Violência doméstica. Estado só apoia vítimas que ganhem menos que o salário mínimo

O Estado apenas concede apoio mensal a vítimas de violência doméstica que ganhem menos que 580 euros mensais. As vítimas que ganhem acima deste valor, segundo o Estado, não se encontram numa situação de “grave carência económica”.

Mesmo que já se tenham separado do agressor, quase 80% dos pedidos de apoio mensal de vítimas de violência doméstica são rejeitados por estas ganharem mais do que o salário mínimo nacional. O Estado considera que quem ganhar acima deste valor não se encontra numa situação de “grave carência económica“.

As associações já se fizeram ouvir e muitas contestaram os critérios que definem o pagamento dos apoios mensais às vítimas. A Associação Portuguesa de Apoio à Vítima (APAV) e a União de Mulheres Alternativa e Resposta (UMAR) dizem que esta condicionante é “prejudicial” para a vítima.

Dos 142 processos por violência doméstica concluídos no ano passado, em 43 deles não foi atribuído apoio mensal por a pessoa agredida ter um vencimento superior ao salário mínimo nacional.

“É errado e prejudicial para as próprias vítimas que não se tenha em conta outros fatores: as despesas da própria vítima, os filhos menores a cargo, a existência de filhos portadores de deficiência. A vítima aufere mais do que o salário mínimo nacional e todos estes fatores não são aqui tidos em conta”, explicou Inês Gonçalves, jurista da APAV, em declarações ao Jornal de Notícias.

Já Elisabete Brasil, diretora-executiva da UMAR, relembra que muitas das vezes é a própria vítima que tem de sair de casa e defende que o cálculo do apoio tenha “por base uma indemnização, ainda que mínima, e depois todas as perdas efetivas” da agredida.

O presidente da Comissão de Proteção às Vítimas de Crimes (CPVC), Carlos Anjos, alega que “se o Estado tem um salário mínimo nacional, todas as pessoas que estão abaixo do salário mínimo nacional estão numa situação de carência”. E que se o apoio fosse universal, poderia causar situações de injustiça.

“Tiveram um decréscimo no nível de vida? Tiveram. Mas ficaram numa grave situação de carência económica? Não“, realça Carlos Anjos. O apoio mensal da CPVC, segundo explica o JN, é apenas o suficiente para as vítimas atingirem um rendimento mensal correspondente ao salário mínimo nacional.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. E a disponibilização de advogado para a vítima, uma vez que o agressor a tem automática e gratuitamente? Porque é que a Lei favorece quem transgride e à vítima não?

RESPONDER

Balas que assassinaram John F. Kennedy preservadas em modelo 3D

A partir do próximo ano, os Arquivos Nacionais dos Estados Unidos vão disponibilizar, no seu catálogo online, imagens 3D das balas que assassinaram o antigo presidente norte-americano John F. Kennedy. Para criar os modelos das …

Pela primeira vez, neurónios artificiais foram criados para curar doenças crónicas

Uma equipa de investigadores conseguiu recriar as propriedades biológicas dos neurónios em chips, que podem ser úteis ajudar na cura de doenças neurológicas crónicas. Naquele considerado um feito única na ciência, investigadores da Universidade de Bath …

Cientistas encontram uma relação negativa "muito forte" entre inteligência e religiosidade

Uma equipa de investigadores sugere que pessoas religiosas tendem a ser menos inteligentes do que pessoas sem crenças religiosas. O estudo tem gerado uma grande controvérsia. A religião é um tema forte, capaz de juntar ou …

Descoberta nova espécie de tubarão pré-histórico que podia chegar aos sete metros

Uma nova espécie de tubarão pré-histórico foi descoberta no Kansas, nos Estados Unidos. Este predador podia crescer até quase sete metros de comprimento. De acordo com a revista Newsweek, Kenshu Shimada, da Universidade DePaul, e Michael …

Conhecido medicamento para diabetes pode conter um carcinógeno

A Food and Drug Administration, agência federal e reguladora do Departamento de Saúde e Serviços Humanos dos Estados Unidos, está a testar amostras de metformina, um medicamento para diabetes que pode conter o carcinógeno N-Nitrosodimetilamina …

Nobel da Física diz que o ser humano não está concebido para viver fora da Terra

Didier Queloz disse, este sábado, estar convencido de que o ser humano não está concebido para viver fora da Terra, razão pela qual está "zangado" com alguns argumentos do cofundador da Tesla, Elon Musk. Os suíços …

Ford está a reciclar palha de café do McDonald's. Quer transformá-la em peças de carro

https://vimeo.com/377768195 A Ford está a fabricar peças de carro através de palha de café reciclada do McDonald's. A iniciativa contribui para a redução da pegada ecológica e do desperdício alimentar. O combate às alterações climáticas cabe um …

Comité da ONU preocupado com condições das prisões em Portugal

As condições de detenção, a sobrelotação das prisões, o alegado uso da força e outros abusos contra pessoas pertencentes a grupos raciais e étnicos são as principais preocupações do Comité da ONU contra a Tortura …

Cientistas identificaram organismo que prospera ao comer meteoritos

O micróbio Metallosphaera sedula tem uma propensão para comer minerais. E não estamos a falar de granito ou giz, mas de rochas muito mais especiais como meteoritos. Segundo o Science Alert, uma equipa internacional de cientistas …

Médicos estrangeiros em Portugal atingem o valor mais alto da última década

O número de médicos estrangeiros registados em Portugal atingiu, em 2019, o valor mais elevado da última década, situando-se em 4192, mais 9,1% face a 2009, revelam dados da Ordem dos Médicos (OM). A maioria dos …