“Não consigo respirar”. Charlie Hebdo lança cartoon que retrata Isabel II a sufocar Meghan Markle

A revista satírica francesa Charlie Hebdo está a causar indignação depois de lançar um cartoon que retrata a rainha Isabel II a sufocar o pescoço de Meghan Markle, invocando a morte do norte-americano George Floyd.

O título da edição é “Porque é que Meghan abandonou Buckingham?”. Contudo, o que mais sobressai na imagem é o facto da rainha Isabel II estar com um joelho no pescoço de Meghan Markle com a legenda “Não consigo respirar”.

https://twitter.com/Charlie_Hebdo_/status/1369332151708172296



A caricatura do jornal satírico francês Charlie Hebdo evoca assim a morte do norte-americano George Floyd, asfixiado em maio do ano passado por um polícia, situação que impulsionou muitas manifestações e protestos contra o racismo e a violência policial nos Estados Unidos.

O cartoon surge uma semana após a entrevista que os duques de Sussex deram a Oprah Winfrey e onde foram feitas revelações bombásticas sobre as relações entre os membros da monarquia. A ex-atriz referiu que foram feitos comentários sobre o tom de pele do filho do casal, Archie, e que esta situação foi discutida como um problema antes do bebé nascer.

Embora o casal não tenha dito quem fez os comentários, depois da entrevista e da polémica que se gerou a esse respeito, Oprah Winfrey afirmou que os duques de Sussex lhe pediram para dizer que o comentário não tinha sido feito nem pela rainha Isabel II nem pelo seu marido, o duque de Edimburgo.

Meghan também referiu ter tido pensamentos suicidas durante a gravidez e o breve tempo em que esteve a morar em Londres.

Depois da entrevista, o Palácio de Buckingham disse que as alegações de racismo feitas pelos duques são muito preocupantes e serão “levadas muito a sério”. No entanto, o comunicado frisou que o assunto iria ser discutido no seio familiar e em privado.

Questionado pela imprensa, também o príncipe William defendeu a família real e garantiu: “Não somos uma família racista”.

A entrevista deu a volta ao mundo e a caricatura do Charlie Hebdo também. As críticas contra o jornal francês não param de surgir nas redes sociais.

Halima Begum, CEO do instituto de pesquisas sobre igualdade racial Runnymede Trust, sublinhou que o cartoon estava “errado a todos os níveis”.

“A rainha como o assassino de George Floyd a esmagar o pescoço de Meghan? Meghan a dizer que não consegue respirar? Isto não ultrapassa os limites, não faz ninguém rir ou desafia o racismo. Isto rebaixa as questões e causa ofensa”, frisou no Twitter.

Segundo a CNN, nem o Palácio de Buckingham nem os representantes dos duques de Sussex comentaram a caricatura.

A publicação semanal Charlie Hebdo tem sede em Paris e foi fundada em 1970. Desde logo ficou famosa pelos seus cartoons provocatórios sobre políticos, figuras públicas e símbolos religiosos.

Em 2015, depois de o Charlie Hebdo ter publicado um cartoon do profeta Maomé, o mundo gritou “Somos todos Charlie” quando os irmãos Said e Cherif Kouachi invadiram a redação da revista e atiraram sobre os funcionários, matando doze pessoas e ferindo onze.

Ana Isabel Moura Ana Isabel Moura, ZAP //

PARTILHAR

7 COMENTÁRIOS

  1. A caricatura é foleira. Mas uma coisa é certa: os adeptos da monarquia britânica não invadirão a redação do Charlie Hebdo para se vingarem.

  2. Não sei como pode haver homem tão manso!.. tão manipulável!.. é essa a educação de um princípe?!.. ser um subserviente , um cãozinho nas mãos da opressora?!.. retardado…
    Em vez de a passar a andar a coitadinha, a vítima!.. que não é mais que uma opressora e certamente como a irmã diz, ele sofre de síndrome de Estocolmo!.. só pode, ninguém é tão manso!

  3. É ver muitos agora à procura de “propósitos” na dita caricatura. Pergunto: mas tem que haver ? Afinal, não é esta a epítome da tão almejada “liberdade de expressão” ? Não dar satisfações a ninguém pelo que se diz ou afirma?

    De qq forma, caricatura foleira mas serve o propósito de alvoroçar as coisas. Com que objectivo ou propósito, não sei. Uma cois é certa, vai cair a dachada a muita gente. Outros ficarão surpreendidos em saber que são racistas, sem o saber, porque o mundo mudou mas eles não. São os que ficam para trás nes revisionismo da treta.

  4. De que lado estará a razão não sei e pouco me interessa com essa gente abastada, só por graça perguntarei e em termos comparativos, será que os ingleses irão invadir o Charlie Ebdo e continuar a chacina que outros praticaram?

RESPONDER

Banco de Fomento está a integrar trabalhadores do antigo BPN

O Banco Português de Fomento está a recrutar colaboradores do antigo BPN para desempenhar funções técnicas, numa altura em que a Parvalorem, onde estão integrados, solicitou ao Executivo o estatuto de empresa em reestruturação. Segundo apurou …

PAN começa a ser julgado por falsos recibos verdes

O PAN vai começar a ser julgado este mês devido ao caso dos falsos recibos verdes. O partido enfrenta três processos judiciais, sendo que o arranque do julgamento do primeiro está marcado para 17 de …

Radovan Karadzic vai ser transferido para o Reino Unido

Radovan Karadzic, antigo líder dos sérvios da Bósnia condenado por genocídio no massacre de mais oito mil muçulmanos bósnios em Srebrenica, em 1995, vai ser transferido para o Reino Unido, onde vai continuar a cumprir …

Adjunta de Matos Fernandes era sócia de empresa que fez negócios com o ministério

Entre 2016 e 2019, a secretária de Estado do Ambiente, Inês Santos Costa, acumulou funções quando integrou o gabinete de João Pedro Matos Fernandes, na qualidade de adjunta, sendo, na altura, sócia de uma empresa, …

Cavaco acusa Governo de Costa de continuar a alimentar "monstro" da despesa pública

Cavaco Silva volta a criticar o Governo de Costa, desta vez por criar “impostos adicionais” sobre “tudo o que mexe” para alimentar “o monstro” da despesa pública. O ex-primeiro-ministro e antigo Presidente da República Aníbal Cavaco …

Dívidas de Vieira investigadas. Com falência à vista, grupo do líder do Benfica pagou viagens de luxo

Afinal, o Fundo de Resolução nunca aceitou a reestruturação das dívidas do grupo empresarial de Luís Filipe Vieira, ao contrário do que foi dito aos deputados na Comissão Parlamentar de Inquérito aos grandes devedores do …

João Rendeiro condenado a 10 anos de prisão

João Rendeiro, antigo presidente do Banco Privado Português (BPP), foi condenado a 10 anos de prisão efetiva esta sexta-feira. O tribunal condenou o ex-presidente do Banco Privado Português (BPP), João Rendeiro, a 10 anos de prisão …

Bloqueio de migrantes. Salvini não vai a julgamento

Matteo Salvini, líder do Liga, não vai a julgamento na sequência do bloqueio do desembarque de migrantes a bordo do navio da Guarda Costeira italiana "Gregoretti", em julho de 2019. Esta sexta-feira, um tribunal italiano decidiu …

Promulgado diploma sobre acesso às praias (com alerta para novo regime de multas)

O "regime contraordenacional, que está previsto para o não cumprimento de um conjunto de regras que temos na área covid, também é aplicado" às regras relativas às praias. O Presidente da República promulgou, esta sexta-feira, o …

PCP vai votar contra reforma das Forças Armadas

Os comunistas consideram tratar-se de uma "alteração significativa" da estrutura de comando, sem dar resposta "a problemas que persistem há largos anos" na instituição militar". O PCP vai votar contra as propostas do Governo para a …