Vacinação na 3ª fase deverá ser por ordem de inscrição. Menores de 18, grávidas e quem já teve covid de fora

Depois de vacinados os portugueses suscetíveis a efeitos graves ou fatais, identificados nas duas primeiras fases do plano de vacinação, a restante população poderá tomar a vacina contra a covid-19 fazendo apenas uma inscrição.

“Toda a população, à exceção das grávidas e das crianças – estas para já -, terá oportunidade de vacinar-se. Dependendo das entregas, e a correr como previsto, não deverá ser necessário constituir mais grupos prioritários”, explicou ao Expresso um dos elementos da Comissão Técnica de Vacinação para a Covid-19.

Estão previstas três fases para a execução do plano de vacinação contra a covid-19 em 2021. Na primeira fase, que deverá decorrer entre janeiro e março, só vão ter acesso à vacina até 950 mil pessoas prioritárias. Serão vacinadas as pessoas com mais de 50 anos com patologias associadas, residentes e trabalhadores em lares, e profissionais de saúde e de serviços essenciais (forças armadas, forças de segurança e serviços críticos).

O documento prevê que na segunda fase sejam vacinadas 2,7 milhões de pessoas. A partir de março ou abril e até junho ou julho, serão vacinadas 1,8 milhões de pessoas com mais de 65 anos e cerca de 900 mil com patologias associadas e mais de 50 anos.

Só na terceira fase é que a vacina contra a covid-19 chegará ao resto da população. No entanto, conforme salvaguardou o coordenador do plano de vacinação, isso só será possível se se confirmar o ritmo de abastecimento das vacinas que o permita, porque caso contrário podem ser criados ainda outros grupos.

De acordo com os peritos citados pelo semanário, o número de doses disponíveis nessa terceira fase (e seguintes) vai permitir a toma sem critérios prévios, ou seja, apenas por vontade do cidadão. O esquema de distribuição só altera se a entrega das vacinas se atrasar.

O elemento da Comissão Técnica avançou ao Expresso que “já foi dito que haverá um alargamento da rede de administração, além dos centros de saúde e dos gabinetes de saúde ocupacional definidos para as duas primeiras fases”. Desta forma, “com o número de vacinas a aumentar, será necessário ter uma rede maior precisamente para uma terceira vaga sem grupos definidos”.

Para já, menores de 18 anos, grávidas e cidadãos que já tiveram covid-19 ficam de fora na toma da vacina. Conforme explica o semanário, os ensaios clínicos realizados para as várias vacinas não incluíram estes grupos e a comunidade científica respeita a posição mais cautelosa.

“Os estudos com crianças estão agora a ser feitos, mas as grávidas ficam de fora. A definição dos grupos tem de ser afinada de acordo com a informação científica que for sendo disponibilizada. Quando os primeiros grupos estiverem vacinados vamos ter mais informação”, explicou um dos peritos.

A Agência Europeia de Medicamentos [EMA] “vai dar uma aprovação basea­da na experiência que tem e nos grupos estudados, podendo haver uma extrapolação para outros grupos, e serão as estruturas de cada país a decidir qual será a aplicação. Por exemplo, o Reino Unido vai vacinar a partir dos 16 anos, mas Portugal só aos 18”, acrescentou.

Os peritos não se pronunciaram sobre a inoculação de quem já teve covid, mas o princípio dominante vai no sentido de não administrar a vacina – e os imunologistas e epidemiologistas contactados pelo Expresso são da mesma opinião.

Até prova em contrário, mantém-se o conhecimento de que ter a doença é uma vacina natural e mais eficaz.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Testes rápidos registaram maior número de sempre. APED defende venda nos super e hipermercados

O recurso a testes rápidos de antigénio à covid-19 está a aumentar em Portugal, tendo atingido o maior número a 7 de abril, com mais de 34 mil realizados nesse dia, segundo dados do Instituto …

Francisco Rodrigues dos Santos admite que tem sido "difícil" juntar o CDS (mas "não por falta de iniciativa")

Francisco Rodrigues dos Santos, presidente do CDS-PP, afirmou, numa entrevista ao Jornal de Notícias e TSF que tem sido "difícil" conquistar a coesão do partido. Em entrevista ao Jornal de Notícias e à TSF, o líder …

Isabel dos Santos usou equipa de espiões para provar "conspiração" e "vingança" de João Lourenço

A empresária Isabel dos Santos contratou uma firma de antigos agentes secretos israelitas para provar que foi vítima de um ataque orquestrado pelo governo de João Lourenço. Isabel dos Santos criou uma equipa de espiões para …

"Perdemos o avô da nação". Morte do príncipe Filipe deixou "um grande vazio" na vida de Isabel II

A morte do príncipe Filipe, duque de Edimburgo, na sexta-feira, aos 99 anos, deixou a Rainha Isabel II, sua esposa, com "um grande vazio na sua vida", disse este domingo aos jornalistas o seu filho …

Mapa online interativo ajudou indígenas do Panamá a fazer frente à pandemia

Quando a covid-19 chegou ao Panamá no ano passado, o cartógrafo Carlos Doviaza temeu pelas pessoas indígenas da sua comunidade. Por isso, para as ajudar, dedicou-se a fazer aquilo que faz melhor: mapas. "Pensei: 'Porque não …

"A política ama traição, mas despreza o traidor". Sócrates acusa PS de "ataque injusto" (e diz-se alvo de "vingança" da direita)

"A política ama a traição, mas despreza o traidor". No livro "Só Agora Começou", que será publicado nos próximos dias, José Sócrates acusa a atual direção do PS de traição. De acordo com o Diário de …

Portugal regista mais 566 casos e seis óbitos por covid-19

Portugal registou, este domingo, mais seis mortes e 566 novos casos de infeção pelo novo coronavírus, segundo o último boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com o último boletim da Direção-Geral da Saúde …

PS quer que Cavaco Silva diga "quando é que soube do buraco do BES"

O PS quer que o antigo Presidente da República Cavaco Silva esclareça "quando é que soube do buraco do BES" e porque é que "não agiu atempadamente" para evitar o aumento de capital, que gerou …

Perdoar o passado, celebrar o renascimento e cumprir tradições. A primavera traz o Nowruz, o ano novo persa

Assim que as flores começam a desabrochar e os dias ficam mais longos, fica claro que o Nowruz está prestes a chegar. A celebração do ano novo iraniano é secular, com raízes que remontam a …

“Mostrámos que sabemos governar”. Bloco apresenta candidata a Lisboa (e abre a porta a acordo com PS)

O Bloco de Esquerda apresentou a candidatura de Beatriz Gomes Dias à Câmara Municipal de Lisboa, pediu “mais força” para determinar a governação da cidade e abriu a porta a novos entendimentos com o PS …