“Angola usou Rui Rio para dar bofetada no Governo de António Costa”

Ampe Rogério / Lusa

Rui Rio reúne com o Presidente de Angola João Lourenço

Angola continua com o “irritante” relativamente ao Governo de António Costa. Quem o diz é Marques Mendes no seu habitual espaço de comentário no “Jornal da Noite” da SIC, neste domingo, onde deixou mais críticas do que elogios.

Comentando o encontro entre o presidente do PSD, Rui Rio, e o presidente de Angola, João Lourenço, Marques Mendes entende que “não é normal um chefe de Estado receber com pompa e circunstância um líder da oposição de outro país”.

“Não é normal uma visita preparada com rapidez e em segredo, em antecipação à viagem prevista do primeiro-ministro”, acrescenta o comentador da SIC, referindo-se ao facto de António Costa ter visita oficial a Angola marcada para 7 de Setembro.

“Angola usou Rui Rio para dar uma bofetada política no Governo de António Costa”, não duvida o ex-presidente do PSD, salientando que o encontro com o líder do partido foi organizado para enviar um recado ao Executivo socialista.

“O Governo angolano quis reforçar que a relação política preferencial em Portugal é com o PSD e não com o PS”, sustenta o comentador, concluindo que é algo que vem de “há muitos anos”. “Desde sempre que as relações do MPLA e do Governo de Angola são muito mais com Governos PSD do que com Governos PS”, diz.

Marques Mendes constata que mesmo após o desaparecimento do “irritante judicial do caso Manuel Vicente”, continua a haver “um irritante com o Governo de António Costa”.

Selecção chegou a ser “medíocre”

O comentador também falou da Selecção Portuguesa e da eliminação do Mundial da Rússia, nos oitavos-de-final. “O balanço só não é mais negativo porque a equipa campeã, a Alemanha, ainda se saiu pior”, considera Marques Mendes.

O líder social-democrata diz que a prestação da equipa foi “sofrível” e chegou a ser “medíocre” em dados momentos. “Jogámos sempre a medo, sem autoridade, sem criatividade e, em vários momentos, faltou ambição e atitude”, aponta.

Elogios deixa Marques Mendes aos adeptos que foram ao Aeroporto Humberto Delgado, em Lisboa, receber a equipa no regresso a Portugal. “Os portugueses foram de uma generosidade fantástica“, diz.

Marques Mendes comentou também o facto de o Banco de Portugal (BdP) ter emitido um parecer no qual nota a sua oposição à divulgação dos grandes devedores à banca, argumentando com o princípio do sigilo bancário.

Uma posição que o ex-líder do PSD classifica como “lamentável e até censurável”, já que “o BdP está objectivamente a beneficiar o infractor”.

O comentador lembra que “alguns grandes devedores” devem “muitos milhões de euros” aos bancos e que há “empresas falidas” que “por isso não pagam”, mas cujos donos “não parecem falidos”. “Têm dinheiro, têm património, nada pagam e até se vangloriam de que nada lhes acontece”, o que é “jurídica e moralmente inaceitável”, conclui.

Assim, o social-democrata refere que “o BdP devia censurar estes comportamentos” até “para dissuadir que se repitam”.

ZAP //

PARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

  1. … este Portugal vai de vento em popa. Tanto “amor” por Angola. Tanto ciúme por Angola. Tanta traição por Angola. Não chegam os Migrantes, ainda são precisos os Negros. Neste Portugal atual qualquer coisa serve para populismo.

  2. Os Palops desde sempre se deram melhor com a Direita. Angola precisa de investidores e empresários, e não de politiqueiros defensores do estado. Que mais valias tem a geringonça para Angola ?

  3. O Sr. Dr. Marques Mendes tem a memória curta e esqueceu qual foi o motivo que fez com que o governo de Angola estivesse irritado com o governo Português e deve ser por isso porque o Sr. Dr. Rui Rio é do PSD que se entendem na perfeição pois talvez tenha sido no governo do PSD – Versão Sr. Dr. Passos Coelho que tenha existido tanta amabilidade com os corruptos. Triste é verificarmos como o artista que ainda não tem curriculum como politico já se antecipa ao nosso primeiro ministro para parecer que este encontro foi importante.
    Que eu saiba o Rui Rio não é representante do governo Português e se calhar nem para oposição serve.
    É TÃO TRISTE SERMOS TÃO PEQUENINOS E NÃO CONSEGUIRMOS CRESCER TANTO COMO POLÍTICOS NEM SEQUER COMO HOMENS DE CARÁCTER.
    Já verificaram que todas as pessoas que referi antes são Srs. Drs. é o País que temos.

  4. Quinhentos anos de história em comum e quase outros tantos a outros países europeus não nos deram sobretudo a nós o conhecimento certo para lidar-mos com africanos, deste lado vai-se fazendo de conta que não se percebe para não ofender os intocáveis políticos africanos, de lá vão teimando sempre com a mesma casmurrice imaginando-se espertos e atolando o mar mediterrâneo e não só de migrantes fugidos das misérias maiores que um ser humano poderá passar na vida, não será desta forma orgulhosa que o continente africano encontrará a paz e prosperidade de que tanto necessita.

  5. O Marques Mendes não sabe que nós somos Europeus e não Africanos,mas não é só ele que não sabe uma boa parte dos nossos políticos vieram de lá foram lá criados e não sabem o respeito que existe entre os homens na Europa não percebem que existem pessoas em Portugal que querem continuar a serem civilizados então vamos deitar a baixo a civilização que os Romanos nos trouxeram e que nós sofremos para continuar,ó políticos tótós,não era melhor virarem-se para a Grécia está pobre mas tem cultura foi de lá que veio parte do que somos agora ir buscar à África algum exemplo por favor quem vai querer o Rui Rio com ideias africanas ciumes cambalhotas tramboias ai, ai por aí fora estamos a sofrer porque os Africanos nunca mais aprendem o respeito mútuo, e aqui alguns políticos também não,bem como disse o outro quem se lixa é, o mexilhão.

Responder a Vasco Cancelar resposta

Banco BiG: EUA e China vão chegar a acordo, mas não será duradouro

No "Outlook" para 2020, os analistas do banco BiG defendem que será improvável que Estados Unidos e China cheguem a um consenso suficiente para reverter as taxas aduaneiras impostas. De acordo com os analistas do banco …

Alemanha expulsa dois diplomatas russos. Rússia vai tomar medidas

Dois diplomatas russos, acusados pelo Ministério Público alemão de falta de cooperação na investigação de um homicídio, foram expulsos da Alemanha. A Rússia já reagiu e avisou que tomará medidas. Esta quarta-feira, a Alemanha expulsou "com …

Segurança Social demora quase cinco meses a pagar pensões

Em 2018, os beneficiários da Segurança Social tiveram de esperar, em média, 147 dias - cerca de cinco meses -, entre o dia que se aposentaram e o momento que começaram a receber a pensão …

Empresas fechadas e 28 mil despedimentos. Setor têxtil pode atravessar crise

Até 2025, a indústria têxtil em Portugal pode ver um terço das empresas a fecharem e 28 mil trabalhadores a serem despedidos. Este é o pior cenário equacionado no setor nos próximos anos. O setor da …

Ministério Público arquiva queixa de Aguiar-Branco contra Ana Gomes por difamação

Aguiar Branco tinha levantado um processo de difamação a Ana Gomes por declarações sobre alegadas ligações entre o seu escritório de advogados e o grupo Martifer. O Ministério Público (MP) arquivou a queixa apresentada pelo ex-ministro …

66 louvores a funcionários. Centeno é o ministro mais "agradecido" de todo o Governo

Mário Centeno e os seus secretários de Estado publicaram em Diário da República 66 louvores. O seu gabinete garante que não há qualquer significado político associado - nem mesmo uma despedida anunciada. O louvor é dado …

Os glaciares da Nova Zelândia estão a mudar de cor

À medida que o Hemisfério Sul entra no verão, acontece uma temporada catastrófica de incêndios florestais na costa leste da Austrália. Há casas destruídas, coalas a morrer e um fumo espesso que cobre o estado …

Não se irrite. Fisco vai comunicar de forma mais clara

A Autoridade Tributária e Aduaneira vai lançar um serviço de apoio e defesa ao contribuinte que usará uma linguagem mais simples e clara. A alteração é inspirada num modelo britânico. A Autoridade Tributária e Aduaneira vai …

Juiz Rui Rangel justificou ganhos com direitos de autor de programa televisivo

O juiz afirmou, perante o plenário do Conselho Superior da Magistratura, que os ganhos fora da magistratura correspondiam a direitos de autor de um programa na televisão. O juiz Rui Rangel, que foi demitido da magistratura esta …

Governo faz ultimato: empresas têm 30 dias para regularizar fundos europeus parados (ou devolver dinheiro)

O Governo vai dar 30 dias para que as empresas que têm fundos comunitários parados regularizem a situação. Findo esse período, terão de devolver o dinheiro. José Mendes, secretário de Estado do Planeamento, garantiu, em entrevista …