Ministra da Justiça admite que vai ser difícil avaliar situações de fraude na vacinação

Miguel A. Lopes / Lusa

A ministra da Justiça, Francisca Van Dunem

A Ministra da Justiça afirma que no caso das vacinações covid-19 fraudulentas “não será muito fácil fazer a avaliação do ponto de vista criminal” e admite que “se tenham verificado situações em que faz mais sentido usar a vacina do que desperdiçá-la”.

Em entrevista ao Público, Francisca Van Dunem fala num país pequeno, onde em determinados extratos todos se conhecem e isso pode ter conduzido a episódios de entrega indevida de vacinas.

“O país é relativamente pequeno e em certos estratos toda a gente se conhece e tende-se a conceder vantagens a pessoas relativamente próximas (…) admito que se tenham verificado situações em que faz mais sentido usar a vacina no senhor da pastelaria do que desperdiçá-la”.



Padres, provedores e autarcas. MP investiga casos de vacinação indevida

A Ministra da Justiça explica que há casos difíceis de avaliar e acrescenta que será preciso clarificar se existia uma alternativa à entrega indevida de vacinas.

“Não será muito fácil fazer a avaliação do ponto de vista criminal, a não ser naqueles contextos em que se nota que podendo haver uma alternativa se beneficiou pessoas em função de relações de proximidade tipo familiar ou outra”.

Van Dunem assume o prazo curto das vacinas como uma possível explicação para os episódios de vacinação indevida, admitindo que nesses casos a investigação pode ser mais lenta.

A governante falou ainda sobre o caso do procurador europeu, dizendo que este foi um debate que “ficou marcado por um grande radicalismo”. Lembrou ainda que a sua licenciatura chegou a ser questionada e admite que a “do ponto de vista da imagem de Portugal, não foi bom”.

Sobre a proposta da Associação Sindical de Juízes em aumentar o número de magistrados judiciais no Tribunal Central de Instrução Criminal, a ministra também admite a necessidade de mais juízes e que é benéfico que Carlos Alexandre e Ivo Rosa deixem de ser uma dupla “que faz com que se pense que, se a decisão for tomada por um dos juízes, vai num sentido e, se for pelo outro, é no sentido oposto”.

Ana Isabel Moura, ZAP //

PARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

  1. Conversa.
    Pela data e dados da pessoa que foi vacinada. Chegam logo lá.
    Pelo menos se querem dizer mentiras aos portugueses …que digam mais convincentes

  2. Pois …. não conseguem …. ou não dá jeito. Nessa lista deve lá estar muitos amigalhaços … assim não dá mesmo nada jeito !
    Vergonha para quem a tomou indevidamente …. e vergonha para quem não quer investigar.
    Por isso é que nunca há condenados por corrupção e compadrios neste país.
    Fazem parte dos amigalhaços !!

  3. isso ja nos sabiamos.
    nao dá jeito acusa-los
    é so desculpas para nao responsabilizar os infractores
    os do INEM do porto, porque nao chamaram os bombeiors? se lhes dissem alguma coisa, em poucos minutos eles tavam prontos para receberem a vacina, mas aposto de que o pessoal do inem lamoça no restaurante, nada como serem vacinados
    por mim, pagavam a vacinaq e caso tivessem cargos publicos, era despensados.

RESPONDER

Sporting 2 - 1 Braga | Leão entra em 2021/22 a rugir

O Sporting parece querer manter a senda de sucesso da época passada e entrou em 2021/22 com o pé direito. Os “leões” bateram o Sporting de Braga por 2-1, num jogo que valeu, sobretudo, pela primeira …

Ensinar crianças a dizer palavrões? Uma cientista acha que é boa ideia

A auto-intitulada "cientista dos palavrões" acredita que ensinar as crianças a usá-los de forma eficiente ajuda os mais novos a perceber como este palavreado afecta outras pessoas. Já se sabia que dizer palavrões é um sinal …

Fósseis misteriosos podem ser uma das provas mais antigas de vida animal na Terra

Elizabeth Turner, cientista numa universidade do Canadá, poderá ter encontrado a prova mais antiga de vida animal na Terra. Uma cientista encontrou possíveis sinais de vida animal multicelular em restos de recifes microbianos de há 890 …

E se o mundo entrasse em colapso? Cientistas descobrem qual o país onde há maior probabilidade de sobreviver

Caso a civilização entre em colapso - uma possível consequência das alterações climáticas - os cientistas já descobriram qual o lugar do mundo onde há maior probabilidade de sobreviver: é na Nova Zelândia. Numa pesquisa, dois …

"Dança quem está na roda", responde Marcelo sobre ausência de Bolsonaro

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, disse este sábado que "dança quem está na roda" quando questionado pelos jornalistas sobre a ausência do homólogo brasileiro, Jair Bolsonaro, da cerimónia de reinauguração do Museu …

Todos os anos, esta cidade italiana entrega sal ao Papa em mãos

O Sal de Cervia, também conhecido como "sal do Papa", é-lhe entregue todos os anos em mãos. A tradição sofreu algumas interrupções até ter sido recuperada pelo Bispo Mario Marini, que serviu no Pontificado de …

A colisão secreta entre navios soviéticos e britânicos podia ter tido um desfecho drástico

Colisão aconteceu durante um dos períodos mais quentes da Guerra Fria e foi camuflado pela marinha britânica, que tratou de fazer regressar a sua embarcação à base de Devonport durante a noite para evitar dar …

Esta garrafa de tequila demorou seis anos para ser desenvolvida (e contém ouro)

A Clase Azul Spirits é uma empresa que comercializa tequila e está a preparar uma edição limitada para homenagear o legado artesanal do México - de onde a bebida é originária. A 2 de agosto, a …

Covid-19. Milhares de franceses protestam contra passe sanitário

Milhares de pessoas concentraram-se este sábado em Paris para protestar contra o passe sanitário — certificado de vacinação contra a covid-19 que passa a ser obrigatório para entrar em vários locais —, tendo a polícia …

"Toque de Midas" científico. Químicos transformam água purificada em metal dourado

Esta nova descoberta ajuda a entender o estado de transição da água e pode vir a ser importante no estudo de planetas como Neptuno ou Urano. Numa experiência alucinante, cientistas conseguiram transformar água purificada num metal …