Americanos estão a envenenar-se a tentar matar o coronavírus

O surto do novo coronavírus começou a agravar-se nos Estados Unidos no início de março. Desde então, as chamadas para os centros de controlo de intoxicações “aumentaram acentuadamente”.

Estas é a conclusão de um novo estudo do Centro de Controlo e Prevenção de Doenças (CDC) dos EUA. De adultos que criam gás de cloro nas cozinhas a crianças que consomem desinfetante para as mãos, vários americanos estão a envenenar-se numa tentativa falhada de se defenderem do coronavírus.

O estudo foi publicado esta semana no Morbidity and Mortality Weekly Report do CDC.

Embora os investigadores não consigam associar diretamente o aumento do número de telefonemas para estas linhas de apoio à defesa contra a covid-19, “o timing destas ocorrências relatadas correspondeu ao aumento da cobertura mediática da pandemia de covid-19, relatos de escassez de produtos de limpeza e desinfeção e o início da quarentena em alguns locais”, escrevem os investigadores.

As chamadas sobre exposição a produtos de limpeza e desinfeção, por exemplo, aumentou significativamente no início de março, numa altura em que o surto se começou a intensificar, realça o Ars Technica. No mesmo sentido, o envenenamento por lixívia, desinfetantes, e álcool-gel também aumentou. Estes são produtos cuja procura aumentou devido à pandemia de covid-19.

“Para reduzir o uso inadequado e evitar exposições químicas desnecessárias, os utilizadores devem sempre ler e seguir as instruções no rótulo, usar apenas água em temperatura ambiente para diluição (a menos que indicado de outra forma no rótulo), evitar misturar produtos químicos, usar proteção ocular e de pele, garantir ventilação adequada e armazenar produtos químicos fora do alcance das crianças”, apelam os autores do estudo.

Os investigadores recomendam ainda que quando regressar a casa após ir às compras deve lavar imediatamente as mãos. Além disso, a maioria dos epidemiologistas acredita que o risco de infeção pelas embalagens das compras é demasiado baixo.

ZAP //

PARTILHAR

8 COMENTÁRIOS

  1. Quanta ignorancia! Quanta insanidade!
    Realmente, como dizia Einstein, “entre a inteligência e a estupidez, só a estupidez não tem limite”.
    Quando os próprios fabricantes de desinfectantes referem expressamente nas embalagens que aquele tipo de produtos NÃO PODEM SER INGERIDOS, RISCO DE ENVENENAMENTO, ETC, ETC, vêm estes alarves e…pimba, desatam a tomar aquele tipo de produtos como quem bebe água. Claro que a ajudar “á festa”, têm um presidente que é uma autêntica TRAMPA que, ao que parece, ainda instiga a estupidez. Será curioso ver, que responsabilidades lhe vão ser atribuídas no fim disto tudo.

  2. Quando o alarve diz que os americanos (alguns, tão, ou mais alarve que ele), se dveriam injectar com desinfectante, aqui está o resultado.

  3. Os americanos são indivíduos com muitas ideias.
    Como é que se chama a isto, mesmo? Idiotas, não é?! 😀

  4. Tão ignorante é o mentor da receita como aqueles que o seguem, muita ignorância existe por aquele país de arrogantes!

PGR angolana diz que Isabel dos Santos pode ser ouvida em Portugal

Isabel dos Santos pode ser ouvida em Portugal ou noutro país com acordos judiciários com Angola, no âmbito do processo-crime por alegada má gestão e desvio de fundos da Sonangol, disse à Lusa fonte da …

Autoridades descartam participação da milícia "Escritório do Crime" no caso Marielle Franco

O envolvimento da milícia conhecida como "Escritório do Crime" no homicídio da vereadora e ativista Marielle Franco chegou a ser investigado, mas foi descartado pela polícia brasileira. O delegado brasileiro Daniel Rosa, da cidade do Rio …

Desconfinamento não foi suficiente. Desemprego volta a subir em Espanha para valores de 2016

O número de desempregados inscritos nos serviços públicos de emprego em Espanha voltou a aumentar em 5.107 pessoas em junho, uma desaceleração em relação a maio, atingindo um total de 3.862.883 espanhóis. De acordo com os …

Governo vai monitorizar discurso de ódio na Internet

O Governo vai monitorizar o discurso de ódio nas plataformas online, estando "em vias" de dar início à contratação pública de um projeto que deverá traduzir-se num barómetro mensal de acompanhamento e identificação de sites. Segundo …

Tribunal britânico decide que é Guaidó (e não Maduro) quem manda nas reservas de ouro da Venezuela

A justiça britânica decidiu esta quinta-feira que é o líder da oposição venezuelana Juan Guaidó e não o Presidente Nicolás Maduro quem tem autoridade sobre as reservas de ouro da Venezuela depositadas no Banco de …

Mistério resolvido. Cientistas descobriram como é que as cobras "voam"

Nem todas as cobras se movem arrastando-se discretamente pelo chão. Há uma cobra do género Chrysopelea que parece voar de árvore em árvore. Agora, os cientistas descobriram como é que estes animais se movem pelo …

Mais de 80 mil pessoas registaram-se na Segurança Social desde janeiro

O programa “Segurança Social na Hora”, criado em janeiro deste ano, abrangeu até ao momento 80.700 pessoas, de acordo com os dados divulgados pela ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social (MTSSS). Ana Mendes Godinho avançou …

Douro. Poluição regressa a valores anteriores ao estado de emergência

Os valores de contaminação do estuário do rio Douro, que durante o estado de emergência baixaram a níveis só vistos há mais de 30 anos, já regressaram aos valores pré-pandemia. As boas notícias "rapidamente se esfumaram". …

Reino Unido deixa cair pontes aéreas e prepara levantamento da quarentena para dezenas de países

O Reino Unido vai deixar cair o plano para a criação de pontes aéreas e prepara-se para substituir a medida pela isenção de quarentena para dezenas de países. Dezenas de países vão ficar isentos de restrições …

Medina clarifica críticas em público: eram para chefias regionais (e não para Temido)

O presidente da Câmara de Lisboa, Fernando Media, veio esta quarta-feira a público esclarecer as duras críticas que vez relativamente à atuação das autoridades de saúde no combate à pandemia de covid-19. No seu habitual espaço …