Uso de máscara passa a ser obrigatório na Catalunha. Até na rua e independentemente da distância social

Fabio Frustaci / EPA

O uso de máscara passa a ser obrigatório a partir de quinta-feira na região espanhola da Catalunha em todo o momento e em todos os espaços, interiores e exteriores, mesmo que haja distância social, para evitar novos surtos de covid-19.

O anúncio foi feito esta quarta-feira pelo presidente desta comunidade autónoma, Quim Torra, numa altura em que as autoridades sanitárias regionais e nacionais estão preocupadas com vários surtos da pandemia.

De acordo com a SIC Notícias, os cidadãos poderão retirar a máscara para realizar atividades que sejam incompatíveis com a proteção mas essas exceções estão ainda por clarificar. Está prevista uma multa de 100 euros para quem não cumprir as regras.

A conselheira regional da Saúde da Catalunha, Alba Vergés, tinha feito esta proposta na terça-feira, para combater a redução do uso de máscaras de uma parte da população e evitar a propagação da covid-19.

As comunidades autónomas espanholas são competentes em matéria de saúde, o que inclui as medidas de luta contra os surtos de covid-19, e a utilização de máscara não era obrigatória até agora, se fosse respeitada uma distância social de segurança.

O Ministro da Saúde espanhol, Salvador Illa, já tinha apoiado esta medida em declarações esta manhã feitas à Catalunha Rádio. “A máscara já é obrigatória, se não houver uma distância suficiente”. Mas não me parece mal que a Generalitat [Governo regional catalão] reforce esta medida”, disse Salvador Illa.

O surto de covid-19 em Segrià (Catalunha), com 200.000 pessoas confinadas e mais de 500 infeções, é o que mais preocupa o ministro da Saúde, assim como o de A Mariña (Galiza), com cerca de 70.000.

“Desde 11 de maio houve 118 surtos no nosso país, dos quais, neste momento, há 67 ativos”, disse Salvador Illa, ao mesmo tempo que pediu cautela aos cidadãos.

Nos últimos sete dias, a região da Catalunha foi a que teve mais casos de covid-19 diagnosticados (1.237), mais de metade dos detetados em todo o país (2.417).

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 539 mil mortos e infetou mais de 11,69 milhões de pessoas em 196 países e territórios, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP. Os Estados Unidos são o país com mais mortos (131.362) e mais casos de infeção confirmados (quase 3 milhões).

Seguem-se Brasil (66.741 mortes, quase 1,67 milhões de casos), Reino Unido (44.391 mortos, mais de 286 mil casos), Itália (34.899 mortos e quase 242 mil casos), México (32.014 mortos, mais de 268 mil casos), França (29.936 mortos, mais de 206 mil casos) e Espanha (28.392 mortos, mais de 252 mil casos).

ZAP // Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Pois, começa tudo a andar de marcha atrás, o Outono e Inverno estão aí à porta, como vai ser com tantas pessoas normalmente infectadas com gripe, distinguir umas das outras, e lugar nos hospitais onde normalmente costumam estar à pinha com utentes até nos corredores, virá aí uma vaga de mortes incalculável!

RESPONDER

Futebol europeu com perdas de quase 4 mil milhões de euros

Relatório da Deloitte indica que, só nas cinco maiores ligas europeias da modalidade, a quebra nas receitas foi de 11%. Calendários alterados, campeonatos adiados ou mesmo cancelados, jogos sem público. Como se esperava, a pandemia que …

O asteróide que dizimou os dinossauros veio de um lugar inesperado

O asteróide que extinguiu os dinossauros provavelmente veio da metade externa do cinturão de asteróides principal, uma região que se pensava produzir poucos asteróides.  Investigadores do Southwest Research Institute, no Texas, Estados Unidos, mostraram que os …

Há três anos, uma tempestade de poeira em Marte desencadeou a primavera no polo sul

Em 2018, Marte foi palco de uma fortíssima tempestade de areia que destruiu um vórtice de ar frio em torno do polo sul do planeta, desencadeando uma primavera precoce. Já no hemisfério norte, a tempestade …

Vídeo mostra salmões feridos devido ao sobreaquecimento das águas

O vídeo foi gravado por um grupo de conservação ambiental depois de uma onda de calor no Noroeste Pacífico que fez as temperaturas da água atingirem os 21 graus Celsius. De acordo com o jornal The …

Uma prenda de aniversário. Israelita doou um dos seus rins a um menino palestiniano

Uma israelita quis doar um rim a um estranho. Estranho esse que acabou por ser uma criança, de apenas três anos, que vive na Faixa de Gaza, na Palestina. De acordo com a agência Associated Press, …

Novo método permite eliminar a bioincrustação marinha eficazmente

Um projeto inovador demonstrou como os revestimentos de superfície eletricamente carregados podem eliminar a bioincrustação marinha ou o crescimento de organismos marinhos, melhorando a operação e manutenção de embarcações navais. A bioincrustação marinha é um fenómeno …

Aglomerado de safiras estrela encontrado no Sri Lanka pode ser o maior do mundo

Um aglomerado de safiras estrela do mundo foi encontrado num quintal no Sri Lanka. A pedra é azul, pesa 510 quilos e estima-se que valha cerca de 84 milhões de euros. A pedra foi encontrada …

Médico sírio acusado na Alemanha de crimes contra a humanidade

Um médico sírio foi acusado na Alemanha de crimes contra a humanidade por supostamente torturar e matar pessoas em hospitais militares no seu país de origem, informaram os promotores na quarta-feira. O Ministério Público Federal de …

Justiça climática. Vamos todos sofrer com as alterações climáticas, mas não de forma igual

A recente onda de calor na América do Norte é mais um exemplo de que apesar de ser um problema global, as alterações climáticas não vão afectar todos igualmente e podem exacerbar injustiças sociais e …

Os exemplos que Portugal deve seguir (e evitar) nas últimas etapas da pandemia

No plano apresentado pela equipa de Raquel Duarte comparam-se as estratégias opostas adotadas por Israel e Reino Unido, com a segunda a merecer nota negativa por parte dos investigadores. Os dados foram lançados na reunião que …