Seis mortes e 1020 infectados. Quarentena obrigatória para quem chegar a Portugal

José Sena Goulão / Lusa

A Direcção-Geral da Saúde (DGS) anunciou a morte de mais três pessoas devido ao Covid-19, contando-se agora seis vítimas mortais devido à infecção provocada pelo novo coronavírus. O número de infectados já chegou aos 1020, o que representa um aumento de 30% relativamente à véspera, com mais 235 casos.

Mais duas pessoas já recuperaram da infecção, o que eleva para 5 o número total de pacientes dados como curados em Portugal.

Entretanto, 9.008 pessoas continuam sob vigilância pelas autoridades de saúde e há 850 casos suspeitos a aguardar resultados das análises.

A DGS refere, ainda, que entre os mais de mil infectados, apenas 126 pessoas estão internadas, das quais 26 estão nos Cuidados Intensivos. Quanto a idades, 142 pessoas têm idade igual ou superior a 70 anos, o que constitui o grupo de maior risco.

Entre as pessoas que morreram, uma faleceu na região Norte, duas na região Centro, duas na zona de Lisboa e Vale do Tejo e uma no Algarve.

Uma das pessoas que morreu será um homem de 64 anos, natural de Paços de Ferreira, como anunciou o vereador da área da Saúde da autarquia, Paulo Ferreira, revelando que faleceu numa unidade hospitalar, onde estava internado.

Na quinta-feira, a DGS anunciou que até às 11 horas tinham morrido três pessoas infectadas em Portugal. Um dos falecidos seria natural do concelho de Ovar, como referiu o presidente da Câmara local, Salvador Malheiro.

Quem entrar em Portugal, fica em quarentena 14 dias

Na conferência de imprensa da DGS, onde foi divulgado o boletim diário sobre o Covid-19, a directora-geral de Saúde, Graça Freitas, referiu que, a partir da próxima semana, “quem entre em Portugal vai ter de ficar em isolamento profiláctico durante 14 dias”.

A responsável de saúde também reforçou que o isolamento de pessoas doentes e sinalizadas é “obrigatório”, recomendando que os “hipertensos, diabéticos, pessoas com doença cardio-vascular ou doença oncológica” procurem “privar o mínimo possível com outros”. Graça Freitas refere que podem fazer “um passeio higiénico”, mas sem exagerar nos contactos.

A directora-geral também comentou a descida no número de testes de 1000 para 800 no último dia, considerando que “o número de testes que está a ser feito, não tem de ser crescente”. “Cada pessoa que precisa de fazer teste, faz o teste”, salientou Graça Freitas, considerando que “a maioria são negativos”

O secretário de Estado da Saúde, António Sales, referiu, por seu lado, que o Governo está a “estudar um conjunto de respostas para adquirir ventiladores, monitores e outros materiais” no estrangeiro.

António Sales também apontou que “o sucesso no combate à epidemia depende da resiliência pessoal” e da importância de “continuar a respeitar as orientações da DGS”.

Número de casos duplicou em 24 horas na Madeira

O número de casos de Covid-19 na Madeira duplicou nas últimas 24 horas, sendo agora de 6 pessoas infectadas, segundo o Instituto de Administração da Saúde (IASAÚDE). Os infectados serão 5 cidadãos dos Países Baixos e uma madeirense.

A vice-presidente do IASAÚDE, Bruna Gouveia, refere que há “mais quatro casos que aguardam validação pelo Instituto Ricardo Jorge, com resultado preliminar positivo”.

Há também 320 pessoas em vigilância e “117 destas pessoas estão associadas aos casos confirmados”, refere Bruna Gouveia. Entre os casos suspeitos, 104 turistas estão em isolamento preventivo num hotel, no Funchal, onde foi detectado o primeiro caso positivo de Covid-19 a 16 de Março.

Todos os casos confirmados até ao momento “estão estáveis” e encontram-se no internamento dedicado à Covid-19, no Hospital Central do Funchal, “sem necessidade de cuidados muito diferenciados”, segundo a responsável.

Na Madeira, já foram sinalizados 48 casos suspeitos de infecção pelo novo coronavírus, dos quais 38 foram negativos.

Os 6 casos de Covid-19 foram todos importados, incluindo o da cidadã madeirense que esteve no Dubai e estava em quarentena obrigatória decretada pelo Governo Regional.

Primeiro PSP infectado, na GNR há dois casos

A PSP registou o primeiro caso de infecção pelo novo coronavírus. Está em causa um agente de 30 anos, da esquadra de Queluz, em Sintra.

O polícia encontra-se isolado em casa e uma fonte oficial da PSP disse ao Diário de Notícias (DN) que a autoridade de saúde foi chamada de imediato e que a situação está a ser analisada, para saber que medidas adoptar.

A Guarda Nacional Republicana anunciou que tem dois militares infectados com o novo coronavírus, três com suspeitas de terem o vírus, 57 em quarentena e 77 em avaliação.

A pandemia de Covid-19 já atingiu mais de 235 mil pessoas em todo o mundo, contando-se mais de 9800 mortes e mais de 86.600 recuperadas.

ZAP ZAP // Lusa

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Todos os dias há mortos e feridos nas estradas. São milhões e milhões de feridos e mortos. Também vão decretar uma pandemia?

    • Caro leitor,
      Os mortos e feridos na estrada não contagiam outros condutores, e não matam os médicos e enfermeiros que deles tratam. Não saber o que é uma pandemia e tratá-la com ligeireza não é apenas ignorância, é irresponsabilidade social.

RESPONDER

A montanha pariu um rato? (Ou nem tanto) Sócrates ainda arrisca 12 anos de prisão

José Sócrates livrou-se dos crimes de corrupção na Operação Marquês, mas o juiz Ivo Rosa acusou declaradamente o ex-primeiro-ministro de se ter "vendido" ao amigo Carlos Santos Silva. Só que o crime já prescreveu e, …

China multa Alibaba em 2,33 mil milhões de euros por violações antimonopólio

As autoridades chinesas multaram o gigante' de comércio online Alibaba em 18,2 mil milhões de yuan (equivalente a 2,33 mil milhões de euros) por abuso de posição dominante, noticiou este sábado a imprensa estatal na …

PSD disse "não" ao Chega no continente, mas não nos Açores. Rio teme "impacto nacional"

O PSD rejeitou acordos autárquicos com o Chega no continente e a possibilidade de coligações no arquipélago dos Açores entram em choque frontal com política autárquica da direção do partido de Rui Rio. Na quarta-feira, quando …

Dezenas de pessoas estiveram presentes no último adeus do "sempre fundamental" Jorge Coelho

Várias dezenas de pessoas compareceram este sábado de manhã na Basílica da Estrela para a missa de corpo presente do antigo dirigente e ministro socialista Jorge Coelho, "um elemento sempre fundamental nos momentos mais difíceis …

Desconfinamento já se faz sentir nos internamentos. R(t) já está acima de 1

O número de casos está a aumentar e este efeito já se começa a sentir nos internamentos. Esta foi a segunda semana consecutiva com aumento de casos, com uma média de 495 novos casos diários. De …

Plano contra o racismo. Bloco de Esquerda é o único partido a favor de quotas no ensino superior

O Governo colocou em consulta pública o Plano de Combate ao Racismo e Discriminação, que prevê que alunos socialmente desfavorecidos poderão aceder ao Ensino Superior através de contingente especial. O Bloco de Esquerda é o …

Novo Banco vendeu carteiras ao melhor preço (e só depois avaliou conflitos de interesses)

A venda das três carteiras de crédito do Novo Banco em 2019 foi feita pelo preço mais alto e em conformidade com o Acordo de Capitalização Contingente (CCA), segundo a auditoria da Deloitte às operações. “Nos …

UE investiga possível ligação entre tromboses e vacina da Johnson&Johnson nos EUA

A Agência Europeia de Medicamentos (EMA) anunciou esta sexta-feira ter iniciado uma investigação sobre casos de coágulos sanguíneos após toma da vacina da Johnson & Johnson/Janssen contra a covid-19, antes de o fármaco estar disponível …

Cabras

"É um terror. Nunca vi disto". Relâmpago matou 68 cabras no Alto Minho

Um relâmpago matou 68 cabras na freguesia de Gondoriz, em Arcos de Valdevez, distrito de Viana do Castelo. O pastor que perdeu os animais, Dário Silva, diz que, em "40 anos de serra", nunca viu …

Placa de pedra da Idade do Bronze poderá ser o mapa mais antigo da Europa

Uma placa de pedra da Idade do Bronze, redescoberta em 2014 em França, poderá ser o mapa tridimensional mais antigo já conhecido da Europa. De acordo com a BBC, a laje de pedra, conhecida como placa …