UE admite intervenção militar contra traficantes de imigrantes

Os chefes de Estado e de governo da União Europeia vão solicitar na quinta-feira o início dos preparativos para uma operação militar destinada a destruir as embarcações dos traficantes de imigrantes, refere o projecto da resolução.  

O projecto em discussão, divulgado pelas agências internacionais, solicita aos líderes europeus que desenvolvam “esforços sistemáticos para identificar, capturar e destruir as embarcações antes que sejam utilizadas pelos traficantes” no Mediterrâneo.

A Alta representante para a política externa e de segurança da União, Federica Mogherini, “é convidada para iniciar de imediato os preparativos para uma eventual operação de segurança e defesa para este efeito, de acordo com a lei internacional”, acrescenta o projecto de resolução.

As primeiras consultas sobre esta proposta demonstram “uma vontade política de emitir este forte sinal”, disse à agência noticiosa AFP uma fonte próxima do dossiê.

“Não podemos ser sérios caso não tenhamos em consideração o pedido de Mateo Renzi“, afirmou um alto responsável europeu.

O chefe do governo italiano solicitou que fosse examinada a possibilidade de efectuar “intervenções precisas” contra os traficantes na Líbia, que se tornou no país de embarque de migrantes e candidatos a asilo em direcção a Itália e Malta.

Caso seja aceite, a organização desta operação militar europeia seria uma decisão inédita no combate à imigração clandestina.

“A sua concretização levará tempo”, advertiram diplomatas envolvidos nas conversações. “Vão ser necessários planos operacionais, e depois mobilizar os meios militares”, explicaram.

A missão militar da UE contra a pirataria ao largo das costas somalis, Atalante, foi desencadeada em 2008, mas as primeiras acções contra as embarcações piratas apenas ocorreram em 2011-22012, recordou o eurodeputado francês Arnaud Danjean.

Para destruir as embarcações na Líbia será necessário um mandato jurídico” das Nações Unidas, sublinhou.

“A possibilidade de acção em terra fornecida à força naval Atalante na Somália quase nunca foi utilizada, porque não é tão simples”, explicou.

O apelo para novas medidas e a pressão sobre os líderes europeus aumentou após o devastador naufrágio no domingo que terá provocado a morte de cerca de 800 imigrantes provenientes da Líbia.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

"Lavar as mãos". Vídeo da DGS é o mais popular do ano no YouTube

2020 foi um ano atípico em vários aspetos do quotidiano, obrigando à introdução de novas rotinas e ao reforço de outras por muitos já descuradas. Reflexo dessa disrupção é o ranking anual do YouTube, divulgado esta …

Drenthe falido: "Não é muito importante"

Antigo futebolista do Real Madrid não está preocupado com a declaração feita por um tribunal dos Países Baixos. Drenthe joga numa equipa da terceira divisão nacional. Royston Ricky Drenthe foi, enquanto adolescente, considerado um dos melhores …

Sonda espacial chinesa conclui recolha de amostras da superfície lunar

A sonda chinesa Chang'e 5 concluiu a recolha e armazenamento de rochas e detritos da superfície lunar, e prepara-se para voltar à Terra, informou esta quinta-feira a Administração Espacial Nacional da China. "Às 22 horas de …

Seca obriga Namíbia a por à venda 170 elefantes

A Namíbia, que se encontra em risco de seca, pôs à venda 170 elefantes vivos para reduzir o seu número no território, em parte devido ao crescente conflito entre humanos e animais desta espécie ameaçada …

Benfica 4 - 0 Lech Poznań | “Saco cheio” rumo ao apuramento

Um, dois, três e quatro. Foram estes os golos – apontados por Vertonghen, Darwin Núñez, Pizzi e Weigl – que o Benfica marcou na goleada que aplicou na noite desta quinta-feira ao Lech Poznań, num …

Cientistas encontram evidências de uso de drogas psicadélicas numa caverna com arte rupestre

Uma flor vermelha redemoinhada rabiscada numa parede de uma caverna há cerca de 400 anos é a primeira evidência definitiva de que os nativos norte-americanos consumiam drogas psicadélicas em locais de arte rupestre. Descoberta na caverna …

Musk queria batizar a sua tequila de "Teslaquila", mas o México disse que não

O multimilionário Elon Musk, CEO da Tesla e da Space X, quis batizar a sua tequila de "Teslaquila", mas as autoridades mexicanas impediram a utilização do nome, invocando os direitos do uso da palavra e …

Namíbia acaba de eleger um deputado chamado Adolf Hitler. É ativista e "anti-apartheid"

A Namíbia acaba de eleger nas eleições regionais um deputado chamado Adolf Hitler, um conhecido ativista e "anti-apartheid" em Uunona, a sua cidade natal, localizada no norte do país africano. "Adolf Hitler teve uma vitória …

Empresário de media pró-democracia preso por acusação de fraude em Hong Kong

O dono do jornal antigoverno Apple Daily, Jimmy Lai, conhecido pela luta pela democracia em Hong Kong, foi detido sem fiança, acusado de irregularidades no contrato de 'leasing' do edifício onde está o órgão de …

Novos drones de resgate usam Inteligência Artificial para encontrar pessoas perdidas na floresta

Em situações em que as pessoas se perdem na floresta, o tempo é essencial para resgatá-las, pois quanto mais tempo ficam perdidas mais perigosa a situação se torna. Mas será que existem todas as ferramentas …