Chega questiona Costa se mantém confiança no deputado que pede destruição do Padrão dos Descobrimentos

Maurizio Mori / Flickr

Padrão dos Descobrimentos, em Lisboa.

Ascenso Simões considera que “a nossa História precisa de ser descolonizada”. Assim, defende que o Padrão dos Descobrimentos devia ter sido “destruído” e sugere que “devia ter havido sangue” no 25 de Abril, embora não de forma literal. Agora, o Chega confronta António Costa.

Perante as afirmações que o deputado socialista escreveu no seu artigo de opinião no Público, o Chega enviou uma carta a António Costa, enquanto secretário-geral do PS, questionando-o se mantém a confiança política no deputado à Assembleia da República eleito pelo círculo de Vila Real.

“Questiono-me como um militante e deputado do PS pode escrever tais aberrações sem que esse mesmo partido venha a público demarcar-se das mesmas. Terá o PS esquecido o seu papel na luta contra a ditadura?”, questiona o chefe de gabinete de André Ventura no Parlamento, Nuno Afonso, que assina a carta.

Num texto publicado na passada sexta-feira intitulado “O Salazarismo não morreu”, Ascenso Simões fala sobre quatro casos que, na sua perspetiva, representam “tempos de retorno ao Salazarismo mental português”.

Refere-se assim à criação de um museu na terra natal do ditador, a defesa da ideia de Portugal deve intervir na situação de guerra que se vive em Cabo Delgado (Moçambique), a petição da Nova Portugalidade contra a remoção dos brasões florais da Praça do Império, e a discussão sobre a contribuição de Marcelino da Mata na guerra colonial.

Neste sentido, o segundo vice-presidente do Chega diz acreditar que os comentários de Ascenso Simões tenham “envergonhado” o PS e desafia o partido a vir “repudiar” a atitude do deputado, tendo em conta “o seu peso histórico na democracia portuguesa”.

O dirigente do Chega considera que se trata de uma atitude “perigosa” do deputado avisando que “querer-se reescrever a história não é democrático; saber conviver com ele, sim, é”.

Nuno Afonso deixa um desafio a António Costa: “Resta-me questionar o PS se manterá a confiança política num militante e deputado que mostra desprezo pela história de Portugal, pelos homens e mulheres que construíram a nação que hoje temos que, não sendo perfeita – nenhuma o é – é o resultado da nossa evolução enquanto povo”.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. É pena que o Chega não comenta a fuga aos impostos da EDP, o nosso auto-intitulado “campeão da luta contra a corupção” anda bem calado sobre o assunto! Será o Ventura por detrás da fusão, e da empresa fantasma da EDP?

RESPONDER

Netflix foi a grande vencedora da noite dos Globos de Ouro

  A 78.ª edição dos Globos de Ouro decorreu de forma virtual, com apresentação de Tina Fey e Amy Poehler e a participação de alguns dos laureados do ano passado. Os Globos de Ouro, prémios de cinema …

Portugal regista mais 34 óbitos e 394 novos casos. O menor número desde setembro

Portugal registou esta segunda-feira 394 novos casos de infeção por covid-19 e mais 34 mortes, segundo o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde. De acordo com o boletim epidemiológico divulgado pela Direção-Geral da Saúde (DGS), nas …

Nicolas Sarkozy condenado a três anos de prisão por corrupção

Nicolas Sarkozy foi esta segunda-feira condenado a três anos de prisão por corrupção e tráfico de influências, tornando-se o segundo chefe de Estado condenado em França, após Jacques Chirac em 2011. O ex-Presidente francês foi condenado …

Câmara de Lisboa oferece viagem de táxi a idosos que vão tomar a vacina

Os residentes em Lisboa com mais de 80 anos ou 50 anos e patologias associadas podem deslocar-se gratuitamente de táxi para tomar a vacina contra a covid-19. Os custos da viagem são assumidos pela autarquia …

Liquidez é "abundante" mas "é preciso fazê-la chegar" à economia, diz Centeno

O governador do Banco de Portugal, Mário Centeno, indicou que a crise de 2008 e de 2020 não são comparáveis devido à abundância de dinheiro disponível e que há liquidez para travar o impacto económico, mas …

Chega quer telefone e Internet pagos aos trabalhadores do Estado em teletrabalho

O Chega entregou no Parlamento, este domingo, um projeto de resolução no qual recomenda ao Governo que dê "o exemplo" e pague as despesas de telefone e Internet aos trabalhadores do Estado que estão em …

Governo quer que progressões na Função Pública passem a ser anuais

A ministra da Modernização do Estado e da Administração Pública, Alexandra Leitão, admitiu propor aos sindicatos um alongamento da tabela remuneratória da função pública e criar progressões anuais. Em entrevista ao Diário de Notícias e Dinheiro …

Há 100 dias, a direita tombou os 24 anos de poder socialista açoriano. OE2021 é a prova de fogo

Há 100 dias, deu-se uma das maiores reviravoltas da política açoriana: José Manuel Bolieiro foi empossado presidente, o PS superou o PSD no sufrágio mas a maioria de direita no Parlamento uniu forças para pôr …

Portugal vai comprar cerca de 38 milhões de vacinas, "muito mais" do que as necessárias

Em entrevista à agência Lusa, Marta Temido anunciou que Portugal vai comprar cerca de 38 milhões de vacinas contra a covid-19. Portugal vai comprar cerca de 38 milhões de vacinas contra a covid-19, “muito mais” do …

As mulheres na corrida a Marte (uma é portuguesa e sonha caminhar no Planeta Vermelho)

A chegada do veículo Perseverance da NASA a Marte teve dedo de várias mulheres, umas das quais a portuguesa Florbela Costa, Engenheira Aeronáutica do grupo suíço Maxon que falou com o ZAP sobre a sua …