ASAE abriu 20 processos-crime a talhos em 2016

A Autoridade para a Segurança Alimentar instaurou 20 processos-crime em 2016 a talhos e aplicou 134 multas na sequência de 610 fiscalizações a estabelecimentos de venda de carne.

A ASAE já tinha adiantado que vai analisar o estudo da Deco sobre a carne picada vendida nos talhos e que admite tomar medidas de fiscalização suplementar se tal se justificar.

A Deco apelou aos consumidores para que não comprem hambúrgueres já picados nos talhos, onde encontrou bactérias nocivas e aditivos alergénicos usados para fingir que a carne é fresca.

De acordo com os dados estatísticos da ASAE, os 20 processos-crime deveram-se a “incumprimentos relativos à utilização indevida da Denominação de Origem Protegida (DOP), abate clandestino e produtos avariados”.

Já os 134 processos de contraordenação tiveram por base, maioritariamente, “a distribuição, preparação e venda de carnes e seus produtos com desrespeito das normas higiénicas e técnicas aplicáveis”, o “incumprimento dos requisitos gerais e específicos de higiene” e a “falta ou inexatidão de rotulagem e a deficiência das indicações na rotulagem da carne de bovino”.

A ASAE recordou ainda que tem em prática um Plano Nacional de Colheita de Amostras, para controlar os alimentos disponibilizados aos consumidores.

“Em 2016 foram colhidas 202 amostras de carne picada e preparados de carne para pesquisa de sulfitos (86) e salmonela (116), tendo sido detetadas 21 não conformidades (14 em Sulfitos e 7 em Salmonela)”, referiu a autoridade, que acrescentou também que os sulfitos são “sulfitos são aditivos alimentares autorizados como conservantes que podem ser utilizados em diversos géneros alimentícios”, de que são exemplos alguns preparados de carne picada como as almôndegas ou os hambúrgueres.

Segundo a ASAE “a carne picada, pelas suas características, entre as quais a grande área de superfície de exposição, é um produto muito perecível e que obrigatoriamente tem que ser conservado até 2.ºC e vendida no próprio dia da sua preparação”.

No entanto, recordou a autoridade, “em regra, o consumo da carne picada é feito após confeção (exceto o bife tártaro), e este tratamento térmico, permite reduzir o risco associado ao consumo da carne picada para níveis aceitáveis”.

A autoridade para a segurança alimentar sublinhou ainda que “risco zero não existe para nenhum tipo de alimento”.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Há uma "Matilde" na Bélgica que também precisa do medicamento mais caro do mundo

Mais de 950 mil belgas responderam ao apelo de um casal, que precisava de reunir 1,9 milhões de euros para comprar o medicamento mais caro do mundo para a filha. Pia, de nove meses, sofre de …

System of a Down confirmados no festival VOA, no Estádio Nacional

Os System of a Down são a primeira grande confirmação do VOA - Heavy Rock Festival, que em 2020 se realiza a 2 e 3 de julho no Estádio Nacional. De acordo com a Blitz, este …

PSV 3-2 Sporting | “Leão” vendeu cara uma derrota injusta

O Sporting iniciou a sua participação na fase de grupos da Liga Europa com uma derrota amarga na Holanda, na visita ao PSV, por 3-2. Seis minutos fatais na primeira parte deixaram os “leões” em desvantagem …

Políticos da Coreia do Sul estão a rapar o cabelo (e já se sabe porquê)

Políticos da oposição na Coreia do Sul estão a rapar o cabelo em protesto contra a nomeação de um ministro da Justiça cuja família está a ser investigada por suspeita de irregularidade. O vice-presidente do parlamento, …

Paris acordou repleto de cartazes que denunciam violência contra as mulheres

Um dos bairros de Paris acordou com cartazes, escritos em português, numa ação de rua contra a violência sobre as mulheres, uma iniciativa do movimento "Collages Feminicides", que tem feito este tipo de ações ilegais …

Ana Julia Quezada declarada culpada no caso da morte de Gabriel

Um júri popular considerou esta quinta-feira por unanimidade que Ana Julia Quezada é culpada de assassinar, com maldade (que segundo o código pena espanhol serve de agravante penal), Gabriel, o filho de oito anos do …

Burger King vai deixar de oferecer brinquedos de plástico nas refeições infantis

A cadeia de hambúrgueres Burger King no Reino Unido vai deixar completamente de usar plástico não biodegradável nos brinquedos que acompanham as refeições infantis. A decisão segue-se a uma petição pública lançada no site Change.org por …

Presidente veta “barrigas de aluguer”

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, vetou esta quinta-feira a alteração à lei relativa à procriação medicamente assistida, em consequência de o Tribunal Constitucional (TC) ter declarado inconstitucional duas normas do diploma. “Na sequência …

Raquel é a nova embaixadora do combate às alterações climáticas da ONU

A investigadora Raquel Gaião Silva promete dar o seu melhor como embaixadora da juventude para o combate às alterações climáticas, estatuto que alcançou ao vencer um concurso internacional de vídeo promovido pela ONU. "É uma responsabilidade. …

Huawei lança telemóvel sem aplicações do Google e Facebook

Os novos telemóveis topo de gama da Huawei vão chegar ao mercado sem aplicações do Google pré-instaladas. O Mate 30 e o Mate 30 Pro terão um sistema Android, mas virão sem serviços como o …