UGT exige salário mínimo nos 670 euros (e sugere que Governo procure a “muleta do BE”)

Pedro Nunes / Lusa

O secretário-geral da UGT, Carlos Silva

O secretário-geral da União Geral dos Trabalhadores (UGT), Carlos Silva, exige uma subida nominal de, pelo menos, 35 euros no salário mínimo nacional, tal como estava previsto e independentemente da pandemia.

Em declarações ao Jornal de Negócios, que avança a notícia esta quarta-feira, Carlos Silva, secretário-geral da União Geral dos Trabalhadores (UGT), garantiu que o sindicato não aceitará “nada abaixo dos 670 euros”.

O sindicalista disse que fará mesmo “finca pé” numa subida nominal de, pelo menos, 35 euros, independentemente da pandemia, e não aceitará uma subida inferior à do ano passado.

Na semana passada, o primeiro-ministro António Costa continuou a defender uma subida do salário mínimo, mas avisou qe esta não poderá ter “a dimensão que teve no passado”.

“Isso é austeridade”, reagiu Carlos Silva. “Não estamos minimamente disponíveis para acompanhar o primeiro-ministro”.

Segundo o sindicalista, já ficou provado que “o aumento do salário mínimo não empurra os restantes salários” e, por isso, Carlos Silva defende que não devem ser os trabalhadores a suportar novamente os custos da crise.

A UGT “fará coro com a Fesap na defesa de um aumento de 1% dos salários da função pública”. A CGTP convocou uma ação de luta nacional para 26 de setembro na defesa de aumentos salariais. Isabel Camarinha, secretária-geral da central sindical, voltou a defender o aumento do salário mínimo para 850 euros e a recusar qualquer subida inferior à de 2020.

Carlos Silva sugeriu ainda que o Governo “encontre agora no BE uma muleta para um bom aumento do salário mínimo”.

“Não temos Festas do Avante e não estamos a preparar formas de luta”, disse, mas sem os 35 euros de aumento “não haverá acordo na concertação social”.

A reunião da concertação social está agendada para as 15h desta quarta-feira. Além da subida do salário mínimo, a reunião deverá servir para discutir também a resposta à crise da covid-19. A UGT quer falar sobre o aumento de progressividade dos escalões do IRS e das medidas para facilitar e promover a formação profissional, nomeadamente no que diz respeito à reconversão de trabalhadores.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

FC Porto já tem acordo por Kim Min-jae

O FC Porto já chegou a acordo com o Beijing Guoan para a contratação de Kim Min-jae, defesa-central de 24 anos. O sul-coreano é treinado por Paulo Bento na seleção e já andava sob a mira …

Única central nuclear iraniana suspende atividade após situação de emergência

A única central nuclear do Irão registou, este domingo, uma situação de emergência temporária que implicou a suspensão da sua atividade e por motivos ainda inexplicáveis, informou a televisão estatal. Um responsável da empresa elétrica estatal …

Forças Armadas com mais 252 operacionais prontos para apoiar no combate à pandemia

As Forças Armadas têm 252 militares prontos para ajudar no combate à pandemia, dos quais mais de metade para apoiar a Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo (ARSLVT). Atualmente, esta é a …

UEFA investiga incidentes discriminatórios no Hungria-Portugal

A UEFA anunciou ter aberto um inquérito para apurar “eventuais incidentes discriminatórios” nos jogos da Hungria, no Euro 2020 de futebol, com Portugal (0-3) e França (1-1), disputados na Arena Puskás, em Budapeste. De acordo com …

Financiamento da TAP travado em Bruxelas

O plano de reestruturação da TAP, que prevê injetar na empresa até 3,72 mil milhões de euros até 2024, continua à espera de uma resposta de Bruxelas. O Governo esperava obter luz verde de Bruxelas em …

Jogos Olímpicos vão poder ter até 10 mil japoneses nas bancadas

As autoridades japonesas decidiram permitir que até 10 mil espetadores possam assistir aos eventos dos Jogos Olímpicos Tóquio 2020 nas bancadas, mesmo reservando o direito de reverter a decisão. Segundo o anúncio dos organizadores, as autoridades …

Arqueólogos descobriram que viveram pessoas no "Stonehenge alemão"

Arqueólogos descobriram que viveram pessoas no "Stonehenge alemão", um local arqueológico conhecido pelas evidências de rituais e sacrifícios humanos. De acordo com o site Live Science, uma equipa de arqueólogos encontrou cerca de 130 casas no …

Preços das casas não subiam tanto há mais de dois anos

Os preços da habitação registaram uma subida de 2,5% em relação ao mês anterior. Não subiam tanto há mais de dois anos. O preço de venda das casas em Portugal Continental registou um aumento de 2,5% …

Tragédia de Pedrógão pode "repetir-se em vários locais deste país"

Após quatro anos do grande incêndio que vitimou 66 pessoas, a região de Pedrógão Grande está de novo em ponto de combustão. A 17 de junho de 2017 o incêndio de Pedrógão Grande matou 66 …

"Apocalipse dos insetos". Novos dados associam queda de população a barragens

A população de insetos está em declínio, naquilo a que chamam de "Apocalipse dos insetos". Um novo estudo associa este problema às barragens. Os insetos são o grupo de animais mais numeroso do planeta. Existem cerca …