Alemanha ameaça reduzir fundos estruturais a países que não acolham refugiados

americanprogressaction / Flickr

;inistro da Economia e vice-chanceler alemão, Sigmar Gabriel

Ministro da Economia e vice-chanceler alemão, Sigmar Gabriel

O vice-chanceler alemão, Sigmar Gabriel, considerou esta terça-feira que a Europa está “coberta de vergonha” depois do fracasso na véspera de uma reunião ministerial, em Bruxelas, sobre a repartição dos refugiados entre os países da União Europeia.

Na segunda-feira “à noite, a Europa cobriu-se novamente de vergonha“, declarou em conferência de imprensa Sigmar Gabriel, que é também ministro da Economia da chanceler Angela Merkel.

“O que vivemos (na segunda-feira) ameaça a Europa ainda mais do que a crise grega“, sublinhou. “E se não chegarmos a um acordo, então as previsões orçamentais europeias serão apenas, a médio prazo, vento”.

“A Alemanha não está pronta para ser na Europa, de certa forma, o pagador (…) Todos participam quando recebem dinheiro, mas ninguém aparece quando é para assumir responsabilidades. Se isto continuar assim, é o fim das atuais condições de financiamento”, lamentou Gabriel.

O ministro do Interior alemão, Thomas de Maizière, tinha já sugerido reduzir os fundos estruturais da UE aos países que rejeitem as quotas de repartição de refugiados.

“Devemos falar de meios de pressão”, disse à televisão pública alemã ZDF. Os países que recusarem a repartição por quotas “são muitas vezes os países que recebem muitos fundos estruturais” europeus, acrescentou.

Na segunda-feira, o vice-chanceler tinha afirmado que a Alemanha, que reintroduziu no domingo os controlos nas suas fronteiras, esperava receber um milhão de migrantes e refugiados este ano, quando as previsões oficiais apontavam para 800 mil.

Os 28 Estados-membros da UE, reunidos de emergência na segunda-feira à noite em Bruxelas, não chegaram a acordo sobre a repartição obrigatória de 120 mil refugiados.

A Hungria, Polónia, República Checa e Eslováquia, nomeadamente, recusaram a repartição através de quotas.

/Lusa

PARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

  1. Estes alemães estão cada vez pior…
    Fazem asneira e ainda apontam para os outros?!
    Começaram logo a dizer que acolhiam mais e não sei o quê, incentivando a vinda de ainda mais refugiados e depois fecham a porta?!
    Já que incentivam, que os acolham; ora essa!!

  2. A prepotência Alemã ao mais alto nível ,conquistou graças á União europeia aquilo que não conseguiu na 1º e 2º guerra mundial.
    Gostaria tanto de voltar a viver no retângulo tranquilo á beira mar plantado e voltar a ter a nossa Soberania para impedir estes senhores de decidir quem devemos ou não acolher no nosso país. Como têm o dinheiro acham que devem pôr e dispor
    dos países da União como bem entendem e isto ainda vai piorar!!

RESPONDER

O primeiro drone acrobático tripulado de sempre é testado a fazer piruetas

Um novo vídeo mostra que o "Big Drone", da Drone Champions AG, é capaz de fazer acrobacias alucinantes com um passageiro dentro. A tecnologia dos drones melhora de vento em popa com o passar dos anos …

Fenómeno extremo ameaça corais na Grande Barreira na Austrália. E já matou quase metade

A Grande Barreira de Coral da Austrália pode estar a enfrentar a terceira "descoloração" no espaço de cinco anos, fenómeno provocado por um aumento da temperatura das águas do mar. Como avançou o Expresso, este fenómeno …

Trump critica cerimónia dos Óscares, "Parasitas" e Brad Pitt

O Presidente norte-americano criticou a cerimónia dos Óscares, esta quinta-feira, nomeadamente a atribuição do prémio de Melhor Filme para o sul-coreano "Parasitas" e ainda o ator Brad Pitt. Na noite desta quinta-feira, num comício em Colorado …

Paris lança número de emergência para fazer frente à crise de percevejos

O Governo francês lançou uma campanha, esta quinta-feira, para fazer frente à crise de percevejos que se instalou em Paris. Segundo a agência France-Press, citada pelo The Guardian, casas e hotéis da capital francesa estão a …

"Radical chique" e "ressentido". Filho de Paulo Branco pode ter sido o pivot do escândalo sexual em França

Juan Branco, o filho do produtor de cinema Paulo Branco, é o homem do momento em França. O advogado de 30 anos saltou para as luzes dos média no âmbito da divulgação do vídeo sexual …

Alcochete. "Se Mustafá estivesse lá aquilo não tinha acontecido"

O arguido Emanuel Calças disse, esta sexta-feira, em tribunal que, se Mustafá estivesse com o grupo que invadiu a academia do Sporting, "aquilo não tinha acontecido". "Tenho a certeza de que se o Mustafá estivesse presente …

Coronavírus ameaça o têxtil português (mas também é uma "oportunidade")

O sector têxtil nacional está ameaçado e pode parar a produção já em Março. Tudo devido à falta de matéria-prima que vem da China e que se deve à epidemia do novo coronavírus. A "situação …

Governo diz que prejuízo da TAP "não foi um desvio qualquer" e que já devia ter tido lucro em 2018 e 2019

O ministro das Infraestruturas disse, esta sexta-feira, que o orçamento que a comissão executiva da TAP apresentou ao Conselho de Administração para 2018 e 2019 previa lucro e que o prejuízo de 105,6 milhões "não …

João Lourenço duplica valor de subsídio de antigos Presidentes de Angola

O Presidente angolano, João Lourenço, duplicou o valor do subsídio de fim de mandato pago a antigos chefes de Estado, mas cortou outras regalias, nomeadamente a nível da segurança e quadro de pessoal. O decreto-presidencial 32/20, …

FC Porto castigado com um jogo à porta fechada

O FC Porto foi punido com um jogo à porta fechada, esta sexta-feira, devido a "um ato de ofensa corporal a agente desportivo" na final da Taça de Portugal. A punição aplicada pelo Conselho de Disciplina …