Armando Vara terá forçado crédito ruinoso na Caixa

Paulo Novais / Lusa

O ex-ministro Armando Vara

O ex-ministro Armando Vara

Funcionários da Caixa Geral de Depósitos (CGD), ouvidos no âmbito da Operação Marquês, testemunharam que o crédito ruinoso concedido pelo banco ao empreendimento de Vale do Lobo, no Algarve, foi determinado por “ordem superior” de Armando Vara, então administrador da instituição.

Armando Vara é um dos arguidos da Operação Marquês, por suspeitas relacionadas com o seu papel, enquanto administrador da CGD, aquando da concessão de um crédito ao empreendimento turístico de Vale do Lobo, no Algarve.

Sócrates é também suspeito de favorecimentos no âmbito do resort de luxo.

Agora, o Correio da Manhã garante que “testemunhos de quatro funcionários da CGD comprometem de forma clara o papel de Vara no processo”.

De acordo com o jornal, citando estes testemunhos, a CGD concedeu um crédito de 194 milhões de euros ao empreendimento e ainda entrou no capital da empresa que o adquiriu, a Resortpart.

A Caixa terá exigido aos investidores, como requisito para a concessão do crédito, que “tivessem capitais próprios de 36 milhões de euros”, salienta o CM.

Mas “como estes avançaram apenas com seis milhões, a CGD acabou por entrar no capital da Resortpart com dois milhões de euros e deu também 28 milhões de euros em suprimentos“, aponta o jornal.

Além disso, a CGD acrescentou “um crédito de dois milhões para gastos com escrituras“, sublinha o diário.

Deste modo, o banco estatal cedeu 226 milhões de euros ao empreendimento, num dos vários créditos ruinosos realizados durante a gestão de Armando Vara e que, segundo uma auditoria, foram concedidos com “deficiente análise de risco” ou “com garantias claramente insuficientes”.

Um dos funcionários da CGD ouvidos na Operação Marquês terá garantido aos investigadores que o financiamento ao empreendimento “foi determinado superiormente” e mais três testemunhas “confirmam a intervenção directa de Armando Vara no processo”, realça o CM.

ZAP

PARTILHAR

13 COMENTÁRIOS

  1. Falta conhecer as “ordens dadas” pelos Administradores PSD quando lá estiveram.
    Não gostando de Vara não acredito que só ele tenha dado este tipo de ordens !!!!
    Por muito incauto que se seja não se consegue enterrar 4 mil milhões de euros em 6 anos de gestão !!!!

    • Pessoalmente nunca gostei deste Vara mas, concordo, não é, de longe, o principal responsável. A CGD tem funcionado como um trampolim para os incompetentes e oportunistas que estão nos partidos, particularmente PS e PSD e, portanto, há responsabilidades de ambos.
      Na minha opinião os problemas da CGD, em concreto os 4 mil milhões enterrados, resultam, mais uma vez, duma deficiente supervisão do Banco de Portugal e do facto da CGD ser constantemente chamada a enterrar dinheiro para safar outros Bancos. Tem dinheiro metido no Banif, no BPN, entre outros que, como sabemos, será praticamente incobrável ou apenas será recuperada uma pequena parte.

  2. Nem compreendo o espanto do pessoal……a justiça leva tanto tempo a actuar que um dia destes o sacripanta tem um ataque qualquer e vai desta para melhor e ai o caso é arquivado, como sempre acontece……ora ora, eixem de se preocupar com estes casos sejam felizes no Natal que se aproxima.

  3. Gente isto não é uma questão de partidos. Este banco foi sempre administrado de forma RUINOSA quer por PS quer por PSD, mas sempre foi muito mais RUINOSA sempre que o PS está no governo, senão vejam esta “novela” que decorre á meses nesta ultima escolha p/ a administração da CGD. É c/ este tipo de gestores politicos que levam qualquer empresa a “FALENCIAS”!! Senão reparem o BCP está como está porquê, quem lá esteve ? Armando Vara como não podia deixar de ser. Sempre que os politicos se metem em empresas nada fazem p/ além de arruinarem as mesmas!!

    • Não passas de um ignorante mal intencionado. Pafiosos e mafiosos é tudo a mesma gente. Metem nojo. Usam palas nos olhos como os burros. Por acaso o Oliveira e Costa, Dias Loureiro, Caprichoso ou Sanchez eram ou são do PS? O Salgado também é do PS? E o BCP foi o Vara que o arruinou? Estás a esquecer-te do Paulo Teixeira da Cruz, que foi secretário de Estado de Cavaco e que deixou o BCP na miséria. Mas saiu com uma reforma de 40.000 euros mensais e um choruda indemnização. E o Bagão félix também lá esteve e tem uma reforma da ordem dos 25.000 euros. E o que é que fez de bom?? Não sejas Toino pafioso e mafioso.

  4. È incompréhensible,a polícia faz os inquéritos,apanham os responsáveis,pela ruína desse país,que esses banqueiros ladrões e courruptos enchem os bolsos deles e dos amigos, metem os bancos na falência,arruinam o país,e aonde è que está a justiça,no meio disto tudo, porque è que ninguém vai para a prisão, esses tipos andam à solta como se nada tivesse acontecido,è incrível de ver a impunidade desses ladrões, será que a justiça não tem vergonha de deixar esse país chegar ao ponto que chegou,façam qualquer coisa para meter fim a toda esta vergonha de imponidade dos ladrões.

  5. Os funcionários da Caixa foram, certamente, arregimentados para depôr de acordo com o interesse do Procurador. Quem conhece, minimamente os procedimentos da concessão de créditos de montantes elevados, como foi o caso dos 194 miilhões, sabe que a aprovação destes créditos é feito por um colégio cediticio do Conselho de Administração, composto por 8 ou 9 administradores, e depois do processo ter passado por diversos departamentos de análise de risco e de recuperação dos créditos e ter em anexo, os pareceres das diversas entidades que analisaram o processo. Os administradores aprovam ou recusam o crédito de acordo com os pareceres e também pela sua experiência e conhecimento dos factos. Não há nenhum crédito deste montante, ou outro até de menor valor aprovado por um único administrador. Só por ignorância ou má-fé dos comentadeiros, jornalistas, procuradores ou juizes é que se pode acusar uma única pessoa de ter sido o responsável pela aprovação de um crédito de 194 milhões de euros. Arregimentar gente da côr para dizerem o que o procurador quer, é fácil. Dificil é convencer o juiz de que um só homem aprovou fosse o que fosse, quando as regras não permitem. Somos todos burros, ou querem fazer-nos de asnos com merda na cabeça?????

RESPONDER

Viagens ao Espaço têm um novo perigo desconhecido para os astronautas

Há um perigo inerente às longas viagens espaciais dos astronautas desconhecido até aos dias de hoje. Um novo estudo aponta que os cosmonautas podem ver o seu fluxo sanguíneo revertido na parte superior do corpo. A …

Macrocilix maia, a misteriosa traça que tem moscas a comer fezes nas suas asas

Macrocilix maia é uma espécie de traça que se destaca pela forma como se camufla dos seus predadores. Nas suas asas vê-se duas moscas a comer excrementos de pássaro. A natureza nunca falha em surpreender-nos e …

Há provas que ligam misteriosa doença que paralisa crianças a vírus raro

Pela primeira vez, foram encontradas provas da associação do Enterovírus D68, um vírus raro até há algum tempo, à Mielite Flácida Aguda, uma doença semelhante à poliomielite que tem afectado centenas de crianças, provocando a …

Antigos egípcios podem ter encurralado milhões de pássaros só para os mumificar

Novas evidências de ADN sugerem que os antigos Egípcios capturavam pássaros selvagens para sacrifícios ritualísticos (e para os poderem mumificar depois). As catacumbas egípcias contêm milhares de pássaros mumificados, especificamente íbis-sagrados (Threskiornis aethiopicus), empilhados uns sobre …

Estudo mostra que sondagens tendenciosas enviesam eleições políticas

Através de experiências práticas, uma investigação recente sugere que as sondagens tendenciosas podem influenciar e enviesar as eleições políticas, até mesmo nas grandes democracias. Enquanto uma eleição se aproxima no Reino Unido e uma votação presidencial …

A Rússia criou a arma mais mortífera da história. Foi há 72 anos

Comummente conhecida por AK-47, a espingarda Kalashnikov foi responsável por milhões de mortes durante a nossa História, sendo uma das armas mais populares do mundo e a mais fabricada pela indústria de armamento. Segundo o The Conversation, …

Luxemburgo 0-2 Portugal | Campeão marca presença no Euro

Portugal venceu o Luxemburgo por 2-0 e apurou-se para a fase final do Euro2020 – a 11ª presença consecutiva da turma das “quinas” em fases finais de grandes competições. Num encontro mal jogado, em parte pelas …

Hologramas e outras tecnologias podem ajudar a combater incêndios florestais

Portugal continua a ser assombrado pela destruição sem precedentes dos incêndios florestais. Agora é a hora de aproveitar as nossas ferramentas tecnológicas e encontrar maneiras inovadoras de ajudar a aliviar o problema e também evitar …

Pombos estão a perder dedos ou patas por causa da poluição

Basta passar algum tempo na praça de uma cidade para ver que alguns pombos têm patas feridas ou dedos em falta. Embora possamos pensar que isto é causado por algum vírus ou pelos eventuais desentendimentos …

Descoberto no Japão fóssil de pássaro com 120 milhões de anos

O fóssil de um pássaro do Cretáceo recentemente descoberto no Japão pode levar os cientistas a repensarem alguns detalhes sobre a evolução do voo. Há cerca de 120 milhões de anos, um pássaro com o tamanho …