Conclusões sobre tragédia de Pedrógão Grande só depois das autárquicas

Paulo Novais / Lusa

Sem surpresas, foi aprovada a comissão técnica independente que vai apurar as circunstâncias do trágico incêndio de Pedrógão Grande e que vai funcionar por um período máximo de três meses. As conclusões sobre o que correu mal só deverão assim ser conhecidas depois das autárquicas.

O projeto-lei que cria a comissão técnica independente para apurar os factos relativos aos incêndios na região Centro já foi entregue no Parlamento, subscrito pelo PSD, PS, CDS-PP e BE, e funcionará por um período máximo de três meses.

Assim, as conclusões finais só deverão chegar depois das eleições autárquicas, em outubro.

Em declarações aos jornalistas no parlamento, o líder da bancada do PSD, Luís Montenegro, manifestou a sua satisfação com o consenso alcançado, lamentando que não fosse maior ainda, uma vez que PCP e Verdes ficaram de fora.

O PSD, explicou, pretendia que o prazo de funcionamento da comissão fosse mais curto – 30 dias – mas, em nome “do esforço de consenso”, os sociais-democratas aceitaram este período mais alargado.

Entre os 12 especialistas que integrarão a comissão, seis serão designados pelo presidente da Assembleia, Ferro Rodrigues, ouvidos os grupos parlamentares, e outros seis pelo Conselho de Reitores das Universidades Portuguesas (CRUP).

Fonte parlamentar disse à Lusa ser muito provável que entre o conjunto de técnicos haja especialistas estrangeiros.

Questionado sobre a forma de designação do presidente desta comissão, o líder parlamentar do PSD referiu que será indicado entre os seis especialistas designados pelos Reitores.

No final, a comissão terá de apresentar um relatório ao parlamento, que o apreciará, mas sem o votar, para não colocar em causa a independência do trabalho, exclusivamente centrado nas causas do incêndio que deflagrou em 17 de junho em Pedrógão Grande e causou pelo menos 64 mortos, e não em temas mais amplos, como a reforma florestal.

Os custos e o apoio jurídico à comissão técnica independente serão assumidos pela Assembleia da República.

Prejuízos de 250 milhões de euros

O presidente da Câmara de Pedrógão Grande, Valdemar Alves, estima em “pelo menos 250 milhões de euros” os prejuízos no concelho, decorrentes do incêndio.

O autarca diz também que o balanço feito pelo ministro do Planeamento e das Infraestruturas, Pedro Marques, na quinta-feira, que anunciava que 40 empresas tinham sido afetadas pelo incêndio, assim como 500 casas, em Pedrógão Grande, Figueiró dos Vinhos e Castanheira de Pera, foi uma estimativa “a quente”. Segundo Valdemar Alves, haverá ainda mais casos para avaliar.

Na Assembleia da República, o ministro da Agricultura estimou em 20 milhões de euros os prejuízos em explorações agrícolas também decorrentes daquele incêndio, que começou no dia 17 em Pedrógão Grande e que alastrou a Figueiró dos Vinhos, Castanheira de Pera, e também aos concelhos de Penela, Pampilhosa da Serra e Sertã.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

8 COMENTÁRIOS

  1. Claro! então ia-se agora numa altura destas mexer no assunto pondo em risco algum membro da geringonça que poderia prejudicar as eleições, assim fica para depois e nessa altura já tudo estará mais fresquinho e o apetite para discutir o assunto a sério ficará mais desinteressante, entretanto mais fogos virão e para o ano voltaremos à mesma situação sem que algo de importante tenha mudado para a sua prevenção.

  2. não era de esperar outra coisa! deixar o tempo passar para se perder a importancia do assunto e não ferir popularidades. Talvez fazer mais um concerto solidário…

  3. É uma vergonha que tenha que se esperar até depois das eleições! Claro que tudo fica mais bem explicado quando sabemos que após aquela desgraça aquilo que logo foi feito foi uma sondagem para Costa verificar se aquela desastrosa desorganização tinha tido reflexos na sua reputação… Era o braço direito de Sócrates e basta pensar um bocadinho!

      • Pois,… a verdade custa a aceitar, não é?… Estes “geringonços” deviam ter vergonha e enfiarem-se num buraco bem fundo…. Taxistas vergonhosamente declarados… nem olham a meios para conseguir os fins…
        Quanto a Costa ser braço direito de Sócrates concordo… até digo mais…. é cumplice

        • Ah?!
          Mas qual verdade??
          Quero lá saber dos “geringonços”…
          Vergonha é essa tua triste falta de capacidade de raciocínio…

RESPONDER

Israel ameaça "enviar uma mensagem" ao Irão após ataque contra petroleiro

O Governo de Israel ameaçou "enviar uma mensagem ao Irão" em resposta ao ataque contra um petroleiro de uma empresa israelita, na quinta-feira, na costa de Omã, no qual morreram um segurança britânico e um …

Primazia masculina nas autárquicas. Partidos cumprem lei da paridade "porque são obrigados"

O estudo "Eleitos locais em Portugal: os perfis e a questão de género", do CIES, ISCTE-IUL, analisou a questão de género nas eleições autárquicas de 1974 a 2017. O Diário de Notícias, que cita o estudo …

UE aplica sanções contra primeira-dama do Nicarágua

A União Europeia (UE) aplicou sanções esta segunda-feira à primeira-dama e vice-Presidente da Nicarágua, Rosario Murillo, e a sete outras autoridades por violações dos direitos humanos e por minarem a democracia, durante uma ofensiva contra …

Exames nacionais. Média da maioria das provas desce (e Matemática cai quase 3 valores)

As médias nos exames nacionais desceram a 20 disciplinas, num ano em que o grau de dificuldade das provas aumentou ligeiramente. Português manteve-se igual — média de 12 valores — e só Física e Química …

Presidente tunisino denuncia migração ilegal de jovens e justifica detenção de deputados

O Presidente da Tunísia disse, este domingo, que muitos jovens desesperados são pagos para abandonar ilegalmente o país em direção à Europa, num dia em que foram reveladas detenções de deputados críticos após o golpe …

Número de nascimentos no primeiro semestre de 2021 foi o mais baixo de há mais de 30 anos

Cerca de 37.700 bebés nasceram em Portugal no primeiro semestre, uma redução de mais de 4.400 relativamente ao período homólogo e que representa o valor mais baixo nos últimos 30 anos, segundo dados do Instituto …

Mais 9 mortes e 1.190 casos de covid-19 nas últimas 24 horas

Portugal registou esta segunda-feira 1.190 novos casos de infeção por covid-19 e mais nove mortes, segundo o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). Portugal regista esta segunda-feira nove mortes atribuídas à covid-19, 1.190 novos casos …

Jerónimo de Sousa insiste na valorização salarial como “compromisso do PCP”

O secretário-geral do PCP insistiu hoje na necessidade de aumento dos salários e na valorização de carreiras e profissões, “compromisso do PCP”, afirmando que a pandemia da covid-19 é utilizada como “pretexto” para abusos laborais. “O …

Pfizer e Moderna aumentaram preços das vacinas, revela Financial Times

As farmacêuticas Pfizer e Moderna aumentaram o preço das suas vacinas contra a covid-19 nos últimos contratos de fornecimento à União Europeia (UE), subindo 25% e 13%, respetivamente, informou esta segunda-feira o Financial Times (FT). Os …

Após o assassinato de Noor Mukadam, Paquistão tem "epidemia de terrorismo de género" em mãos

Noor Mukadam foi alegadamente torturada e decapitada pelo filho de um magnata paquistanês. O país vê-se agora com uma "epidemia de terrorismo de género" em mãos. Zahir Zakir Jaffer foi detido por suspeita do assassinato premeditado …