Blindados russos atacam base aérea na Crimeia

MATEUS_27:24&25 / Flickr

Tanques blindados T-90 do Exército da Rússia

Tanques blindados T-90 do Exército da Rússia

Tropas russas apoiadas por blindados tomaram hoje uma base aérea em Belbek, na Crimeia, disparando armas automáticas para o ar, informou o porta-voz do Ministério da Defesa da Ucrânia naquela península, Vladislav Selezniov.

Selezniov, que citou fontes no local, disse haver informações de que “um jornalista ficou ferido”.  A BBC cita também informações segundo as quais o ataque fez pelo menos um ferido.

A agência France Presse, que tem um jornalista no local, informou que um veículo blindado de transporte de tropas derrubou o portão da base e dois outros veículos derrubaram partes do muro que a cerca, ao mesmo tempo que tropas a pé entravam no recinto e apontavam as suas armas aos militares ucranianos.

O jornalista relatou também que se ouviu o som de granadas de atordoamento proveniente de dentro do edifício da base, bem como as vozes de alguns soldados ucranianos cantando o hino da Ucrânia e gritando “Glória à Ucrânia!”.

A situação acalmou algum tempo depois e os militares russos baixaram as armas.

A hostilidade manteve-se contudo em relação aos jornalistas, tendo o repórter da France Presse sido obrigado a entregar o cartão de memória da câmara de vídeo a um militar.

Horas antes do ataque, foi colocada na página na internet da base de Belbek um texto informando que o comandante tinha recebido um ultimato das forças russas para se renderem e entregarem as armas, caso contrário seriam atacados.

O ataque a Belbek registou-se horas depois de um outro ataque a uma base militar ucraniana na Crimeia, quando cerca de 200 homens desarmados entraram na base ucraniana em Novofedorivka, na parte ocidental da península.

A república da Crimeia e a cidade de Sebastopol, anexadas na terça-feira pela Rússia, foram palco nos últimos dias de ataques a várias bases militares ucranianas.

Segundo fonte do Ministério da Defesa da Rússia, citado pela agência russa Ria-Novosti, menos de 2.000 dos 18.000 militares ucranianos na Crimeia manifestaram a intenção de partir, tendo os restantes optado por se juntar às forças russas.

Segundo a mesma fonte, bandeiras russas foram hasteadas em 54 dos 67 navios ucranianos no porto de Sebastopol.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Os humanos podem descender de marcianos antigos, diz Bill Nye

Bill Nye defendeu recentemente que é importante continuar a financiar a agência espacial norte-americana, especialmente se as missões levadas a cabo pela NASA no futuro ajudarem a responder a uma questão há anos tira o …

Londres dá o nome de Freddie Mercury a uma rua

Londres rebatizou uma das suas ruas em honra do vocalista dos Queen, Freddie Mercury. A rua em causa fica perto da primeira morada do artista na capital inglesa. Uma rua nos subúrbios de Londres, onde o …

Gil Vicente 0-1 Benfica | Vlachodimos segura liderança

O Benfica regressou às vitórias na Liga NOS e recuperou a liderança na tabela classificativa. Na visita ao Gil Vicente, os “encarnados” ganharam por 1-0, num jogo que foi tudo menos fácil para os campeões nacionais. O …

Exército norte-americano está a desenvolver tecidos que neutralizam agentes nervosos

A roupa das tropas norte-americanas poderá, no futuro, combater alguns dos agentes nervosos mais perigosos do mundo. Uma equipa de químicos da Universidade de Northwestern, nos Estados Unidos, está a desenvolver um tecido capaz de neutralizar …

Mona Lisa de cubos mágicos vendida em leilão por 480 mil euros

"Rubik Mona Lisa", uma Mona Lisa feita com quase 300 cubos mágicos, foi vendida em leilão, este domingo, por 480.200 euros. A obra é da autoria do artista francês Invader. A obra de arte, que se …

Cientistas utilizam IA para criar antibiótico que mata até as bactérias mais resistentes

Investigadores norte-americanos utilizaram mecanismos de inteligência artificial para criar um poderoso, capaz de matar algumas das bactérias resistentes mais perigosas do mundo. Segundo informou o Guardian, este fármaco atua de maneira diferente dos antibacterianos existentes, tendo …

Mulheres que assinaram acordos de sigilo vão poder falar sobre comportamento de Bloomberg, garantiu o empresário

Após uma extensa repercussão sobre os acordos de confidencialidade da sua empresa, que impedem as funcionárias de falar sobre as alegações de assédio no local de trabalho, Michael Bloomberg tentou inverter o curso da polémica. "A …

Nome de Vitalino Canas para o Tribunal Constitucional não deverá ser aprovado

O nome de Vitalino Canas para o Tribunal Constitucional não deverá ser aprovado na próxima sexta-feira. PSD e BE mostram-se contra a sua nomeação. Os deputados do PSD “não estão confortáveis” com a proposta do PS …

Amazon está a remover produtos que promovem a cura contra o coronavírus

A Amazon está a retirar os produtos que alegam "matar" o coronavírus e a avisar os utilizadores da desinformação em torno deste tema. Há empresas e vendedores a aproveitarem-se do mediatismo do coronavírus e a promover …

Autoridades revelam que atropelamento em desfile de Carnaval foi intencional

O atropelamento de pelo menos 15 pessoas num desfile de carnaval hoje em Volkmarsen, no centro da Alemanha, foi intencional, segundo a polícia, que não confirmou a hipótese de atentado. Henning Hinn, da diretoria de polícia …