Portugal quer vacinar 50 mil pessoas por dia. 50% a 70% da população vacinada até ao fim da primavera

André Kosters / Lusa

O coordenador do Plano Nacional de Vacinação anteviu na quarta-feira que, em princípio, as primeiras vacinas contra a covid-19 começarão a ser administradas à população de risco no início de janeiro, um ou dois dias após chegarem a Portugal.

Ao programa “Grande Entrevista”, da RTP, Francisco Ramos afirmou que o objetivo é vacinar 50 mil pessoas por dia nos centros de saúde sem pôr em causa o funcionamento destas unidades de saúde.

Francisco Ramos mostrou-se convicto de que, a 29 de dezembro, a União Europeia dará parecer positivo para a distribuição de vacinas aos países-membros, admitindo que a “grande dúvida é a quantidade” de vacinas que irão chegar a Portugal, havendo a previsão do acesso nacional da 1,5 milhões de vacinas da farmacêutica Pfizer no primeiro trimestre de 2021.

Segundo explicou, está previsto que chegará um lote em janeiro e outro lote em fevereiro (todas das Pzifer), estimando-se que só em meados de janeiro deverá ser tomada uma decisão das autoridades de saúde sobre a avaliação final e aceitação da vacina da Moderna.

Se tudo correr bem, Francisco Ramos admitiu que ainda em janeiro será também possível ter acesso a vacinas dessas empresas farmacêuticas, alertando contudo que existe alguma “incerteza” citando que, por exemplo, ainda não há data para apreciação da vacina da AstraZeneca, embora exista “esperança” que haja uma decisão em janeiro ou fevereiro.

“É o melhor cenário, mas há ainda incerteza, nomeadamente quanto à quantidade” de vacinas disponíveis”, disse, reiterando ter confiança que em fevereiro se espera ter a vacina da Oxford/AstraZeneca.

Perante a ansiedade ligada à chegada das vacinas, Francisco Ramos ressalvou que é importante primeiro obter “garantias de segurança” em todas as vacinas e reiterou que “ainda não se sabe quais as quantidades (de vacina) vão chegar nos primeiros lotes”, apontando como prioridades prevenir a mortalidade, nomeadamente de idosos em lares, profissionais de saúde e de risco e a quem sofrer de “doença severa”, associada a patologias como doença renal crónica.

O coordenador para o Plano Nacional de Vacinação contra a covid-19 mencionou que 50% das mortes atingem pessoas “acima dos 50 anos” de idade, fundamentalmente quem tem patologias associadas.

Segundo Francisco Ramos, se tudo correr como planeado, 950 mil pessoas serão vacinadas nesta primeira prioridade até fevereiro e indicou que os idosos dos lares “não serão vacinados no mesmo dia”, ou seja em simultâneo, mas à medida que as vacinas sejam distribuídas aos lares e aos hospitais, onde haverá marcação para as pessoas em risco “com local, data e hora”.

Serão também os Centros de Saúde a convocar a vacinação das pessoas com declaração médica a atestar condição clínica que permita a vacinação na primeira fase do plano.

Francisco Ramos mostrou-se confiante no plano traçado e apontou que “no melhor cenário” os peritos admitem que 50 a 70% da população possa estar vacinada até final da primavera, observando porém que a vacinação não é obrigatória.

Ordem defende vacinação realizada por enfermeiros

A bastonária da Ordem dos Enfermeiros, Ana Rita Cavaco, defende que a vacinação contra a covid-19 deve ser realizada exclusivamente por profissionais de enfermagem e em unidades de saúde pública, privada ou do setor social.

Em comunicado, citado pelo semanário Expresso, a bastonária disse que a tutela “deve deixar claro desde já” que as farmácias não serão incluídas na administração das vacinas “por uma questão de segurança dos próprios vacinados”.

A Ordem refere que as autoridades de saúde britânicas emitiram um alerta para que pessoas com um histórico de alergias severas não tomem a vacina da Pfizer contra a covid-19.

“O que aconteceu em Inglaterra é um alerta que vacinação injetável só deve ser administrada por enfermeiros em unidades de saúde, já que existe sempre o risco de provocar reações anafiláticas”, disse a bastonária, em declarações ao Expresso.

Na passada semana, a Ordem dos Farmacêuticos, a Associação de Farmácias de Portugal e a Associação Nacional de Farmácias defenderam que “os farmacêuticos estão cientificamente preparados para vacinar” e que seria “incompreensível que Portugal, com mais de 5.000 farmacêuticos, não utilizasse esta capacidade instalada”.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

RESPONDER

PS e PAN discordam da decisão de Marcelo de enviar Carta dos Direitos na Era Digital para o TC

O artigo 6.º da Carta Portuguesa dos Direitos Humanos na Era Digital tem sido polémico, por prever a existência de entidades certificadas para atribuir selos de qualidade a órgãos de comunicação social que produzam informação …

Cientistas estão a desvendar os mistérios da origem da fotossíntese

Um novo estudo planeia desvendar os mistérios da origem da fotossíntese. Embora seja um processo pré-histórico, ainda pouco se sabe sobre as suas origens. Fotossíntese é um processo pelo qual ocorre a conversão da energia solar …

Governo prolonga apoio à retoma progressiva às empresas

As empresas que enfrentem quebras de faturação iguais ou superiores a 25% vão poder continuar a aceder ao apoio à retoma progressiva, até a normalização da pandemia, após ter sido aprovada esta quinta-feira a prorrogação …

Oito números que não aparecem no Censos 2021

Dados preliminares foram divulgados nesta semana. Médias, comparações e percentagens que podem ser feitas a partir dos números publicados. O Instituto Nacional de Estatística anunciou nesta semana que já estão disponíveis os dados preliminares dos Censos …

Governo aprova designação de Ana Paula Vitorino para liderar AMT

A ex-ministra do Mar e deputada do PS, Ana Paula Vitorino, foi esta quinta-feira aprovada para liderar a Autoridade da Mobilidade e dos Transportes. O Governo de António Costa aprovou esta quinta-feira, em Conselho de Ministros, …

Treino de força reduz a ansiedade em jovens adultos

De acordo com um estudo recente, o treino de força pode ajudar o reduzir os níveis de ansiedade subclínica. A investigação sobre ansiedade e depressão tende a centrar-se em indivíduos com sintomas de nível clínico — …

Futebol europeu com perdas de quase 4 mil milhões de euros

Relatório da Deloitte indica que, só nas cinco maiores ligas europeias da modalidade, a quebra nas receitas foi de 11%. Calendários alterados, campeonatos adiados ou mesmo cancelados, jogos sem público. Como se esperava, a pandemia que …

O asteróide que dizimou os dinossauros veio de um lugar inesperado

O asteróide que extinguiu os dinossauros provavelmente veio da metade externa do cinturão de asteróides principal, uma região que se pensava produzir poucos asteróides.  Investigadores do Southwest Research Institute, no Texas, Estados Unidos, mostraram que os …

Há três anos, uma tempestade de poeira em Marte desencadeou a primavera no polo sul

Em 2018, Marte foi palco de uma fortíssima tempestade de areia que destruiu um vórtice de ar frio em torno do polo sul do planeta, desencadeando uma primavera precoce. Já no hemisfério norte, a tempestade …

Vídeo mostra salmões feridos devido ao sobreaquecimento das águas

O vídeo foi gravado por um grupo de conservação ambiental depois de uma onda de calor no Noroeste Pacífico que fez as temperaturas da água atingirem os 21 graus Celsius. De acordo com o jornal The …