Dia da Independência. Bolsonaro celebra sem máscara num carro cheio de crianças

Joédson Alves / EPA

O Presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, celebrou esta segunda-feira o Dia da Independência, tendo sido transportado num carro cheio de crianças. Bolsonaro não usou máscara.

O habitual desfile da Independência, que reúne representantes das forças armadas, polícias, bombeiros e orquestras, não se realizou pela primeira vez desde 1949. No entanto, os festejos no Palácio da Alvorada atraíram centenas de apoiantes do presidente, de acordo com o Observador.

Bolsonaro chegou ao Palácio sem máscara num Rolls-Royce aberto ao lado de pelo menos oito crianças. Apenas duas usavam máscara. As crianças seriam filhos de convidados da celebração.

O Presidente, que esteve infetado com covid-19 no início de julho, cumprimentou os seus apoiantes e muitos deles também não usavam máscara.

De acordo com a Renascença, o ex- presidente do Brasil, Lula da Silva, acusou Bolsonaro de transformar a pandemia da covid-19 numa “arma de destruição em massa” e afirmou que o país está a viver “um dos piores momentos da sua história”.

Num vídeo com cerca de 20 minutos, Lula da Silva disse que teria sido possível evitar tantas mortes e criticou a substituição da direção do Ministério da Saúde por militares sem experiência médica ou sanitária.

“Ficámos com um Governo para o qual a vida não tem valor e que trivializa a morte. Um Governo insensível, irresponsável e incompetente que não respeitou as recomendações da Organização Mundial de Saúde (OMS) e está a transformar o coronavírus numa arma de destruição maciça”, disse Lula.

“As eleições de 2018 mergulharam o Brasil num pesadelo que parece não ter fim. O país está a atravessar um dos piores períodos da sua história“, disse Lula. “Como nos filmes de terror, as oligarquias brasileiras deram à luz um monstro que já não podem controlar, mas que continuarão a apoiar enquanto os seus interesses forem servidos”.

O Brasil conta com 126.960 óbitos e 4.147.794 infeções desde o início da pandemia. É o país com mais mortes em todo o mundo. Bolsonaro tem repetidamente minimizado a pandemia, chamando-lhe uma “gripe menor” e apelando à retoma das atividades económicas em vez da imposição de medidas de contenção, que descreveu como “pior do que a doença”.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

França pondera passaporte de vacinação e códigos QR para regresso à "normalidade"

O governo do Presidente francês Emmanuel Macron está a estudar formas de recuperar alguma normalidade, admitindo a implementação de passaporte de vacinação e soluções com código QR para cruzar fronteiras e ter acesso a restaurantes, …

Na Suíça, os jovens vão poder voltar a cantar. Nos EUA, teme-se o impacto da variante britânica

A Suíça vai avançar com a primeira fase de um plano de desconfinamento cauteloso. Nos Estados Unidos, a variante britânica preocupa. Depois de a Suíça ter proibido o canto em dezembro do ano passado, os jovens …

China e Singapura realizam exercícios navais conjuntos

As Marinhas de Guerra da China e Singapura informaram na quarta-feira que estão a realizar exercícios navais conjuntos, iniciativa que a diplomacia chinesa espera que contribua para uma aproximação do aliado asiático norte-americano às suas …

Austrália aprova lei e é o primeiro país a obrigar Facebook e Google a pagar conteúdos jornalísticos

O Parlamento da Austrália aprovou a lei que impõe à Google e ao Facebook o pagamento aos órgãos de comunicação australianos pela publicação dos seus conteúdos jornalísticos, a primeira legislação do mundo deste género. A lei …

Situação clínica de Alfredo Quintana é "muito grave"

Alfredo Quintana, guarda-redes de andebol, de 32 anos, sofreu uma paragem cardíaca num treino, na segunda-feira. Encontra-se internado no Hospital de São João, no Porto, e a situação clínica é "muito grave". A situação clínica …

Documentos mostram que assassinos de Khashoggi usaram aviões de empresa controlada pelo príncipe herdeiro

Documentos judiciais revelam que os dois jatos particulares usados ​​pelos supostos assassinos do jornalista Jamal Khashoggi pertenciam a uma empresa que, menos de um ano antes, tinha sido apreendida pelo príncipe herdeiro da Arábia Saudita. Os …

António Guterres agradece confiança do Governo português

O secretário-geral da ONU expressou, esta quarta-feira, agradecimento e humildade por receber o apoio oficial do Governo português para um segundo mandato e prometeu fazer de tudo para continuar a ser digno da renomeação. "O secretário-geral …

Israel identifica cidadãos que não foram vacinados. Na Galiza, quem recusar vacina arrisca multa

O Parlamento israelita autorizou esta quarta-feira o Ministério da Saúde a comunicar às entidades públicas do país as identidades de pessoas não vacinadas contra a covid-19, levantando preocupações sobre a privacidade dos cidadãos que recusam …

Testes por saliva usados em eventos-piloto antes de festivais de verão

Os agentes ligados a festivais e concertos e a Direção-Geral de Saúde (DGS) vão realizar várias experiências-piloto para se perceber em que moldes se podem concretizar os festivais de música no verão. Uma das ideias é …

Mais 49 mortes e 1.160 casos de covid-19. Há menos doentes internados do que no Natal

O boletim divulgado esta quinta-feira pela Direção-Geral da Saúde (DGS) indica que foram registados 1.160 novos casos de covid-19 em Portugal. Nas últimas 24 horas, morreram 49 pessoas. Portugal registou, esta quinta-feira, 1.160 novos casos de …