Agência japonesa vai reproduzir acidente de Fukushima

cephir / Flickr

-

A Agência de Energia Atómica do Japão anunciou hoje que vai recriar, em pequena escala, a fusão ocorrida nos reactores da central nuclear acidentada de Fukushima (nordeste) para melhorar a resposta a um desastre deste tipo.

O objectivo é obter dados para compreender melhor o que aconteceu nas unidades afetadas, principalmente sobre quando e como se fundiram as barras de combustível no interior do reator, noticiou o diário Yomiuri.

“Os resultados vão ajudar-nos a prever melhor a eficácia de medidas de emergência como, por exemplo, a realização de uma injeção de água dentro de um reactor, para lidar com um acidente nuclear”, explicou um porta-voz da agência ao jornal.

A experiência vai decorrer no reactor de investigação de segurança nuclear de Tokai, cerca de 110 quilómetros a norte de Tóquio.

A agência japonesa pretende colocar no núcleo do reator, junto do combustível nuclear, uma barra de urânio, de cerca de 30 centímetros, dentro de uma cápsula de aço inoxidável, de maneira que não possa ser atingida pelo líquido refrigerador.

Isto vai imitar o que aconteceu em Fukushima, onde o corte de energia eléctrica desencadeado pelo maremoto de 11 de março de 2011 deixou inoperacionais os sistemas de refrigeração dos reatores.

Assim que o reator de Tokai comece a funcionar, os neutrões emitidos pelo combustível em torno da cápsula vão levar a barra de urânio a entrar em fusão, quando a temperatura atingir os dois mil graus centígrados.

Quando a barra arrefecer e solidificar, será estudada e posteriormente armazenada num depósito de combustível usado.

No acidente nuclear de março de 2011, na central de Fukushima Daiichi, os reatores um, dois e três sofreram fusões dos núcleos. Cada um deles tinha, no interior, entre 25 mil e 35 mil barras de combustível, como a que vai ser usada nesta experiência, embora as de Fukushima fossem maiores (de cerca de 4,5 metros).

A empresa gestora da central, a TEPCO, foi incapaz de recolher dados relativos à temperatura e ao nível da água no interior dos reactores devido ao apagão registado nas instalações. De acordo com as estimativas dos técnicos, as barras de combustível começaram a fusão entre quatro a 77 horas após o sismo.

A agência nipónica afirmou que vai começar a fabricar a cápsula em abril, mas não divulgou a data exata da experiência.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Coloridos e selados. Descobertos no Egito sarcófagos com mais de 2.500 anos

As autoridades egípcias anunciaram esta segunda-feira a descoberta de uma coleção de sarcófagos datados de há mais de 2.500 anos, na zona arqueológica de Sakkara, a sul da cidade do Cairo. Em comunicado, citado pela agência …

Nokia vai criar para a NASA a primeira rede móvel operacional na Lua

O grupo finlandês Nokia vai fabricar para a NASA aquela que será a primeira rede móvel móvel na Lua, como parte de um projeto de base humana permanente da agência espacial norte-americana, foi esta segunda-feira …

Sarkozy acusado de "associação criminosa". Investigação sobre ligações à Líbia continua

Nicolas Sarkozy, o antigo Presidente francês, está a ser acusado de "associação criminosa" como parte de uma investigação sobre o financiamento da sua campanha presidencial de 2007, particularmente acerca dos seus alegados vínculos com o …

A última década foi a mais quente do Oceano Atlântico em três milénios

A última década foi a mais quente do Oceano Atlântico em quase três milénios, aponta uma nova investigação da Universidade de Massachusetts em Amherst, nos Estados Unidos, e da Universidade de Quebec, no Canadá. As …

NASA apresenta rover "transformer" que vai explorar os penhascos íngremes de Marte

A NASA acaba de apresentar um rover de quatro rodas, denominado DuAxel, que se pode dividir em dois rovers de duas rodas separados. O robô foi projetado para, um dia, explorar alguns dos terrenos mais …

Veneno de vespa pode ter muito "potencial" na composição de antibióticos

Com o passar dos anos, a população começa a ficar mais resistente a certos medicamentos e estes deixam de fazer efeito. Agora, uma equipa de investigadores desenvolveu novas moléculas anti-microbianas a partir do veneno de …

"Ou és infetado ou morres de fome". Trabalhadores da Amazon nas Filipinas denunciam condições precárias

Trabalhadores contratados pela empresa de segurança Ring da Amazon que trabalham em call centers nas Filipinas denunciam condições de trabalho que dizem ser precárias, mostrando-se ainda mais preocupados com a situação por causa da pandemia …

"Momento muito duro". André Almeida sofreu rotura de ligamentos e arrisca paragem longa

O futebolista internacional português André Almeida sofreu uma entorse do joelho direito, que resultou numa “rotura do ligamento cruzado anterior e do ligamento lateral interno”, informou esta segunda-feira o Benfica. O lateral dos encarnados saiu aos …

Apoio à retoma. Empresas com perdas de 25% podem reduzir horário até 33% já esta terça-feira

Empregadores com quebra de faturação igual ou superior a 25% vão poder reduzir até 33% o horário dos trabalhadores, entre outubro e dezembro, segundo a alteração ao regime de retoma progressiva de empresas em crise. O …

Chega quer tornar voto obrigatório e sanções para quem não cumprir

O deputado único do Chega entregou uma nova proposta no âmbito do projeto de revisão constitucional do partido para tornar o voto obrigatório para todos os cidadãos que o possam exercer e sanções para quem …