Avião russo partiu-se em pedaços no ar

Sergey Korovkin 84 / Wikimedia

Airbus A321-231 da MetroJet / Kogalimavia

Airbus A321-231 da MetroJet / Kogalimavia

O Airbus A321 russo que caiu no Egipto sábado, provocando a morte a 224 pessoas, partiu-se em pedaços no ar, mas ainda é muito cedo para determinar a causa, revelou este domingo o MAK, Comité Interestatal da Aviação da Rússia.

Viktor Sorochenko, director-executivo do MAK, teceu alguns comentários depois de inspeccionar o local do acidente que este sábado vitimou 217 passageiros e 7 tripulantes, na península do Sinai, no Egipto.

“É muito cedo para tirar conclusões”, disse Sorochenko.

A desintegração da fuselagem teve lugar no ar e os destroços estão espalhados em torno de uma grande área, de cerca de 20 quilómetros quadrados”, acrescentou.

Por sua vez, o presidente egípcio, Abdel Fattah al-Sisi, afirma que a investigação sobre as causas de acidente poderia levar meses.

“Este é um assunto complicado e exige tecnologias avançadas e investigações amplas que poderão levar meses”, diz o presidente do Egipto, citado pela Spunik News.

De acordo com um porta-voz do Ministério russo das Situações de Emergência, os especialistas examinaram, na capital egípcia, os corpos de cerca de 120 das vítimas do acidente do Airbus russo.

“A equipa de trabalho liderada pelo ministro das Situações de Emergências, Vladimir Puchkov, está a trabalhar no local do acidente do A321″, revelou um porta-voz do ministério durante uma conferência de imprensa, este domingo.

“As equipes de resgate estão a inspeccionar mais de 16 quilómetros quadrados de terreno”, acrescentou.

Até agora, foram recuperados no local da tragédia 175 corpos, de acordo com o jornal egípcio Al Ahram, que cita uma fonte da equipa das operações de resgate.

A fonte adianta que alguns dos corpos foram encontrados bastante longe do local do acidente.

Todos os corpos foram entregues à base aérea de Kibrit, aguardando transporte para o Cairo.

Um oficial egípcio revelou à AFP que o corpo de uma menina de três anos de idade tinha sido encontrado longe dos destroços.

“Encontrámos uma menina de três anos de idade a 8 quilómetros de distância do local” dos destroços principais, disse o oficial.

A muitos dos corpos faltam alguns membros, acrescentou o oficial, que pediu anonimato por não estar autorizado a falar com a imprensa.

O avião, pertence à companhia russa MetroJet, ou Kogalimavia, tinha como destino São Petersburgo, e caiu ao sul da cidade egípcia de Al-Arish, pouco depois de levantar voo de Sharm el-Sheik.

O ministro dos Transportes russo garantiu entretanto serem falsas as informações de que o avião teria sido alvo de atentado terrorista.

ZAP / Sputnik News

PARTILHAR

RESPONDER

Uso de máscara pode salvar 130 mil vidas nos EUA até final de fevereiro, revela estudo

As medidas de distanciamento social, principalmente o uso de máscaras em público, podem salvar até 130 mil vidas nos Estados Unidos (EUA), revelou um novo estudo divulgado na sexta-feira. Em abril, o Presidente dos Estados Unidos …

A guerra contra o plástico está a distrair-nos da poluição invisível

O atual foco na poluição de plástico está a fazer com que as pessoas descurem o tipo de poluição que não é possível ver, alerta uma equipa de investigadores. O plástico é um material incrivelmente útil …

A pandemia veio interromper as touradas no Peru. Mas há quem não esteja muito satisfeito com isso

Em poucos meses a pandemia do novo coronavírus conseguiu um feito há muito desejado por ativistas de todo o mundo: interrompeu as touradas. O cancelamento dos espetáculos - criticados pela sua violência para com os …

Dezenas de sites franceses com propaganda islâmica após pirataria informática

Várias dezenas de pequenos websites franceses foram afetados por uma onda de pirataria informática, publicando mensagens de propaganda islâmica, indica hoje a agência noticiosa France-Press (AFP). Mensagens como “Vitória para Maomé, vitória para o Islão e …

Jogos Olímpicos em 2021 vão mostrar que "humanidade derrotou o vírus"

O primeiro-ministro japonês, Yoshihide Suga, disse esta segunda-feira que o país está "determinado" em organizar os Jogos Olímpicos no verão de 2021 e declarou que o evento servirá "como prova de que a humanidade derrotou …

Herdeiro da Samsung assume as rédeas da empresa depois da morte do pai

Lee Jae-Yong, filho do presidente da Samsung, assumiu a liderança da empresa depois do seu pai ter falecido este domingo. O herdeiro assume as rédeas numa altura em que a gigante da tecnologia procura evoluir. Sob …

Vídeos de suicídios, abortos ou abusos sexuais. Ex-moderadora do YouTube descreve pesadelo (e processa plataforma)

Uma ex-moderadora do YouTube apresentou uma queixa contra a plataforma na segunda-feira, acusando-a de não proteger os funcionários que são sujeitos a uma análise e remoção de vídeos violentos publicados na página. O processo contra o …

Resultados nos Açores levam PS a pensar em eleições antecipadas

O PS voltou a ganhar as eleições regionais dos Açores, obtendo 39,13% dos votos, o que não garante a maioria absoluta. Os resultados levam o partido a pensar já em eleições antecipadas. "[O governo regional] está …

"Ainda não sei bem o que fiz". João Almeida e Rúben Guerreiro de volta a Portugal

João Almeida e Rúben Guerreiro foram duas das maiores figuras desta edição do Giro, a volta a Itália em bicicleta. Os dois ciclistas aterraram esta segunda-feira, em Lisboa, e parece que ainda não perceberam a …

Autarca de Pedrógão Grande critica "péssima investigação" sobre reconstrução de casas

O presidente da Câmara de Pedrógão Grande acusou o Ministério Público e a Polícia Judiciária de terem feito uma "péssima investigação" no processo sobre a reconstrução das casas, cujo julgamento se iniciou esta segunda-feira. "[As acusações] …