Contagem do tempo leva 25% dos professores ao topo da carreira

Mário Cruz / Lusa

Dos cerca de 99 mil professores que existem no Ministério da Educação, cerca de 22.300 atingiriam o topo da carreira se o tempo de serviço congelado, passando assim ter uma remuneração base da ordem dos 3.500 euros brutos.

Quase um quarto dos professores chegaria ao topo da carreira no próximo ano se o tempo de serviço congelado nos últimos sete anos for tido em conta, disse fonte do Governo à Agência Lusa.

Segundo a mesma fonte, dos cerca de 99 mil professores que existem no Ministério da Educação, cerca de 22.300 atingiriam o topo da carreira nessa situação, passando assim ter uma remuneração base da ordem dos 3.500 euros brutos.

A contagem do tempo de serviço entre 2011 e 2017 resultaria ainda num aumento salarial anual de 15 mil euros para cerca de 6 mil professores, adiantou.

O ministro das Finanças, Mário Centeno, tinha dito que o descongelamento das carreiras dos professores teria um impacto orçamental de 650 milhões de euros em 2018, caso os anos do congelamento contassem.

Tendo em conta o universo atual de docentes, o aumento médio salarial seria assim da ordem dos 6 mil euros por docente.

Também segundo Mário Centeno, no próximo ano, serão cerca de metade (46 mil) os professores que reunirão as condições para progredir na carreira, com um impacto orçamental estimado em 90 milhões de euros. Para a totalidade da administração pública (incluindo os professores) estão previstos cerca de 200 milhões no próximo ano.

Na segunda ronda de reuniões entre o Ministério da Educação e os sindicatos dos professores, que começaram na noite de sexta-feira e duraram 10 horas, foi assinada uma declaração de compromisso. À saída do encontro, o Governo considerou que o acordo traduz um modelo “financeiramente sustentável”.

No documento, ficou estipulado que os sindicatos e o Governo vão agora definir “o tempo, o modo de recuperação e o calendário” em que ocorrerá o descongelamento.

Ficou ainda acordada a negociação do “modelo concreto da recomposição da carreira que permita recuperar o tempo de serviço”.

“Do modelo resultará a distribuição no tempo dos impactos orçamentais associados, num quadro de sustentabilidade e de compatibilização com os recursos disponíveis face à situação financeira do país, com início da produção dos seus efeitos nesta legislatura e prevendo-se o seu final no termo da próxima”, lê-se no documento.

// Lusa

 

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. Que engraçado. Ao longo destes anos de congelamento de carreira dos professores, ninguém abordou as subidas de vencimento de políticos e de médicos. Parece que é uma escandaleira pegada os profs. verem os seus vencimentos restaurados; bem e quanto a uma boa fatia de políticos, que durante anos nos têm enterrado em dívidas por corrupção e/ou má gestão do nosso dinheiro (é o dinheiro do Estado que gastam — aquele que pagamos em impostos)? E as pensões vitalícias dos políticos?
    E os médicos, que têm os seus vencimentos bem atualizados? E persistem as listas de espera para cirurgias enormes, continuam hospitais e centros de saúde sem medicamentos e outros materiais essenciais?
    Então não há revolta em torno destas questões?

  2. Se tudo isto for para a frente com os professores e depois seguramente com polícias, enfermeiros, médicos, técnicos de diagnóstico, juízes, oficiais de justiça, polícias, etc, etc, etc… É UM CRIME para qualquer trabalhador do privado. Isto é uma chulice e uma total irresponsabilidade do PS.

RESPONDER

Pandemia, campanha anticomunista ou geringonça? As justificações para a derrota do PCP

Pandemia, campanha anticomunista, geringonça ou outra coisa qualquer? O que justifica a hecatombe do PCP nas duas últimas eleições autárquicas? A noite eleitoral foi um tombo para o PCP, que, além de não ter conseguido recuperar …

"Os eleitores fizeram-se ouvir muito bem". SPD responde à CDU e quer aliança com os Verdes e FDP

Armin Laschet tinha anunciado que a CDU queria liderar o executivo apesar do mau resultado, o que já motivou uma resposta do SPD. O líder dos conservadores está também debaixo de fogo dentro do próprio …

Durante a Administração Trump, CIA terá abordado hipótese de raptar e até assassinar Assange

Em 2017, a CIA terá considerado raptar e discutido planos para assassinar o fundador do WikiLeaks, Julian Assange, atualmente preso em Londres. Membros seniores da CIA discutiram a possibilidade de raptar e de assassinar Julian Assange …

Biden já recebeu a dose de reforço da vacina contra a covid-19

O Presidente dos Estados Unidos recebeu, esta segunda-feira, a dose de reforço da vacina contra a covid-19, em direto na televisão, para encorajar os norte-americanos elegíveis a fazerem o mesmo. Os Estados Unidos autorizaram, na semana …

Pandemia custou 5 mil milhões de euros até Agosto (mas Leão pode ter uma boa notícia a fechar o ano)

A pandemia de covid-19 custou ao Estado 5.139,5 milhões de euros, de Janeiro a Agosto, e o défice das contas públicas agravou-se em 550 milhões de euros. Mas as contas estão agora mais controladas e …

Ana Rita Bessa renuncia ao lugar de deputada do CDS

Ana Rita Bessa renunciou ao lugar de deputada do CDS-PP, anunciou a própria, numa carta enviada ao líder do partido, Francisco Rodrigues dos Santos. A sua substituição já está a ser tratada pelo líder parlamentar, Telmo …

Vitória em Lisboa dá novo fôlego a Rio. Rangel mantém tudo em aberto

Os resultados eleitorais deste domingo, e sobretudo a vitória de Carlos Moedas em Lisboa, deram a Rui Rio novo fôlego enquanto líder e mais margem de manobra para lidar com os rivais internos. Os resultados das …

Sporting tenta redenção em Dortmund, FC Porto recebe carrasco Liverpool

Sporting e FC Porto têm hoje duelos de elevado grau de dificuldade na segunda jornada da Liga dos Campeões de futebol, com os ‘leões’ a viajarem até Dortmund e os ‘dragões’ a receberem o Liverpool. Na …

Sem sucesso na Europa, Olunga é o diamante de Luís Castro (e leva sete golos em dois jogos)

Com uma passagem sem sucesso pelo Girona, Michael Olunga é um marcador prolífico na Ásia, onde é treinado por Luís Castro e onde leva sete golos em dois jogos. O jogo entre o Al-Duhail e o …

Nuno Freitas demite-se da presidência da CP

Nuno Freitas irá deixar o cargo de presidente da CP a 1 de outubro, sexta-feira. O engenheiro, que terminava o mandato dentro de três meses, pediu à tutela para sair mais cedo da empresa por …