CDS defende vacinação de todos os bombeiros. Taxistas querem ser prioritários

O presidente do CDS-PP defendeu nesta segunda-feira a vacinação de todos os bombeiros e acusou o Governo de “passar a bola para o lado dos comandantes das corporações”, obrigando-os a escolher 50% dos profissionais a vacinar na primeira fase.

“Os bombeiros já deviam ter sido inseridos na primeira fase do plano de vacinação, porque estão altamente expostos a infecções, nomeadamente, através do transporte de doentes com covid-19 e isso não aconteceu. O Governo preferiu passar a bola para o lado dos comandantes das corporações, obrigando-os a escolher 50% dos profissionais que iriam ser vacinados nesta primeira fase”, afirmou Francisco Rodrigues dos Santos.

O líder do CDS, que falava aos jornalistas no final de uma visita aos Bombeiros Voluntários de Ponte de Lima, adiantou que “o primeiro critério de escolha” que o Governo apresentou aos comandantes das corporações foi “a intervenção em atividade pré-hospitalar”.

“Ora, neste caso, são rigorosamente todos os bombeiros”, afirmou, alertando que “o Governo não pode falhar a estes homens e a estas mulheres que tudo têm feito, com um esforço heróico para proteger os portugueses e salvar vidas”.

“Num país onde se vê que as sobras são utilizadas sem qualquer tipo de critério para o dono do café, para as pessoas mais próximas dos edifícios onde é feita a vacinação, entendemos que os nossos bombeiros devem ser tratados com dignidade e protegidos. Por isso, a vacinação tem de ser acelerada, não para 50%, mas para a totalidade dos corpos de bombeiros”, reforçou.

Francisco Rodrigues dos Santos disse que os bombeiros “têm sido um instrumento fundamental para vencer a pandemia” e por “estarem disponíveis em todas as acções de socorro e auxílio às populações para que esta pandemia não tenha contornos mais dramáticos”.

Questionado pelos jornalistas sobre a inoculação do primeiro-ministro esta segunda-feira, e anteriormente do Presidente da República, o líder do CDS disse serem duas figuras do Estado que “entram claramente” nas “exceções” defendidas pelo partido.

“Enquanto houver um idoso que não foi vacinado, um bombeiro que precise de ser administrada a vacina, um membro das Forças Armadas ou das forças de segurança, não faz sentido que todos os titulares de órgãos de soberania sejam vacinados, o que não significa dizer que os que estão mais expostos e que pertencem aos grupos de risco não tenham de ser vacinados para que a nossa democracia e os principais órgãos de soberania não paralisem”, argumentou.

Francisco Rodrigues dos Santos defendeu que “Portugal não pode dar um mau exemplo aos portugueses e deve priorizar, uma vez que as vacinas são um bem escasso, aqueles que mais precisam, nesta altura, serem colocados a salvo”.

“Acho que um exercício de responsabilidade e de exemplo ao país pede-se em primeiro lugar aos políticos e, por isso, devem ser muito excecionais os casos dos políticos que devem ser vacinados, libertando as doses de vacinas para os que estão na linha da frente, que estão mais expostos e correm mais riscos de morrer, caso sejam infetados”, reforçou.

Taxistas querem prioridade

A Associação Nacional dos Transportadores Rodoviários em Transporte Ligeiro (ANTRAL) defendeu esta segunda-feira junto da ministra da Saúde, Marta Temido, que os taxistas integrem uma campanha nacional de testagem e vacinação antes da população geral.

Em carta dirigida à titular da Saúde, a ANTRAL solicitou que esta “se digne considerar indicar estes profissionais para integrarem uma campanha nacional de submissão a testes à covid-19”.

Da mesma forma, solicitaram também “uma consideração especial dos profissionais no plano de vacinação, podendo antecipar-se a mesma antes da vacinação de natureza geral”.

Esta pretensão foi defendida com o facto de os dirigentes da ANTRAL se declararem convictos que a afetação dos taxistas “a uma atividade de funcionamento constante, e o contacto permanente com os utentes de todas as idades, e oriundos, também, de países estrangeiros”, os coloca em “uma escala de risco considerável”.

ZAP ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Áustria reitera rejeição de acordo comercial UE-Mercosul

O Governo austríaco, numa carta enviada ao primeiro-ministro, António Costa, reiterou a sua rejeição do acordo comercial UE-Mercosul e apelou a que Portugal, enquanto presidência da União Europeia (UE), “assegure” que a sua votação seja …

Em Málaga, pode comer-se o pão mais caro do mundo. É feito com ouro e prata

É na padaria espanhola Pan Piña que se confeciona aquele que é, de momento, o pão mais caro de todo o mundo. Este é vendido por uma quantia que pode chegar até aos 3.700 euros …

Novas evidências apontam eventual localização dos destroços do MH370. Jornalista sugere que foi abatido

O chefe da busca fracassada pelo voo MH370 da Malaysia Airlines está a pedir um novo inquérito com base em novas evidências que podem finalmente resolver o mistério do desaparecimento da aeronave há sete anos. De …

Cidade nos EUA testou o rendimento básico universal. "Os números foram incríveis"

Além de a percentagem de pessoas que tinham um emprego a tempo inteiro ter subido, os participantes da iniciativa também relataram sentir-se menos ansiosos. De acordo com o estudo publicado esta quarta-feira, citado pela agência …

Belenenses 0-3 Benfica | Vendaval suíço após o descanso

O Benfica venceu o dérbi com a Belenenses SAD, em jogo a contar para 22ª jornada da Liga NOS, por 3-0. Uma partida que teve uma primeira parte mal jogada e com muitas dificuldades para as …

Investigador apresenta nova geração de drones minúsculos e ágeis. São inspirados em mosquitos

Os mosquitos são insetos incrivelmente acrobáticos e resistentes durante o voo, o que os ajuda a navegar entre rajadas de vento, obstáculos e incertezas. Agora, uma equipa de investigadores construiu um sistema que se aproxima …

OMS considera que a pandemia podia ter sido evitada se alguns países não tivessem sido lentos a reagir

O diretor-geral da OMS afirmou esta segunda-feira que alguns países reagiram lentamente à declaração de emergência sanitária global em janeiro de 2020, desperdiçando-se uma "janela de oportunidade" para evitar a pandemia de covid-19. "A 30 de …

Louvre recupera armadura do século XVI roubada há quase 40 anos

O peitoral e o capacete elaboradamente decorados, que estavam desaparecidos desde 1983, datam do século XVI e voltaram finalmente ao museu do Louvre, em França. Quase quatro décadas depois, um peitoral e um capacete do século …

Queixas por cibercrime disparam. Fraude com MB Way foi o crime mais denunciado

O Ministério Público (MP) da Comarca de Lisboa registou 6676 denúncias por crimes informáticos em 2020, um aumento de 15% (mais 998) face a 2019. MB Way é um dos sistemas onde estão associadas mais …

Centro Hospitalar Lisboa Norte vai alargar uso de medicamento para fibrose quística a mais cinco doentes

O diretor clínico do Centro Hospitalar Universitário Lisboa Norte (CHULN), Luís Pinheiro, disse hoje que a instituição já usa há cerca de um mês um novo medicamento para a fibrose quística, que poderá chegar em …