Coronavírus faz duas vítimas mortais em Itália

Luca Zennaro / EPA

Duas pessoas morreram, em menos de 24 horas, infetadas com o coronavírus, em Itália. Já há a registar três mortes na Europa devido ao Covid-19.

A segunda morte está a ser avançada pela agência noticiosa italiana ANSA. A morte confirmada esta manhã é uma mulher da região da Lombardia. Ontem, um cidadão italiano, de 78 anos, morreu, na região de Veneto.

De acordo com o ministro da Saúde italiano, Roberto Speranza, citado pela agência France-Presse, o homem já estava internado há dez dias devido a problemas de saúde que não estavam relacionados com o novo coronavírus, mas contraiu, entretanto, o Covid-19.

A primeira morte na Europa pelo novo coronavírus ocorreu a 15 de fevereiro, em França, tratando-se de um turista chinês, originário da província de Hubei, a mais afetada na China, onde teve origem o surto. Já há a registar três mortes na Europa devido ao Covid-19.

Ontem à tarde, as autoridades italianas confirmaram que havia 16 pessoas infetadas pelo Covid-19 e outras 250 estavam em observação, e encerraram espaços públicos em pelo menos dez cidades.

Como medida de precaução, o Ministério da Saúde italiano decretou o encerramento de bares, escolas e outros locais públicos em pelo menos nove cidades da Lombardia e uma na zona de Veneto.

Hoje, o Irão também anunciou mais uma vítima mortal e dez novos casos de coronavírus, elevando o número total de mortos para cinco e o número de pessoas infetadas para 28.

“Temos dez novos casos confirmados de Covid-19”, disse o porta-voz do ministério da Saúde Kianouche Jahanpour na televisão estatal, acrescentado que “uma das dez pessoas infetadas infelizmente morreu”.

Pelo menos 142 novos casos na Coreia do Sul

A Coreia do Sul anunciou 142 novos casos de Covid-19, o que eleva para 346 o número de infetados. Entre os novos casos, as autoridades sul-coreanas identificaram em 92 pessoas uma ligação com um hospital em Cheongdo, no sul do país.

Naquela localidade nasceu o fundador da seita cristã Igreja de Shincheonji Lee Man-hee, que morreu há três semanas. Os três dias das cerimónias fúnebres decorreram numa sala do hospital de Cheongdo, fortemente atingida pelo coronavírus.

Mais de 150 membros da seita foram contaminados. O primeiro caso foi uma mulher de 61 anos que ignorava estar infetada e terá transmitido o vírus ao participar nos rituais religiosos.

As autoridades de Saúde da Coreia do Sul insistiram que, até ao momento, a epidemia ainda está numa fase controlável.

O coronavírus provocou já 2.345 mortos na China continental e mais de 76 mil infetados em todo o mundo.

Além das vítimas mortais no continente chinês, morreram cinco pessoas no Irão, três no Japão, duas na região chinesa de Hong Kong, duas na Coreia do Sul, uma nas Filipinas, uma em França, uma em Taiwan e duas em Itália.

A Comissão de Saúde da China sublinhou que 20.659 doentes recuperaram já da doença.

As autoridades chinesas isolaram várias cidades da província de Hubei para tentar controlar a epidemia, medida que abrange cerca de 60 milhões de pessoas.

ZAP ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Em 1925, "O Isolador" prometia bloquear qualquer tipo de distração

Procrastinar foi, é e sempre será um passatempo irresistível. Por isso, nos anos 20, houve quem apresentasse uma solução radical para evitar este problema: "O Isolador". De acordo com o site IFLScience, o chamado "Isolador" foi …

Seca no México revela uma igreja submersa há 40 anos

Uma igreja no estado de Guanajuato, no México, sobrevive entre a água e os peixes, como única testemunha de um povoado inundado por uma barragem há mais de 40 anos. Agora, devido à seca que …

Neymar prolonga contrato com o Paris Saint-Germain até 2025

O avançado internacional brasileiro Neymar renovou contrato com o Paris Saint-Germain até 30 de junho de 2025, informou hoje o tricampeão francês e vice-campeão europeu de futebol. “O Paris Saint-Germain tem o prazer de anunciar que …

Países usaram modelo do queijo suíço para conter a covid-19. Na Índia, alguns "buracos" eram demasiado grandes

A grande maioria dos países adotou a estratégia do queijo suíço para responder à pandemia. Na Índia, os "buracos" eram demasiado grandes em três das camadas mais importantes. Para responder à crise sanitária desencadeada pela covid-19, …

Primeira-ministra da Escócia declara que "haverá maioria pró-independência" no parlamento

A primeira-ministra da Escócia, Nicola Sturgeon, declarou hoje vitória nas eleições regionais, afirmando que "haverá uma maioria pró-independência" no parlamento escocês. Com as projeções a indicarem que o Partido Nacional Escocês (SNP), que lidera, foi o …

SOS Rio Paiva pede que se limite o número de visitantes à ponte e Passadiços do Paiva

A associação SOS Rio Paiva manifestou-se preocupada com o aumento da pressão turística e com a poluição, na sequência da inauguração da ponte suspensa em Arouca, e pediu que se limite o número de visitantes. A …

O seu antigo número de telemóvel pode ser usado para pirateá-lo

O seu antigo número de telemóvel pode ser usado para pirateá-lo, caso este ainda esteja associado a contas em sites ou redes sociais. Embora milhões de números de telemóvel sejam desconectados todos os anos, um novo …

Ataque à bomba contra escola feminina em Cabul faz 30 mortos e 79 feridos

A explosão de uma bomba junto a uma escola secundária para raparigas na zona ocidental de Cabul fez hoje pelo menos 30 mortos e 79 feridos, segundo um novo balanço feito pelas autoridades afegãs. “O número …

Tamám Shud. Exumação de corpo pode resolver um estranho mistério com 70 anos

As autoridades da Austrália aprovaram uma exumação do corpo de Tamám Shud - ou "Homem de Somerton" - e, em breve, o mistério de 70 anos pode estar resolvido. Em 30 de novembro de 1948, vários …

Costa, Von der Leyen na Cimeira Social no Porto

Vacinação no bom caminho com 25% da população da UE vacina

A Comissão Europeia anunciou este sábado que 200 milhões de doses de vacinas anticovid-19 chegaram já à União Europeia (UE) e 160 milhões de europeus já receberem a primeira dose, levando a que a vacinação …