50 pessoas entre a vida e a morte depois do atentado em Nice

Alberto Estevez / EPA

-

O presidente francês confirmou que há meia centena de pessoas em estado crítico e lamentou que tenham morrido muitos inocentes, especialmente crianças, em prol da satisfação de um indivíduo.

Durante a manhã desta sexta-feira, o presidente François Hollande aterrou em Nice para debater a situação pós-ataque com as autoridades locais.

Para já, contam-se 84 mortos e mais de cem feridos, na sequência do camião que ontem irrompeu pela Promenade des Anglais, durante as comemorações da Tomada da Bastilha.

Mohamed Lahouaiej Bouhlel, de 31 anos e de origem tunisina, conduzia a viatura que, durante dois quilómetros, atropelou as várias pessoas que se encontravam na avenida a ver o fogo de artifício.

O presidente francês visitou o hospital de Nice, onde estão a ser tratados muitos dos feridos, e confirmou que há 50 pessoas “entre a vida e a morte”.

“Há cerca de 50 pessoas que ainda permanecem em urgência absoluta, quer dizer entre a vida e a morte. Entre estas vítimas, há franceses, e há também muitos estrangeiros vindos de todos os continentes”, declarou.

“Há também muitas crianças feridas e outras que morreram simplesmente para satisfazer a crueldade de um indivíduo e eventualmente de um grupo”, condenou Hollande.

Em declarações à RTL, o presidente da região do sudeste de França e ex-autarca da Câmara de Nice, Christian Estrosi, confirmou essa mesma situação, dizendo que há provavelmente “mais de uma dezena” de menores entre as vítimas mortais.

O jornal local Nice-Matin também adiantou esta manhã que entre a centena de feridos cerca de metade sejam crianças.

Relativamente às nacionalidades das vítimas mortais, sabe-se apenas que há dois norte-americanos, uma russa, uma arménia, um ucraniano, uma suíça, uma jovem de ascendência cabo-verdiana e três alemães.

A Secretaria de Estado das Comunidades já confirmou, entretanto, que há um ferido de nacionalidade portuguesa.

Segundo o Diário de Notícias, chama-se António Soares, trabalha no Mónaco mas estava em Nice a passar o feriado.

O jornal adianta que o homem vai ser operado a uma perna esta tarde no hospital Pasteur 2 e que a sua mulher escapou ilesa.

O suspeito

Apesar de o ataque ainda não ter sido reivindicado, as autoridades francesas acreditam que se trata de um atentado e já montaram uma operação policial para tentar encontrar eventuais cúmplices.

O homem, que tinha alugado o camião há uns dias noutra localidade francesa, acabou por ser abatido pela polícia.

O seu nome acabou por ser descoberto através de um cartão de identidade no interior do veículo. Também foram encontradas armas de fogo e granadas.

Na Internet já circulam alegadas imagens dos documentos de Mohamed mas a sua autenticidade ainda não foi confirmada.

O suspeito era conhecido por ter alguns comportamentos violentos, tendo por isso cadastro por delitos menores, mas não estava referenciado pelos serviços secretos franceses.

Segundo a imprensa francesa, o homem estava em processo de divórcio, tinha três filhos e estava desempregado. Vizinhos descrevem-no como um homem “solitário e instável”.

De acordo com uma fonte policial, citada pela AFP, a antiga companheira do suspeito foi detida e está a ser interrogada.

Espera-se que a avenida onde aconteceu o ataque reabra ao trânsito às 20h00, menos uma hora em Portugal.

Depois do atentado na capital francesa em novembro do ano passado que provocou a morte de 130 pessoas, França volta a estar em alerta máximo.

O estado de emergência devia terminar a 26 de julho mas o chefe de Estado decidiu prolongá-lo por mais três meses. O país decretou três dias de luto nacional, nos dias 16, 17 e 18 de julho.

ZAP / Lusa / ABr

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Pessoas inocentes morrem por politicas,que republica França pensa que pode implementar nos outros países. Tenho muita pena das pessoas que morreram ,mas e escolha de cada um, quando vai votar, ou quando aceitam coisas ( tolerância de tudo,paneleiros,democracia tal chamada,e mais etc…) Mundo anda completamente louco. Agora Charlie Hebdo vai fazer mais alguma caricatura de Maome, e vai mais respostas e atentados. Enfim…

  2. Acredito que a solução para controlar este tipo de anormalidades será acusar de colaboração no acto as pessoas dos contactos frequentes com o visado Incluir neste numero tantas pessoas como o número de vitimas.

RESPONDER

Encontradas fibras de poliéster em todo o Oceano Ártico

Investigadores encontraram fibras de poliéster em todo o Oceano Ártico. As evidências sugerem que lavar as nossas roupas está a contribuir para esta contaminação. Há muito tempo que o Ártico provou ser um barómetro da saúde …

Campus universitários nos Estados Unidos podem tornar-se super-propagadores da covid-19

Os campus universitários podem tornar-se super-propagadores do novo coronavírus, que causa a covid-19, para toda a sua área de abrangência, concluiu uma nova investigação levada a cabo nos Estados Unidos. Analisando os 30 campus universitários …

A "máscara mais inteligente do mundo" é recarregável, tem microfone e dá luz

A Razer afirma ter criado a máscara mais inteligente do mundo. O Projeto Hazel é um design com um revestimento externo feito de plástico reciclado à prova de água e é transparente para permitir a …

Novo tratamento permite que pessoas com lesões na espinal medula voltem a mexer mãos e braços

Uma equipa de investigadores da Universidade de Washington conseguiu ajudar seis participantes com lesões traumáticas da espinal medual a recuperar alguma mobilidade de mãos e braços. Muitas das pessoas que sofrem lesões traumáticas da espinal medula …

Ventiladores comprados à China custaram 1,3 milhões. Autarquias algarvias vão pedir devolução do dinheiro

Os 30 ventiladores comprados à China seriam usados nos hospitais do Algarve, mas os equipamentos não funcionam. Os autarcas vão agora exigir devolução do dinheiro. De acordo com a edição do jornal Público deste domingo, o …

EUA um passo atrás da China. Pequim leva avanço na Guerra Comercial (e as suas exportações estão em alta)

No ano em que a pandemia se expandiu em todo o mundo, muitos países viram-se em mãos com graves problemas financeiros e económicos. No caso da China, a situação foi mais positiva e o país …

Alexei Navalny detido no regresso à Rússia

O líder da oposição russa, Alexei Navalny, foi detido este domingo no aeroporto em Moscovo quando regressava à Rússia. Os serviços prisionais russos (FSIN) detiveram o opositor russo Alexei Navalny, este domingo, à chegada a Moscovo, acusando-o …

Prazo para trocas ou devoluções suspenso durante confinamento

O prazo para efetuar trocas ou devoluções de bens ficará suspenso durante o atual confinamento e as garantias que terminem neste período ou nos 10 dias seguintes serão prorrogadas por 30 dias, segundo diploma publicado …

Desde 2001 que polícias negros alertam para racismo de agentes do Capitólio

Com a invasão do Capitólio, investiga-se o alegado racismo existente na Polícia do Capitólio. Desde 2001 que agentes negros denunciam casos de discriminação racial no departamento. Desde 2001, centenas de agentes policiais negros processaram o departamento …

Um megatsunami devastou uma vila na Gronelândia. Três anos depois, há quem não possa voltar a casa

Em junho de 2017, Nuugaatsiaq, na Gronelândia, foi devastada por um megatsunami, cujas ondas foram desencadeadas por um enorme deslizamento de quase 30 quilómetros através do fiorde. Embora as ondas se tivessem dissipado quando chegaram a …