Constitucionalista lembra que Cavaco “ainda tem uma bomba atómica”

Manuel de Almeida / Lusa

O constitucionalista Jorge Miranda (esq.) com o ex-presidente Ramalho Eanes e o candidato a presidente Sampaio da Nóvoa

O constitucionalista Jorge Miranda (esq.) com o ex-presidente Ramalho Eanes e o candidato a presidente Sampaio da Nóvoa

O constitucionalista Jorge Miranda lembrou esta quinta-feira que o Presidente da República mantém todos os poderes, menos o de dissolver o parlamento, embora considerando que a demissão do Governo seria utilizar “uma bomba atómica” que poderia abrir uma crise política.

O presidente da República “mantém todos os poderes que constam na Constituição, menos o poder de dissolução do parlamento, porque se trata dos primeiros seis meses da legislatura”, afirmou à agência Lusa Jorge Miranda, um dos autores da Constituição de 1976, quando era deputado do então PPD.

Segundo o professor, alguns daqueles poderes são “extremamente importantes”, incluindo o “poder de veto político relativamente a decretos-leis ou a leis aprovadas na Assembleia da República, poder da iniciativa da fiscalização preventiva da constitucionalidade, o poder de aceitar ou não aceitar a proposta do Governo para a designação de altos cargos do Estado, como o Tribunal de Contas e chefes de Estado-Maior das Forças Armadas”.

Jorge Miranda relembrou também que o chefe de Estado mantém os poderes relativamente às regiões autónomas e também o poder de ratificação de tratados internacionais.

“Esses poderes todos que constam da Constituição nos artigos 133, 134 e 135, o Presidente da República mantém inteiramente até ao termo do mandato, isso aliás é o que acontece com qualquer titular de cargo político”, sublinhou.

Para o professor de Direito Constitucional, é natural que, com o final do mandato, os “poderes estejam politicamente menos fortes do que no normal exercício do mandato”.

“Mas isso já é uma vicissitude de ordem política, porque juridicamente, o presidente Cavaco Silva mantém todos os poderes, menos o de dissolução”, insistiu o constitucionalista, que declarou a semana passado o seu “apoio completo” à candidatura presidencial de Sampaio da Nóvoa.

Questionado sobre se o Presidente da República pode demitir o Governo, o professor explicou que o chefe de Estado o poderá fazer caso entenda que o regular funcionamento das instituições o exige.

Mas, para Jorge Miranda, o exercício daquele poder seria quase “uma bomba atómica”, porque poderia provocar uma grave crise política, já que o “Presidente não pode dissolver a assembleia e na assembleia há uma maioria de apoio a este Governo”.

O Presidente da República prometeu esta quinta-feira “lealdade institucional” ao novo Governo, mas advertiu que não abdicará dos poderes que a Constituição lhe confere e tudo fará para que Portugal preserve a credibilidade e mantenha a trajetória de crescimento.

ZAP / Lusa

PARTILHAR

9 COMENTÁRIOS

  1. Esta gente estava habituada a ser sempre governada pela direita embora os votos da maioria fossem à esquerda.
    A falta de entendimento da esquerda era-lhes favorável e dava-lhes muito jeito, mas acabou. Conformem-se!
    Os entendimentos à esquerda já são possíveis e vieram para ficar! Assim é que deve ser e é bonito.
    Quando a direita tiver a maioria que governe.
    Queremos democracia ou não queremos democracia?

    • Na mão esquerda há muitos dedos e nenhum é igual.
      Vamos ver até quando os dedos se cordenam , porque o sistema nervoso autónomo provém de cérebros diferentes cada um com sua matriz.
      Tudo é socialismo . Mas duas correntes só vísiveis , para alguns ingénuos, quando os socialistas comunistas
      assaltaram o poder no jornal República correndo com Raul Rego.

      Se o sr. Mário Soares estivesse na planitude da sua memória poderia ter avisado o então jóvem Sr. António Costa, para não andar de braço dado com quem o há-de fazer tropeçar e cair, ouvindo como então a´célebre frase do estalinista Alvaro Cunhal, “olhe qua não sr. dr., olhe que não”

      O que mudou desde então que não fosse a saudade de Estaline ?

      Já em séculos passados se dizia:” Nada de novo debaixo do sol”

      Espero ver o contrário se fôr possivel.

      • Seguindo a sua lógica, na mão direita também há muitos dedos e nenhum é igual. Então qual é a sua dúvida? Diga lá sua mente iluminada.

  2. Muita critica se ouve contra a actuação do Presidente da República por ter nomeado para governo a coligação mais votada nas eleições o que parece ser normal, no entanto ninguém fala das constantes provocações ao Presidente vindas de toda a esquerda e que poderão originar uma tomada de decisão contrária ás suas pretensões e que está em pleno direito de o fazer caso o entenda, se a esquerda pensa voltar aos tempos de 74/75 em que tomaram o Poder pela força e impunham aos outros andar de punho fechado, talvez aí estejam enganados.

  3. Desde o golpe comunista de 1975, nada mudou e o tempo fez esquecer a destruição de um País até então próspero. Daí para cá a instabilidade instalou-se , as fábricas fecharam, os estaleiros navais destruiram-se , tudo em nome da democracia e do povo unido, que entre nós continua , não para dar ao povo, mas para dele viverem.
    Eis a democracia que levou um País por mais de uma vez à bancarrota fazendo cada vez mais pobres, para que em nome deles se guindarem a seus protectores.
    Enfim….. é preciso fazerem-se pecadores para haver santos!

RESPONDER

Grandes hotéis acusados de ignorar tráfico sexual. Queixa em grupo relata casos de 13 mulheres

Uma ação judicial deu entrada segunda-feira em Columbus, Ohio, nos Estados Unidos (EUA), com vários grandes grupos hoteleiros a serem acusados de lucrar com o tráfico sexual, ignorando os crimes e os danos nas vítimas. Segundo …

Líder da Birmânia, Suu Kyi, vai a Haia defender o país de acusação de genocídio

A líder birmanesa Aung San Suu Kyi decidiu comparecer perante o Tribunal Internacional de Justiça (TIJ) para defender o seu país da acusação de genocídio contra a minoria muçulmana rohingya, durante uma audiência de três …

Impeachment. Democratas preparam-se para avançar com duas acusações formais contra Trump

Os democratas estarão a planear apresentar esta terça-feira dois artigos de impeachment que acusam Donald Trump de abuso de poder e obstrução do Congresso. De acordo com o jornal norte-americano The New York Times, o Comité …

Esquema de venda de droga na darkweb. Fortuna em bitcoins fica nas mãos do Estado

Pedro e Rita vendiam droga para todo o mundo na darkweb. Agora, a fortuna em bitcoins acabou por ficar nas mãos do Estado. Pedro, um engenheiro informático, e Rita, uma web designer, montaram um esquema para …

CDS e PAN querem regime protetor do denunciante no combate à corrupção

CDS e PAN vão apresentar propostas no combate à corrupção que tem sido discutido desde segunda-feira. Os partidos querem um regime protetor do denunciante. Numa iniciativa de combate à corrupção, o CDS e o PAN vão …

Morreu Marie Fredriksson, vocalista dos Roxette

A cantora sueca Marie Fredriksson, dos Roxette, morreu segunda-feira aos 61 anos, anunciou esta terça-feira a sua manager em comunicado. Marie Fredriksson, vocalista e co-fundadora da banda Roxette, faleceu esta segunda-feira, aos 61 anos. A morte …

Taxa de sucesso no ensino profissional atinge os 63%. É o valor mais alto de sempre

No ano letivo de 2017/2018, 63% dos alunos inscritos no ensino profissional concluíram os seus cursos no tempo previsto, mais dez pontos percentuais do que quatro anos antes, avança o jornal Público. De acordo com um …

Regra para filhos de pais separados em casas alternadas divide partidos

A lei já prevê que os filhos de pais separados possam ficar em residência alternada se o tribunal assim o decidir. Porém, as regras não são claras e vai ser discutida a melhor forma de …

Helicóptero do INEM avariou durante missão. Vítima que ia socorrer acabou por morrer

Um helicóptero do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM), localizado em Loulé, teve uma avaria a meio de uma missão de socorro, sendo obrigado a abortar a viagem que visava ajudar uma mulher de 22 …

Águas do Porto alerta para cobranças fraudulentas porta a porta

A empresa municipal Águas do Porto alertou, esta segunda-feira, para uma fraude que está a ser cometida em seu nome com falsos funcionários que tentam fazer cobranças à porta. De acordo com a Águas do Porto, …