36 municípios têm poder de compra acima da média

foto: Alexandra Studios / wikimedia

foto: Alexandra Studios / wikimedia

Um total de 36 municípios portugueses apresentam um poder de compra ‘per capita’ acima da média nacional, situando-se os valores mais elevados nas áreas metropolitanas de Lisboa e Porto, revela o Instituto Nacional de Estatística (INE).

De acordo com dados hoje revelados pelo INE, relativos a 2011, Lisboa apresenta o valor mais elevado de todos os 308 municípios nacionais (216,8), mais do dobro do índice nacional (100).

No ‘top’ três dos municípios com mais poder de compra ‘per capita’ seguem-se Oeiras (193,7) e o Porto (161,7).

Segundo o INE, 13 dos 18 municípios que constituem a Área Metropolitana de Lisboa estão acima da média nacional, enquanto na Área Metropolitana do Porto apenas quatro dos 17 que a compõem suplantam a média.

O estudo do INE aponta uma relação entre o grau de urbanização dos municípios e o poder de compra aí manifestado no quotidiano, destacando, além de concelhos das áreas metropolitanas como Cascais (132,0), São João da Madeira (129,9) Matosinhos (124,4), Alcochete (123,5) e Maia (112,3) as capitais de distrito de Faro (133,1), Coimbra (131,7), Aveiro (126,7) e Évora (112,5).

Fora destas áreas destaque para Sines, no Alentejo Litoral – com um índice ‘per capita’ de 137,0, que lhe dá o quarto lugar a nível nacional – Azambuja (114,8) e o Funchal (Madeira), com 113,4.

No campo oposto, o INE assinala que no conjunto dos 308 municípios nacionais, mais de metade (172) apresentam índices de poder de compra ‘per capita’ inferiores a 75 pontos.

De acordo com o documento, os dez municípios com menor poder de compra ‘per capita’ situam-se no interior norte do país e na Região Autónoma da Madeira.

Celorico de Basto (49,83) é o município nacional com menor poder de compra ‘per capita’, seguido de Cinfães (49,87), Ribeira de Pena (50,8) – todos situados na região do Tâmega – e Tabuaço, no Douro, com 50,9.

Vinhais (51,3), Baião (52,63) e Boticas (52,64) completam a lista dos dez municípios com menor poder de compra ‘per capita’, que inclui ainda, na Madeira, os concelhos de Ponta do Sol (52,8), Porto Moniz (52,9) e Câmara de Lobos (53,0).

/Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Isto diz-me muito pouco. Vejo muito mais miséria nesses municipios que apresentam poderes de compra per capita mais elevados do que nos que apresentam poderes de compra per capita mais baixo o que engana. Dois municipios (por exemplo, Viseu e Lisboa tem 2 pessoas cada), Em Lisboa o primeiro individuo tem rendimentos de 1000€ e o segundo de 200€. Em Viseu o primeiro ganha 500€ e o segundo outros 500€. Per capita Lisboa fica a frente, estao a ver onde é que quero chegar?

RESPONDER

Brasil. Técnica que esteriliza o mosquito do zika e dengue será aplicada em 2020

O Brasil irá usar a partir do próximo ano mosquitos estéreis da espécie 'Aedes aegypt' para controlar a reprodução deste agente que transmite doenças como dengue e zika, anunciou a Organização das Nações Unidas (ONU). A …

FC Porto encaixa até 50 milhões com novo adiantamento de receitas televisivas

A SAD do FC Porto encaixou 30 milhões de euros com uma nova emissão de obrigações pela Sagasta, envolvendo a cedência de receitas futuras de direitos televisivos, e podem entrar mais 20 milhões em janeiro. Em …

Verdes denunciam depósito ilegal de amianto em aterros para resíduos não perigosos

Os Verdes questionaram o Governo sobre casos de depósito de amianto em aterros para resíduos não perigosos. Esta é uma prática ilegal segundo a legislação portuguesa. O Partido Ecologista "Os Verdes" entregou na Assembleia da República …

Autarquias desperdiçaram 128 litros de água por dia em 2018

A Câmara Municipal de Macedo de Cavaleiros encabeça a lista de entidades gestoras que mais água desperdiçam diariamente: 538 litros diários por ramal. Em 2018, a média de perda de água em Portugal continental situou-se nos …

Há mais de 100 mil crianças migrantes detidas nos EUA, garante a ONU

Mais de 100 mil crianças migrantes estarão atualmente em centros de detenção nos Estados Unidos (EUA), disse na segunda-feira um perito independente da Organização das Nações Unidas (ONU), esclarecendo que esta estimativa, que classificou como …

Milhares de manifestantes impedem abertura do parlamento do Líbano

Milhares de manifestantes bloquearam esta terça-feira os acessos ao parlamento do Líbano, obrigando a adiar novamente a análise de várias leis, como a que prevê uma amnistia a quem tem impostos em dívida, contestada por …

Huawei quer implementar 5G no Brasil

O Presidente do Brasil afirmou na segunda-feira que a gigante das telecomunicações chinesa Huawei pretende instalar a tecnologia de quinta geração (5G) no país, mas rejeitou que tenha sido feita uma proposta. O anúncio foi feito …

Benfica lança OPA para controlar SAD. Ações valorizam 70%

As ações da Benfica SAD estavam a valorizar 70%, para os 4,70 euros, um dia depois da Sport Lisboa e Benfica SGPS ter lançado uma Oferta Pública de Aquisição (OPA) sobre 28,067% do capital da …

Califórnia processa empresa por promover cigarros eletrónicos com sabores para atrair jovens

A Califórnia, nos Estados Unidos (EUA), abriu na segunda-feira um processo contra a Juul, marca líder de cigarros eletrónicos, acusando-a de desenvolver uma estratégia de marketing focada na conquista de menores de idade para adquirir …

Luis Enrique volta a assumir o comando da seleção espanhola

O treinador vai reassumir as funções de selecionador de futebol de Espanha, que deixou para acompanhar a doença da filha, que faleceu em agosto com um cancro ósseo. Luis Enrique, de 49 anos, regressa aos comandos …