Basílio Horta diz que Costa é um “brilhante tático”. Quanto à recandidatura a Sintra, só em maio

Basílio Horta

Basílio Horta, presidente da Câmara de Sintra, ainda não decidiu se se recandidata. Em entrevista ao Diário de Notícias, deixou rasgados elogios ao primeiro-ministro, António Costa.

O presidente da câmara de Sintra deu uma entrevista ao Diário de Notícias na qual avança que só em maio decidirá se é recandidato a um terceiro mandato. Ainda assim, Basílio Horta disse que só será candidato se for pelo PS.

“Os critérios são essenciais: a saúde, a vontade e o apoio do Partido Socialista. Não seria candidato por nenhum outro partido, nem independente, a não ser pelo Partido Socialista, onde me sinto muito confortável. Até hoje, o dia em que estou a falar consigo, os três estão satisfeitos”, afirmou.

“Tenho uma saúde normal, tanto quanto sei, o Partido Socialista, pelo que tenho ouvido, mantém a confiança no meu mandato e, em terceiro lugar, a vontade neste momento também existe. Mas além disto, obriga a uma reflexão mais profunda, que eu até agora não tenho feito. Espero em maio ter uma decisão sobre essa matéria que, se fosse hoje, era positiva”, acrescentou o autarca.

Em relação ao seu eventual adversário – Ricardo Batista Leite, apoiado pelo PSD – Basília Horta disse não o conhecer pessoalmente.

“A única coisa que tenho a dizer ao doutor Baptista Leite ou a qualquer outro candidato que surja é que a Câmara está inteiramente ao dispor para lhe fornecer todos os elementos que deseje para poder fazer uma campanha com conhecimento e consistência”, garantiu.

Quando anunciou a sua escolha, o líder social-democrata, Rui Rio, não se quis alongar muito em relação a este candidato por ser “seguramente dos deputados mais conhecidos da Assembleia da Republica”.

Questionado sobre a polémica dos apoios sociais, Basílio Horta aproveitou para deixar rasgados elogios a António Costa, que deu uma resposta “elegante” ao Presidente da República. Acrescentou, ainda, que Costa é uma “pessoa também com grande capacidade de adaptação aos problemas e de resolvê-los”.

É um tático brilhantíssimo, o nosso primeiro-ministro, um dos mais brilhantes táticos que eu conheci na minha vida política e que já é longa. Respondeu de uma maneira elegante. Porque o problema não é jurídico efetivamente, é político”, disse, em declarações ao DN.

Já Marcelo Rebelo de Sousa é de uma “inteligência brilhante” e uma “pessoa de princípios”, disse Basílio Horta.

Sobre o segundo mandato do Presidente, o autarca referiu que “o professor Marcelo Rebelo de Sousa é uma pessoa de princípios. E não vai aproveitar o segundo mandato para atacar o governo sem motivos. Estou perfeitamente convencido de que aquilo que ele fala, que é a solidariedade institucional, ele manterá”.

Liliana Malainho Liliana Malainho, ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Cavaco Silva volta a estar ausente das cerimónias do 25 de Abril

O ex-Presidente da República já informou que não vai marcar presença na cerimónia comemorativa dos 47 anos do 25 de Abril, este domingo, no Parlamento, por continuar "a respeitar as regras sanitárias". Fonte oficial do gabinete …

No dia da Terra, os líderes mundiais juntaram-se para "passar à ação"

A Casa Branca organizou uma Cimeira de Líderes sobre o Clima, que decorre de forma virtual e durante dois dias. Começou esta quinta-feira, dia em que se comemora o Dia da Terra, e junta cerca …

Detido em Itália homem que terá fornecido arma ao autor do atentado de Nice em 2016

Um homem que teria fornecido uma arma ao autor do atentado com um caminhão na cidade francesa de Nice, em 14 de julho de 2016, foi detido na Itália, anunciaram na quarta-feira vários veículos de …

"Invisibilidade" do LGBTI nos Censos é alvo de críticas

A Associação ILGA Portugal - Intervenção Lésbica, Gay, Bissexual, Trans e Intersexo e o Bloco de Esquerda estão a criticar os Censos 2021 devido à ausência de perguntas relacionadas com identidade de género, o que …

Rússia vai dar início à retirada de tropas perto da fronteira com a Ucrânia

A Rússia anunciou que vai iniciar, esta sexta-feira, a retirada das suas tropas concentradas perto da fronteira com a Ucrânia e na Crimeia anexada, referindo que os exercícios foram concluídos. "As tropas demonstraram a sua capacidade …

KPMG desconhecia problemas no BESA que justificassem reserva às contas

A KPMG Portugal afirmou, numa carta enviada à comissão de inquérito do Novo Banco, que desconhecia factos no BES Angola que pudessem levar a uma opinião com reservas às contas do BES. A KPMG Portugal desconhecia …

Ferro Rodrigues está "perfeitamente de acordo" com Marcelo sobre enriquecimento ilícito

O presidente da Assembleia da República (AR) concorda com o Presidente quanto à urgência de melhorar a lei contra o enriquecimento ilícito e diz que isso pode ser feito sem pôr em causa princípios constitucionais. Numa …

Índia regista subida drástica de infeções e mortes. EUA com 200 milhões de vacinas tomadas

O número de novas infeções pelo coronavírus dispararam na Índia, com a falta de preparação do Governo e a forma como a pandemia tem sido gerida apontadas como causas para a subida dos casos e …

Técnicos de diagnóstico. Depois de mais uma coligação da oposição, Executivo avalia o que fazer

Depois de mais uma coligação da oposição, o Governo "está a avaliar" o que irá fazer em relação à aprovação das mudanças na carreira de Técnico Superior de Diagnóstico e Terapêutica.  De acordo com o semanário …

Diretor de Finanças de Lisboa está em substituição desde 2015. Já ultrapassa tempo de comissão de serviço

Fernando Lopes, a maior estrutura regional da Autoridade Tributária e Aduaneira (AT), é diretor da Direção de Finanças de Lisboa em regime de substituição desde março de 2015. Quando a então diretora regional, Helena Borges, foi …