um serviço local da Segurança Social ou de uma associação da sociedade civil sem fins lucrativos quando fazem o cartão …

Marcelo sobre festejos do Sporting: "Quem deve prevenir não conseguiu prevenir"

O Presidente da República defendeu, esta quarta-feira, que "quem deve prevenir" aglomerados de pessoas como os dos festejos do Sporting, em Lisboa, "não conseguiu prevenir", esperando que tal "não tenha custos" para a saúde pública …

Em 2040, reformas vão cair para metade em Portugal

A Comissão Europeia prevê que, até 2040, os pensionistas passem a viver com pouco mais de metade do salário que tinham. Discrepância entre os últimos rendimentos do trabalho e as pensões de reforma dos portugueses …

Bruxelas piora previsões para défice português, mas melhora as do desemprego

A Comissão Europeia piorou hoje em duas décimas as previsões para o défice português, esperando um saldo negativo das contas públicas de 4,7% este ano. Contudo, melhorou as da dívida pública em três pontos percentuais, …

Barcelona empata com o Levante e "despede-se" do título espanhol

O FC Barcelona deu hoje um gigante passo atrás na corrida ao título espanhol de futebol, ao empatar 3-3 no reduto do Levante, depois de estar a ganhar por 2-0 e 3-2, em encontro da …

Crónica ZAP - Linha de Fundo por Teófilo Fernando

Linha de Fundo: 11.05.2021

Festa verde e assunto encerrado. Sporting quebra jejum de 19 anos e volta a celebrar a conquista de um título de campeão nacional. O novo desafio de Mourinho. As finais da Champions e Liga Europa. …

Certificado covid-19. Preço para os testes na UE gera discórdia

O Certificado Verde Digital, proposto pela Comissão, deverá passar a chamar-se Certificado Covid19 da UE, admitiu a presidência portuguesa da União Europeia. Os eurodeputados querem testes gratuitos para quem viaja, mas essa proposta esbarra nos …

Paulo Fonseca em negociações com o Lyon

O ainda treinador da AS Roma, que vai ser substituído por José Mourinho na próxima temporada, já estará em negociações com o Lyon. Segundo o jornal Record, Paulo Fonseca não só figura na lista de prioridades …

"Incongruente" e "inadequada". Antigos militares criticam reforma das Forças Armadas

Antigos militares consideram que o melhor seria suspender a proposta do Governo que admitem que "nem em tempo de guerra tem lugar". Um grupo de antigos militares GREI - Grupo de Reflexão Estratégica Independente - sugere …