Avião com 224 pessoas despenha-se no Egipto. Estado Islâmico reivindica ataque

Anatoly Maltsev / EPA

Familiares de passageiros do Airbus A321 da MetroJet, que se despenhou no Egipto, no Aeroporto Pulkovo II de S. Petersburgo, Rússia.

Familiares de passageiros do Airbus A321 da MetroJet, que se despenhou no Egipto, no Aeroporto Pulkovo II de S. Petersburgo, Rússia.

Um avião russo com 224 pessoas a bordo despenhou-se neste sábado na Península do Sinai, Egipto, após descolar da localidade turística egípcia de Sharm El Sheikh.

Um alto funcionário da autoridade de controlo do espaço aéreo disse à Agência France Presse (AFP) que a comunicação foi perdida quando o avião sobrevoava o norte da Península do Sinai.

Segundo fontes da aviação civil do Egipto, seguiam a bordo do avião 7 tripulantes, 214 passageiros russos e três ucranianos, dos quais 17 eram crianças.

As equipas de busca e salvamento já chegaram aos destroços e não encontraram sobreviventes, segundo revelaram as autoridades egípcias.

O avião A-321 da companhia aérea Kogalymavia, conhecida como MetroJet, estará partido ao meio e os corpos das vítimas foram encontrados espalhados por um perímetro de 5 quilómetros.

As autoridades egípcias já estão a investigar as circunstâncias do acidente.

Entretanto, vários sites de informação estão a anunciar que uma facção egípcia da organização terrorista Estado Islâmico reivindicou ter abatido o avião.

O grupo extremista, num comunicado publicado no Twitter, afirma ter agido como “represália” à intervenção russa na Síria.

Na zona onde ocorreu o acidente têm decorrido combates entre o exército egípcio e um grupo rebelde associado ao Estado Islâmico.

Todavia, as autoridades egípcias asseguram que não há indícios de que o avião tenha sido abatido e que tudo aponta para “falhas técnicas”.

Especialistas contactados pela BBC referem também que, dada a altitude a que o avião voava, estaria fora do alcance dos mísseis terra-ar de que o grupo terrorista dispõe na região.

A tese da avaria técnica é reforçada pela Agência de notícias russa RIA Novosti, que avança que o avião perdeu altitude de forma súbita, pouco depois de ter descolado, e que o piloto solicitou permissão para fazer uma aterragem de emergência no Cairo.

O Comité de Investigação de acidentes aéreos da Rúsia anunciou por seu turno que está a investigar suspeitas de “violação de regras de voo e preparação das mesmas” por parte da companhia aérea Kogalymavia.

ZAP / Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Depois de várias reuniões os Russos provavelmente vão chegar à conclusão que o que abateu o avião foi um míssil Ucraniano. Ás vezes escreve-se direito por linhas tortas. Depois de um missil russo ter abatido um avião com holandeses e outras nacionalidades e ter provocado dor e sofrimento em suas famílias cerca de um ano depois são eles a chorar mais de 200 mortos na queda de um avião, o sofrimento é o mesmo. Façam agora uma reconstituição de como foi o acidente.

RESPONDER

Numa verdadeira cena à James Bond, homem foge do FBI numa scooter subaquática

Um americano que estava a ser procurado por um suposto envolvimento num esquema de fraude, foi preso na passada segunda-feira, dia 16, após usar uma "scooter marítima" subaquática para tentar fugir do FBI. Quem assistiu ao …

Após quase terem sido extintas, baleias azuis estão a voltar à Geórgia do Sul

A baleia azul regressou às águas em torno da ilha Geórgia do Sul, quase um século depois de este animal ter sido quase extinto pela caça industrial. A remota ilha Geórgia do Sul, perto da Antártida, era …

Manuscritos de "A Origem das Espécies" divulgados online pela primeira vez

Duas páginas originais do rascunho manuscrito de "A Origem das Espécies", de Charles Darwin, foram divulgadas online pela primeira vez. Além disso, foram ainda publicadas cartas e notas de leitura nunca antes vistas. Os documentos foram …

Os videojogos podem ser bons para o bem-estar pessoal, sugere estudo

De acordo com um novo estudo que analisou o comportamento de jogadores e dados fornecidos por empresas de videojogos, o tempo gasto a jogar pode ser bom para o bem-estar pessoal. A Electronic Arts e a …

A MINI criou uma van perfeita que foi pensada para relaxar, usufruir e conviver

A marca de automóveis MINI apresentou o projeto do Vision Urbanaut. Este veículo é uma van completamente moderna e sustentável, pois oferece mais espaço interior e versatilidade, e ainda deixa uma pegada ecológica mínima. Esta van …

Covid-19. Angela Merkel alerta sobre plano de vacinação para países mais pobres

A chanceler alemã, Angela Merkel, alertou os líderes dos países mais desenvolvidos que o progresso no desenvolvimento de um sistema de distribuição de vacinas para nações mais necessitadas tem sido lento e que essa questão …

Explosão em Beirute. Danos segurados rondam mil milhões

As vítimas da explosão que destruiu o porto de Beirute e área circundante, em agosto, apresentaram um total de 14.921 reclamações de seguro, totalizando danos segurados estimados em perto de 1,62 biliões de libras libanesas …

Centenas de pessoas que morreram de covid-19 em Nova Iorque continuam em camiões frigoríficos

Muitos destes cadáveres, que continuam em camiões frigoríficos, são de pessoas cujas famílias não puderam ser localizadas ou que não podem cobrir os custos do enterro. De acordo com o The Wall Street Journal, cerca de …

Bolsonaro responsabiliza estados e municípios por não usarem testes

Mais de 6,8 milhões de testes RT-PCR, adquiridos pelo Ministério da Saúde brasileiro, perderão a validade entre dezembro deste ano e janeiro de 2021. O Presidente brasileiro, Jair Bolsonaro, direcionou para estados e municípios a responsabilidade …

Médico presente na sala de emergência revela detalhes da morte de John F. Kennedy

Um médico que estava presente na emergência do Parkland Memorial Hospital, para onde John F. Kennedy (1917-1963) foi transferido depois de ser baleado numa visita política ao estado do Texas, revelou novos detalhes sobre a …