Adeptos do México provocaram sismo a festejar golo à Alemanha no Mundial

Jorge Nunez / EPA / EFE

Adeptos do México celebram golo à Alemanha no Mundial 2018.

O Instituto de Pesquisas Geológicas e Atmosféricas do México revela que os adeptos da sua Selecção provocaram um sismo aquando dos festejos do golo marcado à Alemanha, no Mundial 2018.

O golo marcado por Hirving Lozano aos 35 minutos do jogo garantiu ao México uma surpreendente vitória sobre a Alemanha, e originou um pequeno sismo no México, segundo aponta o Instituto de Pesquisas Geológicas e Atmosféricas do México (IIGEA).

No seu perfil no Twitter, a entidade revela que os milhões de adeptos mexicanos fizeram a terra tremer de tal forma que as movimentações dos festejos foram captadas por sensores de actividade sísmica.

O IIGEA refere que o terramoto registado na Cidade do México “começou de forma artificial”, “possivelmente devido a saltos massivos durante o golo da Selecção“. “Pelo menos dois sensores (sísmicos) da Cidade do México o detectaram às 11:32 horas”, aponta o Instituto.

O horário apontado pelo IIGEA corresponde exactamente a sete segundos depois do golo marcado por Lozano.

Todavia, esta constatação do IIGEA é encarada com cepticismo por alguns sismólogos.

“Eu já ouvi este tipo de alegação feita muitas vezes, sobre os mais diversos eventos desportivos, mas acho difícil de acreditar”, constata na BBC um sismólogo do Serviço Geológico dos EUA (USGS na sigla original em Inglês).

“Esse tipo de ocorrência é altamente improvável, mas é difícil confirmar ou negar sem ter todos os dados”, refere este elemento.

Este sismólogo lembra que o México “é uma região em que há muita actividade sísmica“, e admite que o facto de a terra ter tremido na altura do golo pode ter sido uma mera coincidência.

Cientistas do Serviço Geológico Britânico também afirmam à BBC que a possibilidade de os adeptos começarem um pequeno terramoto é “altamente improvável”.

Mas podemos estar aqui perante uma mera divergência de semântica, relativamente ao termo usado para descrever o que aconteceu na Cidade do México depois do golo.

O director da Agência Geológica do México, Carlos del Ángel, diz que houve “uma aceleração sísmica artificial“, o que não é o mesmo que um terramoto, que é causado pelo movimento das placas tectónicas.

Ángel não duvida de que houve “um tremor causado pela actividade humana”, mas que “foi imperceptível para o público em geral” e “apenas sentido pelo equipamento de medição”.

E como é que podem ter tanta certeza de que os mexicanos a saltarem activaram os sismógrafos, e de que não se trata de uma mera coincidência com alguma pequena actividade tectónica?

“Só dois aparelhos detectaram a movimentação”, explica Ángel citado pela BBC. “Um no sul da cidade e outro no centro”, ou seja, “perto das praças onde as pessoas estavam reunidas para assistir à partida”, conclui.

ZAP // BBC

PARTILHAR

RESPONDER

Sim, as pessoas ficam mais bonitas quando estamos bêbados

Uma investigação acaba de provar a teoria dos "óculos de cerveja": depois de ingerirmos álcool, as outras pessoas tornam-se mais atraentes para nós. Uma equipa de investigadores da Edge Hill University, no Reino Unido, resolveu investigar …

Leverkusen vs FC Porto | Luis Díaz mantém “dragão” à tona

O FC Porto perdeu na Alemanha, na visita ao Bayer Leverkusen, por 2-1, e tem tudo em aberto na perspetiva de chegar aos oitavos-de-final da Liga Europa. Após uma primeira parte difícil, na qual praticamente não …

Ex-presidente do Tribunal da Relação Vaz das Neves arguido na Operação Lex

O ex-presidente do Tribunal da Relação de Lisboa foi constituído arguido no processo Operação Lex, em que também são arguidos o desembargador Rui Rangel e a sua ex-mulher e juíza Fátima Galante. A fonte adiantou à …

Rangers vs Braga | "Braveheart" romeno estraga noite "guerreira"

  O Sporting de Braga perdeu em casa dos escoceses do Rangers por 3-2, esta quinta-feira, em jogo da primeira mão dos 16 avos de final da Liga Europa de futebol em que esteve a vencer …

Morreu Joaquim Pina Moura, antigo ministro da Economia e das Finanças

O ex-ministro da Economia e das Finanças morreu em casa, em Lisboa, aos 67 anos, devido a doença neurodegenerativa, disse à agência Lusa o filho, o fotojornalista João Pina. Natural de Loriga, Seia (distrito da Guarda), …

Duran Duran e A-ha levam anos 80 ao Rock in Rio

Os noruegueses A-ha, responsáveis por Take on me, tema que fez sucesso na década de 80, estrear-se-ão em palcos portugueses no Rock in Rio Lisboa, atuando no mesmo dia em que os ingleses Duran Duran. Segundo …

Maior avião comercial do mundo vai ser reciclado (mas vende lembranças)

O primeiro Airbus A380 vai ser dividido em peças para futuras substituições, mas vai voltar aos céus através de etiquetas de bagagem. O MSN003 começou a ser fabricado em 2004 e tornou-se o primeiro avião super …

Caso Roger Stone. Ex-consultor de Trump condenado a 40 meses de prisão

O ex-consultor do Presidente dos Estados Unidos foi condenado, esta quinta-feira, a mais de três anos de prisão, apesar da interferência do procurador-geral para reduzir a recomendação de sentença. Um tribunal federal condenou o ex-consultor de …

Shakhtar D. vs Benfica | "Águia" perde mas sai viva

Ainda não foi esta quinta-feira que o Benfica regressou à senda dos bons resultados. Na visita a Kharkiv, casa emprestada do Shakhtar Donetsk, os campeões nacionais perderam por 2-1. Os três golos nasceram todos na etapa …

Após 40 anos, a Casa dos Amantes de Pompeia abre ao público

Pela primeira vez após 40 anos, a Casa dos Amantes, rica em frescos e decorações e uma das jóias de Pompeia, vai abrir ao público. Encontrada durante escavações em 1933, a Casa dos Amantes, em Pompeia, …