Carros autónomos chegaram às estradas portuguesas

Esta segunda-feira vão começar os primeiros testes a carros autónomos nas estradas portuguesas. A A9/CREL – Circular Regional Externa de Lisboa -, em Lisboa, servirá de teste para as fabricantes.

Em parceria com a Brisa e o Instituto Pedro Nunes, da Universidade de Coimbra, os testes com carros autónomos decorrem no âmbito do projeto europeu AUTOC-ITS.

O projeto AUTOC-ITS visa desenvolver soluções para veículos autónomos poderem circular nas estradas europeias e o desenvolvimento de serviços colaborativos de transporte inteligente.

Os dois sentidos da CREL, entre os nós da Pontinha (km10) e de Odivelas (km17), terão uma via própria durante os próximos quatro dias e estarão dentro de uma formação de veículos da GNR.

Segundo a Brisa, os testes terão início a meio da manhã e prolongar-se-ão até meio da tarde para evitar as horas de maior congestionamento.

Os testes aos carros autónomos incluem uma série de desafios previamente estipulados. De acordo com o Observador, entre os desafios propostos existem o piso escorregadio, veículos parados ou marcha lenta. Em caso de emergência, um condutor poderá intervir no carro autónomo.

Os carros autónomos terão como objetivo responder adequadamente a cada desafio, superando cada obstáculo em segurança, sem comprometer a segurança de qualquer indivíduo.

Caso este projeto siga em frente, a legislação rodoviária terá de ser modificada. Atualmente, essas leis baseiam-se nas legislações rodoviárias de 1949 e de 1968 que estabelecem que somente veículos com condutor podem circular nas vias.

Ao Dinheiro Vivo, a Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária afirmou “estar atenta aos necessários ajustes de legislação rodoviária que resultam da condução autónoma”.

Até ao final de 2020, Portugal irá investir 8,35 milhões de euros para colocar os veículos nas estradas a comunicarem entre si e com as infraestruturas.

Bruxelas enviará um apoio financeiro que chegará aos 50% do investimento para apoiar a evolução das estradas portuguesas. O projeto C-Roads irá funcionar em cerca de mil quilómetros da rede de estradas portuguesas.

Os objetivos deste projeto passa por acabar com os mortos nas estradas até 2050, reduzir as filas de trânsito e diminuir as emissões do transporte rodoviário.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Zé Luís rejeitou salário três vezes mais alto para vir para o FC Porto

Com a ambição de representar o FC Porto, Zé Luís teve de fazer sacrifícios a nível financeiro. O cabo-verdiano rejeitou uma proposta da China com um salário muito mais alto. Zé Luís parece começar a justificar …

Motorista que conduziu Marcelo entre Lisboa e Porto mandou um e-mail. Foi investigado como "ameaça ao Estado"

O Governo recebeu um email a avisar que a greve dos motoristas ia provocar o caos, fazendo parar muitos serviços - e lembrando que assim caiu um governo no Chile. O executivo receou que fosse uma …

Marinho e Pinto quer Pardal Henriques como deputado do Partido Democrático Republicano

Ainda que não tenha confirmado Pedro Pardal Henriques como um dos cabeça-de-lista do partido que fundou, Marinho e Pinto não poupou elogios ao advogado do Sindicato de Motoristas de Matérias Perigosas (SNMMP) . “Seria um …

TAP vai deixar de contar para o défice orçamental

A 15 dias das eleições legislativas, o défice orçamental de 2018 vai ser revisto em baixa. Em causa estão os prejuízos da TAP que deixam de influenciar as contas nacionais. A alteração será comunicada a duas …

Imigrantes desesperam com atrasos no SEF. Bloco questiona Governo

As marcações para atendimento no SEF estão suspensas até ao final deste ano e não existem datas disponíveis nem agenda definida para 2020, levando muitos imigrantes a ficar em risco de irregularidade. A espera para conseguir …

Rui Rio esteve de cócoras a confecionar tapetes em Viana do Castelo. Mas quer país governado “bem de pé”

O líder do PSD, Rui Rio, esteve “de cócoras” a confecionar tapetes floridos em Viana do Castelo, na noite de segunda-feira, assumindo que aquela posição é desaconselhada para governar o país. Duzentos metros ao lado, António …

Empresa está há 12 anos à espera que o Fisco lhe devolva 86 mil euros

Uma empresa do sector alimentar está há 12 anos à espera que o Fisco lhe devolva 86 mil euros de uma caução paga no âmbito de uma queixa que apresentou contra a Autoridade Tributária (AT). …

Há medicamentos esgotados há mais de um ano. Doentes estão sem alternativas

Há várias farmácias com os medicamentos esgotados, segundo os dados que a Associação Nacional de Farmácias (ANF). Os hipertensos são dos que mais preocupam. Quem sofre de hipertensão e é medicado com Adalat tem, há pelo …

Homem com gasolina e arma de brincar sequestrou autocarro no Rio de Janeiro. Acabou abatido

Um homem armado fez vários reféns num autocarro no Rio de Janeiro, no Brasil. Identificando-se como polícia militar, o sequestrador entrou no veículo com gasolina e com uma arma que se veio a revelar ser …

Governo de Hong Kong anuncia plataforma de diálogo. Ativistas desconfiam

O Governo de Hong Kong anunciou a criação de uma "plataforma de diálogo" com "pessoas de todas as áreas sociais", dois dias depois do protesto pacífico que terá juntado 1,7 milhões de pessoas. Em conferência de …