Trump testa negativo à covid-19 e já realizou um comício. Sente-se capaz de “beijar homens e mulheres bonitas”

O Presidente dos Estados Unidos regressou, na segunda-feira, aos comícios, horas depois do anúncio de que testou negativo à covid-19, afirmando que se sente poderoso e capaz de beijar a multidão.

Donald Trump subiu ao palco em Sanford, no estado da Florida, e declarou estar de boa saúde, dizendo que se sentia “poderoso” e suficientemente bem para mergulhar na multidão e “beijar os homens e as mulheres bonitas”.

Segundo a agência de notícias Associated Press, o comício realizou-se sem distanciamento social, e o uso de máscaras não era generalizado entre os milhares de pessoas presentes.

A ação de campanha para as presidenciais de 3 de novembro durou cerca de uma hora.

Testes negativos durante “dias consecutivos”

Sean Conley, médico da Casa Branca, garantiu esta segunda-feira que os testes de deteção do vírus da covid-19 que o Presidente norte-americano fez deram negativo “durante dias consecutivos”.

Segundo a nota divulgada pelo médico, e citada por vários meios de comunicação norte-americanos, Trump “fez vários testes antigénio que deram negativo, e mostraram que o vírus que já não está ativo e capaz de se replicar”.

O médico do chefe de Estado norte-americano também não especificou em que dias foram feitos os exames, mas disse que os testes antigénicos não foram os únicos indicadores que determinaram que Trump já não está infetado. A equipa médica que supervisiona o estado de saúde de Trump garantiu que o Presidente já “não é contagioso”.

Já no domingo Trump tinha dito que estava “imune” à covid-19, um dia depois de o seu médico ter afirmado que já não havia o risco de transmitir o vírus. “Parece que estou imune, por, não sei, talvez por muito tempo, talvez por pouco tempo, talvez para toda a vida. Ninguém sabe realmente, mas estou imune”, afirmou em declarações por telefone à Fox News.

Ataques a Biden continuam

Durante o comício que se realizou ontem na Florida, Donald Trump acusou o seu adversário nas eleições presidenciais, Joe Biden, de ser “socialista”. “O meu adversário quer dar tudo a Cuba, e também quer dar tudo à Nicarágua e à Venezuela”, atirou, apelando aos grupos conservadores da Florida, Estado que conta com uma grande diáspora venezuelana e cubana.

Ainda sobre os países da América Latina, Trump abordou a questão da fronteira, insistindo que o México pagará pela construção de um muro, mas destacou a cooperação do governo mexicano para proteger a fronteira. “Há 27 mil soldados mexicanos a proteger a fronteira. O México está muito bem”, referiu.

Trump esteve afastado da campanha eleitoral durante mais de dez dias, depois de ter testado positivo para o vírus a 2 de outubro.

ZAP // Lusa

 

PARTILHAR

RESPONDER

Pedro Nuno Santos quer receitas da rodovia a ajudar a financiar a ferrovia

Há dois anos, o ministro defendia a possível separação da REFER das Estradas de Portugal. Agora, volta atrás e quer que as receitas de rodovia ajudem a financiar a ferrovia. O Ministro das Infraestruturas e da …

A China está a construir 110 novos silos nucleares. Estados Unidos estão preocupados

Na segunda-feira, a Federação de Cientistas Americanos (FAS) publicou um relatório no qual denuncia a existência de um campo de instalações nucleares perto da cidade de Hami, na província chinesa de Xinjiang. Estarão a ser …

Inglaterra desconfinou totalmente. Então, porque estão os novos casos a descer?

O fim das restrições a 19 de Julho fez soar alarmes por toda a Europa sobre o possível aumento exponencial de casos. Na verdade, o número de novos casos tem vindo a descer e a …

Siza Vieira admite possibilidade de "alargar" funcionamento das atividades económicas

O ministro de Estado e da Economia disse que o Conselho de Ministros desta quinta-feira vai analisar "todas as medidas restritivas" atualmente em vigor e terá a possibilidade de "alargar" o funcionamento das atividades económicas. "Eu …

Relatório do Novo Banco. Centeno, Costa e Ramalho ficam mal na fotografia

A versão final do relatório do Novo Banco apontou mais responsabilidades a Mário Centeno e António Costa, visto estarem ambos no governo durante a venda. A tese do Banco de Portugal sobre as injecções de …

OE. PSD fecha a porta a negociações, mas socialistas preferem mantê-la aberta

Rio remete a posição do PSD para declarações de António Costa em que o primeiro-ministro admitiu a intenção de se demitir caso o Orçamento só seja aprovado com votos dos sociais-democratas. Já José Luís Carneiro, …

FC Porto empata com a Roma em jogo manchado por conflito entre jogadores

O FC Porto empatou hoje 1-1 com os italianos da Roma, treinados pelo português José Mourinho, em jogo de preparação para a próxima temporada, disputado no Estádio Municipal da Bela Vista, em Lagoa. A equipa italiana, …

Benfica abre investigação para averiguar eventuais conflitos de interesses de Vieira

O SL Benfica vai abrir uma investigação interna para averiguar eventuais conflitos de interesses durante a presidência de Luís Filipe Vieira. O clube diz que não pode afirmar nem excluir a "eventual existência no passado de …

Estados Unidos e Rússia em diálogo discreto em Genebra para estabilizar relações

Delegações dos Estados Unidos e da Rússia continuaram esta quarta-feira, em Genebra, o diálogo iniciado na mesma cidade pelos respetivos presidentes, Joe Biden e Vladimir Putin, em junho, para discutir a estabilidade estratégica entre as …

Primeira medalha para Portugal nos Jogos Olímpicos

Jorge Fonseca conseguiu a medalha de bronze no judo. Cãibras condicionaram o acesso do português à final. "Quero ser o maior desportista nacional de todos os tempos", comentou. Portugal entrou para a lista de países com …