Ana Gomes: Isabel dos Santos “lava que se farta” e o Banco de Portugal fecha os olhos

European Committee of the Regions / Flickr

Ana Gomes, ex-eurodeputada do Partido Socialista

Ana Gomes, antiga deputada ao Parlamento Europeu, acusou esta segunda-feira a empresária Isabel dos Santos de “lavar que se farta” e o Banco de Portugal de fechar os olhos às falhas dos bancos na prevenção do branqueamento de capitais.

O comentário da socialista surgiu em reação à entrevista concedida pela empresária angolana à Lusa, na qual Isabel dos Santos, a propósito das suspeitas sobre a origem do seu dinheiro, diz que há uma narrativa contra si e que se tem endividado, para poder investir. “Tenho muitas dívidas, tenho muito financiamento por pagar, as taxas de juros são elevadas, nem sempre é fácil também ter essa sustentabilidade do negócio, para conseguir enfrentar toda a parte financeira dos negócios”, justificou a empresária, citada pelo semanário Expresso.

Na sua conta do Twitter, Ana Gomes respondeu que “Isabel dos Santos endivida-se muito porque, ao liquidar as dívidas, “lava” que se farta”.  O Banco de Portugal é também visado no comentário da antiga eurodeputada, por “não querer ver” as violações que os bancos fazem às regras de prevenção de branqueamento de capitais.

Num outro comentário, Ana Gomes especifica o Eurobic como o canal através do qual Isabel dos Santos fará circular o dinheiro para dar-lhe uma aparência de legalidade.

Teixeira dos Santos com processo por difamação

Teixeira dos Santos, presidente do EuroBic, desafiou a socialista a provar as afirmações. Caso contrário, de acordo com o jornal ECO, pondera avançar com um processo por difamação contra Ana Gomes, embora não explicite se o banco está mesmo a considerar fazê-lo neste momento.

Teixeira dos Santos que fez questão de deixar claro que fala na qualidade do presidente do banco: “Não sou porta-voz de ninguém, falo na qualidade de presidente do Eurobic“.

José Sena Goulão / Wikimedia

O presidente do Eurobic, Teixeira dos Santos

Não seria a primeira vez que afirmações polémicas de Ana Gomes dariam origem a processos contra si em tribunal. Recentemente, a antiga diplomata também abordou a transferência milionária de João Félix do Benfica para o Atlético de Madrid por 126 milhões de euros, questionando a legalidade da operação.

Os encarnados consideraram que Ana Gomes teve o “propósito de denegrir o nome do Benfica e dos membros dos seus órgãos sociais” e, nesse sentido, solicitaram “a apreciação desta questão pelos órgãos constitucionalmente competentes para o efeito, os tribunais, o que fará pela instauração de um processo através dos seus advogados”. Isto aconteceu no passado dia 5 de julho e Ana Gomes disse que estava “sentadinha à espera” que a processassem.

ZAP ZAP //

 

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

RESPONDER

João Leão prevê para este ano défice de 4,5%. Ministro afasta aumento de impostos e austeridade

A terceira vaga da pandemia forçou o Governo a rever em baixa a previsão de crescimento da economia portuguesa para este ano. Assim, o ministro das Finanças antecipa um défice de 4,5% e crescimento de …

Já não é preciso isolamento para idosos que saiam dos lares por mais de 24 horas

Os idosos que vivem nos lares e que saiam por períodos superiores a 24 horas já não precisam de fazer o isolamento de 14 dias, segundo a Direção-Geral da Saúde (DGS). Na orientação atualizada nesta quinta-feira, …

Mais duas mortes e 501 casos nas últimas 24 horas em Portugal

O boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS) indica que Portugal registou, nas últimas 24 horas, 501 novos casos de covid-19. O relatório desta quinta-feira (15 de abril) dá também conta de mais duas mortes …

PCP quer criar crime de enriquecimento injustificado com pena agravada para políticos

O PCP propôs esta quinta-feira, no Parlamento, a criação do crime de enriquecimento injustificado, com penas até três anos, mas que é agravado para titulares de cargos políticos e públicos, até aos cinco. O projeto dos …

Câmara de Lisboa estende testagem gratuita a todos os moradores

A Câmara de Lisboa decidiu alargar, a partir de quinta-feira, a testagem gratuita nas farmácias à covid-19 a todos os moradores, deixando o programa de estar limitado às freguesias com maior incidência da doença, foi …

"Fechaduras", testemunha do julgamento de Tancos, está em parte incerta

Paulo Lemos, conhecido como "Fechaduras", testemunha da acusação e da defesa no caso de Tancos, não compareceu em 08 de março à audiência e voltou a não aparecer esta quinta-feira, com o Tribunal de Santarém …

General que lidera o SIRESP apresenta demissão

O Diário de Notícias avança, esta quinta-feira, que o general que lidera o SIRESP apresentou demissão, tendo invocado "razões pessoais". De acordo com o Diário de Notícias, o ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, já recebeu …

Agente que matou Daunte Wright vai ser acusada por homicídio de segundo grau

A polícia que matou a tiro, no domingo, um jovem afro-americano em Brooklyn Center, no Minnesota, Estados Unidos, vai ser acusada por homicídio de segundo grau. Depois de ter apresentado a demissão da polícia de Brooklyn …

Sócrates acusa juiz de ir "além do seu poder" e PS de "profunda canalhice"

O ex-primeiro-ministro afirmou que o juiz de instrução "não tem o direito" de o indiciar "de crimes novos" e acusou o "mandante" de Fernando Medina na liderança do PS de "profunda canalhice". Foi a primeira entrevista …

Ana Gomes critica "silêncio ensurdecedor" do PS (e teme que ainda exista "o culto de Sócrates")

A ex-candidata à Presidência da República Ana Gomes criticou esta quinta-feira António Costa e outros dirigentes do PS por se manterem em silêncio relativamente ao caso Operação Marquês e responsabilizou vários governos pela ineficácia no …