Príncipe William garante que família real “não é racista”

O príncipe William defendeu hoje a família real britânica das acusações de racismo feitas pelo irmão, o príncipe Harry, e a cunhada, Meghan Markle, declarando “não é uma família racista”.

Ao sair de uma escola em Stratford, no leste de Londres, ao lado da mulher, a duquesa de Cambridge, o príncipe William foi questionado por um jornalista sobre se a família real é racista, ao que ele respondeu: “Não somos de todo uma família racista”.

Questionado sobre se tinha falado com o príncipe Harry desde a entrevista, o Príncipe William, segundo na linha de sucessão ao trono, disse: “Não, ainda não falei com ele, mas vou falar.”

A mulher do príncipe Harry, Meghan Markle, que tem origens afro-americanas, revelou numa entrevista televisiva que um membro da família real terá manifestado preocupação antes do nascimento do filho Archie sobre “quão escura” a pele da criança poderia ser.

Harry confirmou a informação, mas não identificou quem teria manifestado as preocupações.

A apresentadora de televisão norte-americana Oprah Winfrey clarificou mais tarde que a pessoa em causa não foi nem a Rainha Isabel II nem o marido, príncipe Filipe.

Na entrevista de duas horas, transmitida na noite de domingo na estação CBS, Meghan Markle disse também que teve pensamentos suicidas, mas que lhe foi negada ajuda profissional para não afetar a reputação da família real.

Na mesma entrevista, Harry acusou a imprensa tabloide de ser “racista” e disse que o pai, o príncipe Carlos, deixou de lhe atender o telefone quando o casal manifestou a intenção de se afastar da família real, o que aconteceu na primavera de 2020, e ficou conhecido por Megxit.

O Palácio de Buckingham reagiu apenas na terça-feira, garantindo que as alegações de racismo estão a ser “levadas muito a sério”, mas que serão investigadas em privado.

“A família inteira fica triste ao saber de como os últimos anos foram difíceis para Harry e Meghan. As questões levantadas, principalmente as de racismo, são preocupantes. Embora as memórias [do que aconteceu] possam variar, são levadas muito a sério e serão tratadas pela família em privado”, comenta em comunicado.

“Harry, Meghan e Archie sempre serão membros da família muito queridos”, vincou no comunicado.

// Lusa

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. RACISMO ou CIÚMES – Nós estamos vivendo uma fase terrível, onde a media em geral, afim de garantir ou conquistar audiência, leitores e publicidade, veem criando notícias sensacionalistas, aproveitando de temas conflitantes em várias áreas do meio social-político. Seria hipocrisia dizer que não há ou que há, ou. ser ou não ser – racismo ou racista – lembremos “to be or not to be is the question” .Momentos de duvidas em nossos momentos de insatisfação , alegria e aí por diante. Vamos supor, que o Principe Harry fosse negro e herdeiro de uma monarquia onde predominasse a cor negra em toda sua dinastia ,então, casasse com uma linda branca de olhos azuis e cabelos loiros, como não seria a reação dos seus familiares nobres!? Ninguém do mundo judaico/cristão questionou o longo romance da Rainha de Sabbá com o Rei Salomão; Vimos no NT , que o Messias visitado em seu nascimento por três reis – Reis Magos -; No Império Romano Cristão, dificilmente, um negro alcança o Cardinalato; Os santos cristão, semideuses, todos são brancos o morenos e o único preto – BENEDITO – é jogado para o escanteio, não tem patrocínio nem glorias. A media e os ciúmes fazem o clima de inveja surgir nos meios sociais, jogando , ora para cá ora para la . Famílias de todas as classes sociais não querem ver os seus acasalarem-se com “gente” de classe e cor inferiores e começam o disse-me-disse, que termina em uma intriga e desunião familiar e chegando ao auge de toda sociedade. Os negros pagam um tributo pesado, desde que os europeus mais avançados tecnologicamente invadiram o Continente Africano. Foram os povos africanos ultrajados, escravizados, torturados. humilhados e considerados moedas de pouco valor. Mas os tempos estão mudando, não existem raças coloridas e sim raças com tecnologias avançadas que predominam sobre as outras pela cultura . Será que os países nórdicos tivessem o mesmo habitat do continente Africano e eles seriam o que são hoje? Será que a Europa fosse conquistada e submissa aos chineses e Ela seria arrogante ao que é hoje? Tem muita água para passar pela ponte do Planeta e não duvido, que o Racismo e os Racistas vão ter que sentir o mesmo ódio incubado que eles sentem pelos africanos. A África é o Continente do Futuro. É o que pensa [email protected]

RESPONDER

Sporting 2 - 1 Braga | Leão entra em 2021/22 a rugir

O Sporting parece querer manter a senda de sucesso da época passada e entrou em 2021/22 com o pé direito. Os “leões” bateram o Sporting de Braga por 2-1, num jogo que valeu, sobretudo, pela primeira …

Ensinar crianças a dizer palavrões? Uma cientista acha que é boa ideia

A auto-intitulada "cientista dos palavrões" acredita que ensinar as crianças a usá-los de forma eficiente ajuda os mais novos a perceber como este palavreado afecta outras pessoas. Já se sabia que dizer palavrões é um sinal …

Fósseis misteriosos podem ser uma das provas mais antigas de vida animal na Terra

Elizabeth Turner, cientista numa universidade do Canadá, poderá ter encontrado a prova mais antiga de vida animal na Terra. Uma cientista encontrou possíveis sinais de vida animal multicelular em restos de recifes microbianos de há 890 …

E se o mundo entrasse em colapso? Cientistas descobrem qual o país onde há maior probabilidade de sobreviver

Caso a civilização entre em colapso - uma possível consequência das alterações climáticas - os cientistas já descobriram qual o lugar do mundo onde há maior probabilidade de sobreviver: é na Nova Zelândia. Numa pesquisa, dois …

"Dança quem está na roda", responde Marcelo sobre ausência de Bolsonaro

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, disse este sábado que "dança quem está na roda" quando questionado pelos jornalistas sobre a ausência do homólogo brasileiro, Jair Bolsonaro, da cerimónia de reinauguração do Museu …

Todos os anos, esta cidade italiana entrega sal ao Papa em mãos

O Sal de Cervia, também conhecido como "sal do Papa", é-lhe entregue todos os anos em mãos. A tradição sofreu algumas interrupções até ter sido recuperada pelo Bispo Mario Marini, que serviu no Pontificado de …

A colisão secreta entre navios soviéticos e britânicos podia ter tido um desfecho drástico

Colisão aconteceu durante um dos períodos mais quentes da Guerra Fria e foi camuflado pela marinha britânica, que tratou de fazer regressar a sua embarcação à base de Devonport durante a noite para evitar dar …

Esta garrafa de tequila demorou seis anos para ser desenvolvida (e contém ouro)

A Clase Azul Spirits é uma empresa que comercializa tequila e está a preparar uma edição limitada para homenagear o legado artesanal do México - de onde a bebida é originária. A 2 de agosto, a …

Covid-19. Milhares de franceses protestam contra passe sanitário

Milhares de pessoas concentraram-se este sábado em Paris para protestar contra o passe sanitário — certificado de vacinação contra a covid-19 que passa a ser obrigatório para entrar em vários locais —, tendo a polícia …

"Toque de Midas" científico. Químicos transformam água purificada em metal dourado

Esta nova descoberta ajuda a entender o estado de transição da água e pode vir a ser importante no estudo de planetas como Neptuno ou Urano. Numa experiência alucinante, cientistas conseguiram transformar água purificada num metal …