Web Summit adiada para dezembro (em Lisboa e online)

Tiago Petinga / Lusa

O primeiro-ministro, António Costa, com o fundador da Web Summit, Paddy Cosgrave

A organização da Web Summit anunciou esta quarta-feira que a cimeira tecnológica se realizará em Lisboa entre 2 e 4 de dezembro, em formato a ser decidido no início de outubro. As edições anteriores decorreram em novembro.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

O cofundador e presidente executivo da Web Summit, Paddy Cosgrave, tinha já adiantado no dia 16 de junho que a cimeira tecnológica iria “avançar este ano em Lisboa“, salientando que o evento iria aderir “aos mais rigorosos protocolos” de saúde, conforme orientação do Governo português.

Em comunicado divulgado esta quarta-feira, a organização da Web Summit esclarece agora que o evento “vai avançar — online e offline — de 2 a 04 de dezembro”. O formato da Web Summit “em Lisboa será provavelmente decidido no início de outubro”, acrescenta  a organização.

Neste momento, “qualquer que seja a decisão tomada sobre o formato da Web Summit em Lisboa” esta “seguirá estritamente os protocolos de saúde” naquela altura, salienta a organização.

Essa decisão será posteriormente revista semanalmente e objeto de alterações no protocolo de saúde até ao dua da abertura da Web Summit em Lisboa, em 02 de dezembro”, refere a organização.

Os bilhetes para a Web Summit em Lisboa estão à venda no início de outubro, desde que os protocolos de saúde permitam eventos naquela altura.

Na edição de 2019, o evento contava mais de 70,4 mil participantes registados de 163 países, sendo que quase metade (46,3%) eram mulheres.

Fundada em 2010 por Paddy Cosgrave, Daire Hickey e David Kelly, a Web Summit é considerada um dos maiores eventos de tecnologia, inovação e empreendedorismo do mundo e evoluiu em menos de seis anos de uma equipa de apenas três pessoas para uma empresa com mais de 150 colaboradores.

A cimeira tecnológica, que nasceu, em 2010, na Irlanda, passou a realizar-se em Lisboa em 2016 e vai manter-se na capital portuguesa até 2028.

  ZAP // Lusa

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.