Tsipras pede empréstimo imediato de 7 mil milhões para evitar colapso da Grécia

Julien Warnand / EPA

O primeiro-ministro da Grécia, Alexis Tsipras

O primeiro-ministro da Grécia Alexis Tsipras solicitou aos credores internacionais um empréstimo imediato de sete mil milhões de euros, para fazer face à situação de emergência que o país atravessa.

A notícia é avançada pela Agência italiana Ansa, que salienta que Tsipras solicita que este “empréstimo transitório” seja concedido num “prazo de 48 horas“, de modo a evitar o colapso financeiro da Grécia.

O pedido terá sido feito pelo primeiro-ministro grego antes do início da reunião do Eurogrupo, que arrancou ao meio-dia (hora de Lisboa), e que vai discutir a situação grega.

Eurogrupo espera propostas “credíveis” de Atenas

O presidente do Eurogrupo, Jeroen Dijsselbloem, disse esta terça-feira que espera ouvir “propostas credíveis” por parte do novo ministro das Finanças grego, Euclides Tsakalotos, na reunião onde se vai discutir o caminho a seguir relativamente à Grécia

“Esperamos novas propostas do Governo grego”, disse Dijsselbloem, sublinhando que estas devem ser “credíveis”.

“Esperamos que as propostas sejam credíveis, para bem da zona euro e da Grécia”, afirmou.

Euclides Tsakalotos, que não fez declarações à entrada para a reunião, substitui Yanis Varoufakis, que se demitiu esta segunda-feira do cargo de ministro das Finanças grego.

Já o comissário europeu Pierre Moscovici disse que as instituições estão “disponíveis para trabalhar” em direção a um acordo mas, tal como o presidente do Eurogrupo, reiterou a necessidade de propostas “concretas”, “tangíveis” e “credíveis” para serem discutidas.

O responsável na Comissão Europeia pelos Assuntos Económicos e Financeiros afirmou ainda que neste Eurogrupo não será discutida qualquer reestruturação da dívida pública grega.

Por seu lado, o ministro da Eslováquia, Peter Kazimir, que tem sido muito crítico do Governo grego, disse estar muito “cético” de que se encontre uma solução hoje, afirmando que é preciso decidir para que lado se pende face à Grécia, em vez de prolongar discussões, e não excluiu uma saída do Euro.

Sobre um alívio da dívida, Kazimir considerou que esse é o “assunto mais delicado” entre os Estados-membros.

A reunião dos ministros das Finanças da zona euro antecede a de chefes de Estado e de Governo dos 19 países da moeda única, ambas para decidir o que fazer após o referendo de domingo, na Grécia, na sequência da vitória clara do “não”, à última proposta apresentada pelos credores.

É esperado que nas reuniões de hoje sejam apresentadas novas propostas de Atenas com vista a um terceiro programa de resgate (sem que o segundo tenha sido concluído), numa altura em que os bancos continuam encerrados na Grécia e mantém se o limite de levantamento diário de 60 euros por pessoa.

ZAP / Lusa

PARTILHAR

9 COMENTÁRIOS

  1. O líder perdeu a vergonha? Mais dinheiro? Ao fim de 5 meses e um referendo não tem programa de ajustamento credível?
    O povo grego votou em “consciência” questão demasiado técnica ou deixou-se instrumentalizar por estes revolucionários da treta. Continuam a pedir e sem reformar a economia grega… Abusam da solidariedade dos cumpridores porque o maior receio dos credores – Portugal 1,8MilMilhões – é a possibilidade de não recuperarem mais o que lhes emprestaram.
    Governos sucessivos do PS de lá propiciou (eleitoralisticamente) que a reforma per capita lá ronde 3000,00€ – cá é 2000,00€ – um país cuja grande fatia provém do turismo! Lá como os candidatos a governar cá querem uma economia assente no consumo interno (importações =desequilíbrio da balança de transações)!
    Na maioria das capitais europeias fazem-se Kms para encontrar um restaurante e até uma pastelaria. Cá é nas “4 esquinas do mesmo cruzamento” ou paredes meias…

    • Muito bem, 2000,00 € per capita… em que o grosso das reformas não vai muito além dos 300,00 a 400,00 €. Porém temos um per capita de certo modo invejável…
      São os euros das reformas privilegiadas a diluírem-se nas reformas de miséria. Cá como lá, na Grécia…
      Lá, na Grécia, como cá, foram-lhes dando corda para se enforcarem (que é como quem diz, dando crédito a governos de direita e incentivando a que se endividassem), agora querem fazer do povo seus escravos,

      • Comentário desempoeirado mas!
        Concordo com a corda toda embora a forca e escravatura sejam demasiado tétricas devo uma analogia:
        O chefe sabia que as cenouras faziam andar os onagros (burro selvagem asiático) só que eram tantos e sendo ele um só com tanta cenoura acabou por ter de ser ele a dar corda aos sapatos à frente da manada. Anafado, engolido pelos outros, empanturrados, prostraram-se gordos ao lado do escravo da cenoura!
        Não foram cá e lá os da dirª que empanturram o povo com crédito à mão de semear! Lá o PASOK e cá o PS com o suprapatrocínio do banco de “família” do regime que em menos de nada de 3º banco comercial passou a 1º banco “parceiro” de tropelias e apesar de tesos, se mais tempo houvera mais… TGV,Pontes, Barragens, Aeroporto – O de Beja inaugurado e parado a apodrecer. Ora se o dinheiro não existia e deles não vinha só podia ser de “credores” e sob condições – Quem deve paga. Não são eles, porque eles foram eleitos para gerir dinheiros de todos. Nós é que os pusemos lá e, repare, não fomos todos mas todos devem pagar!

  2. Agora os credores respondem o quê?!
    NÃÃÃÃÃÃÃÃÃOOOOO
    Democracia sem trabalho e sem dor, é uma tragédia grega!

  3. Caro Viés. Reforma per capita em Portugal 2.000 euros!!!??? Deduzo que esteja a referir-se ao valor anualizado. Mesmo considerando esse horizonte temporal, continua incorreto… embora esteja mais próximo.

    Veja aqui o valor médio anual das pensões de velhice, invalidez ou sobrevivência pagas pela Segurança Social:
    http://www.pordata.pt/Portugal/Pens%C3%A3o+m%C3%A9dia+anual+da+Seguran%C3%A7a+Social+total++de+sobreviv%C3%AAncia++de+invalidez+e+de+velhice-706

    • Obrigado pela observação e divulgação do link do mui querido íntegro António Barreto.
      Bebi algures aqueles números, procurei e não os encontrei. Contudo se aplicar a incidência de 17,5% – Grécia e 13%-Portugal sobre o PIB per capita, dados consolidados de 2012, terá 2 080,00 e 3062,50 respectivamente Portugal e Grécia.
      Bons ventos

    • Escreveu: “Estou sempre” e isso é demasiado vago para se aproximar da minha realidade. A sua só se realiza por comezinhos “já está…” e “nas horas” que sendo universais não deixam de ser tempo exclusivo. Pessoal. Meu.
      Protejo a minha integridade não me expondo a tentativas de extrapolação “cor de rosa”. À cautela ainda lhe digo que sou um peludo que conhece o seu lugar na “matilha”!!! Não se meta por ali.

  4. Terminaram os gestos de solidariedade… A 60€/dia, bancos encerrados indeterminadamente, a Grécia não paga, não pode ou não faz por isso e os montantes envolvidos passarão a gestos de caridade(zinha)… Ao que um plebiscito inócuo levou o povo grego – Nova tragédia grega.
    Um país do “consumo interno” despesista sem reformas nem poupança-investimento – onde depois de 37 anos de descontos e aos 53 anos podia-se reformar com pensão total, país onde profissões como padeiro, massagista e cabeleireira eram tidas como profissões “árduas e insalubres”, além dessas um profissional do trombone podia reformar-se aos 53 anos, por ser considerada uma profissão de desgaste rápido. Um berço de gorduras “crédito à mão de semear” onde qualquer reforma estrutural empancava nos gordos instalados… Os mesmos que “em consciência” lá deixaram indefinidamente os socialista do pazok, lá como cá, depois do povo, os verdadeiros responsáveis pela solidariedade dos “terroristas” do eurogrupo – Restar-nos-á caridade em vez da inicial solidariedade. Os milhões esses “…do nada voaram”.

RESPONDER

O oxigénio em Marte está a comportar-se de forma misteriosa (e não se sabe porquê)

Depois do mistério do metano de Marte que aparecia e reaparecia, agora, os níveis de oxigénio no Planeta Vermelho têm estado a subir e a descer na cratera Gale em quantidades que não encaixam em …

A NASA pode já ter encontrado o misterioso Planeta X

O misterioso Planeta X, um planeta gigante desconhecido nos confins do Sistema Solar e que mexe com as órbitas de algumas das rochas do Cinturão de Kuiper, pode já ter sido visto pela NASA. Acredita-se que …

Episódio de “Os Simpsons” com Michael Jackson retirado do Disney+

No seguimento da controvérsia em torno de Michael Jackson depois do documentário Leaving Neverland, o episódio de Os Simpsons com a presença do cantor foi deixado de fora do catálogo do Disney+, a nova plataforma …

Lítio pode reverter malefícios de radiação no cérebro

Cientistas concluíram numa experiência com ratos que o lítio pode reverter os malefícios da radiação no cérebro, podendo o seu uso ser promissor para tratar crianças que foram sujeitas a radioterapia e desenvolveram posteriormente défices …

Um em cada dez sites de compras online usa táticas maliciosas nos clientes

https://vimeo.com/373176205 Um em cada dez sites de compras online usa táticas maliciosas para enganar, iludir ou persuadir os clientes. A tendência é que o recurso a estas práticas aumente nos próximos anos. Um estudo apresentado na semana …

Eurovisão procura voluntários para trabalhar 18 dias seguidos sem vencimento

A procura de voluntários para o Festival Eurovisão de 2020 está a gerar polémica. A organização quer disponibilidade total durante 18 dias, não oferecendo qualquer vencimento, nem pagando despesas de viagem ou estadia. O Festival Eurovisão …

Portugal 6 vs 0 Lituânia | Ronaldo e Cia destroem lituanos

Portugal goleou a Lituânia esta quinta-feira no Estádio Algarve, por 6-0, e está a uma vitória de garantir o apuramento para o Euro 2020, decisão que está marcada para o próximo domingo, quando a seleção …

Um “caixão” nuclear da Guerra Fria pode estar prestes a colapsar

Durante a Guerra Fria, os EUA lançaram 67 bombas atómicas nas Ilhas Marshall, no oceano Pacífico. No fim nos anos 70, os detritos expostos à radiação nas seis ilhas foram transportados para um poço gigante …

App usada para ler dados biométricos de europeus no Reino Unido pode ser pirateada

A aplicação digital criada pelo governo britânico para recolher dados biométricos dos europeus candidatos ao estatuto de residente no Reino Unido, obrigatório depois do Brexit e pedido por 210 mil portugueses, pode ser pirateada, alertou …

Bruxelas abre processo de infração contra Reino Unido por não nomear comissário europeu

A Comissão Europeia anunciou esta quinta-feira a abertura de um procedimento de infração contra o Reino Unido por este Estado-membro, que está em processo de saída da União Europeia (UE), não ter nomeado um comissário. “Enquanto …