Costa não vai pedir fiscalização do Orçamento para evitar conflito com o Parlamento

Manuel de Almeida / Lusa

António Costa foi consultado por Marcelo Rebelo de Sousa sobre um eventual pedido de fiscalização da constitucionalidade de normas do Orçamento Suplementar. O primeiro-ministro respondeu que não o iria fazer para evitar um conflito com a Assembleia da República. 

A posição de António Costa é assumida numa carta, em resposta a uma outra carta do chefe de Estado, Marcelo Rebelo de Sousa, ambas datadas de quarta-feira e divulgadas no site da Presidência.

No final da missiva dirigida ao Presidente da República, Costa conclui: “Considera o Governo não ser oportuna a abertura de um conflito institucional com a Assembleia da República em torno do Orçamento Suplementa, pelo que não exercerei a minha prerrogativa de suscitar, junto do Tribunal Constitucional, a fiscalização da constitucionalidade das aludidas normas”.

Costa considera que as normas aprovadas não só farão subir o défice público para os 7%, como no plano jurídico violam a norma-travão que impede os deputados de aprovarem leis que façam aumentar a despesa ou diminuir a receita no ano económico em curso.

No plano das finanças públicas, o primeiro-ministro alerta o Presidente da República para os “riscos acrescidos que acarretam para a execução orçamental, inviabilizando desde já o cumprimento da meta que havia sido definida para o défice em 2020”.

“Muitas das normas em questão foram aprovadas sem que tivesse sido inscrita no Orçamento Suplementar a respetiva dotação, o que poderá conduzir a um agravamento do saldo orçamental previsto para 2020, passando a situar-se em 7% do Produto Interno Bruto (PIB)”, acrescenta António Costa.

As contas do Governo apontam para um agravamento do défice orçamental num montante que poderá atingir os 1,4 mil milhões de euros, sendo que 400 milhões vêm do aumento da despesa e cerca de mil milhões do lado da descida da receita, aponta o ECO.

Na carta endereçada a Marcelo, o Governo aponta três razões para não recorrer à fiscalização. A primeira prende-se com o facto de algumas alterações, “ainda que com distinta configuração”, terem servido para dar corpo a medidas que constavam do Programa de Estabilização Económica e Social, do próprio Governo.

Em segundo lugar, Costa sublinha que algumas medidas têm um alcance intertemporal, ou seja, diferem receita no tempo que poderá vir a ser recuperada no próximo ano. E, por último, diz que noutros casos as medidas “têm um impacto orçamental que, apesar de definitivo, revestem caráter excecional e irrepetível”.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Ryanair desregulou escalas dos trabalhadores que rejeitaram cortes em Portugal

A Ryanair desregulou o regime de escalas habitual à "pequena minoria" de trabalhadores que recusou os cortes da empresa na sequência da pandemia de covid-19, retirando-lhes qualquer direito a bónus, segundo documentos a que a …

Vieira quer oferecer Bruno Henrique a Jorge Jesus

Embora Jorge Jesus não tenha pedido a contratação de Bruno Henrique, o presidente benfiquista quer comprar o avançado brasileiro como prenda para o novo treinador. Luís Filipe Vieira está a estudar a contratação de Bruno Henrique, …

"Dimensão ética". Presidente do Novo Banco enviou uma carta a Marques Mendes a explicar o seu silêncio

Debaixo de fogo depois de serem reveladas as perdas avultadas relacionadas com a venda da carteira de imóveis do Novo Banco, António Ramalho enviou uma carta a Luís Marques Mendes, comentador da SIC, a explicar …

Ministério Público quer Jorge Jesus a testemunhar contra Rui Pinto

O Ministério Público (MP) quer que o treinador português Jorge Jesus testemunhe em tribunal contra o "pirata informático" Rui Pinto, que esta semana deixou a prisão domiciliária com a obrigação de se apresentar semanalmente à …

Guarda-redes do Atlético de Madrid já não escapa ao Sporting

O Sporting conseguiu, nas últimas horas, ultimar os detalhes do contrato que trará o guarda-redes espanhol António Adán para Alvalade. O jornal desportivo Record avança esta terça-feira que o contrato está a ser ultimado, adiantando que …

Dois agentes da PSP detidos em flagrante por tráfico de cocaína escondida em contentores de bananas

As autoridades portuguesas detiveram em flagrante quatro cidadãos nacionais por tráfico de droga, dois dos quais eram agentes da PSP em Faro. Fonte do gabinete de relações públicas da PSP adiantou à agência Lusa, que …

"Formiga do inferno." Descoberto fóssil preservado em âmbar com 99 milhões de anos

Uma equipa internacional de cientistas encontrou um fóssil preservado em âmbar que ilustra o exato momento em que uma formiga pré-histórica devora a sua presa. De acordo com o artigo científico, publicado recentemente na Current Biology, …

Isabel dos Santos deixa administração da operadora angolana Unitel

A empresária angolana Isabel dos Santos anunciou esta terça-feira que vai deixar o seu lugar na administração da operadora de telecomunicações Unitel. “Após 20 anos dedicados à criação, ao desenvolvimento e ao sucesso da Unitel, optei …

Rússia regista primeira vacina contra coronavírus (e filha de Putin já a tomou)

A Rússia tornou-se esta terça-feira o primeiro país do mundo a registar uma vacina contra o novo coronavírus, anunciou o presidente russo, Vladimir Putin, acrescentando que uma das suas filhas já foi inoculada. "Esta manhã foi …

Golo de Bruno Fernandes põe Manchester United nas meias da Liga Europa

O Manchester United, com um golo de Bruno Fernandes, e o Inter de Milão apuraram-se hoje para as meias-finais da Liga Europa de futebol, depois de baterem Copenhaga, após prolongamento, e Bayer Leverkusen, respetivamente. Já no …