Trump respondeu às críticas de Merkel: “Isto vai mudar”

Shawn Thew / EPA

O presidente dos EUA, Donald Trump

O presidente dos EUA, Donald Trump

O presidente norte-americano considerou, esta terça-feira, que a política comercial e militar da Alemanha é “muito má” para os Estados Unidos e alertou que esta situação “vai mudar”.

“Temos um défice comercial enorme com a Alemanha, além de que eles pagam muito menos do que deveriam na NATO e militarmente. Muito mau para os EUA. Isto vai mudar”, escreveu hoje Donald Trump na sua conta no Twitter.

Os comentários de Trump surgem dois dias depois de a chanceler alemã, Angela Merkel, ter assegurado, num comício no domingo, que “os tempos em que se podia confiar nos outros ficaram para trás”, numa referência aos EUA e ao Reino Unido.

O Reino Unido oficializou há poucos meses o início do processo para sair da União Europeia e os Estados Unidos, sob a nova presidência de Donald Trump, têm questionado o papel da NATO e dos aliados que a compõem.

Na cimeira da Aliança, na semana passada em Bruxelas, Trump nunca referiu – como é habitual – o artigo 5 do Tratado do Atlântico Norte, que indica que um ataque contra um dos membros da NATO é um ataque contra todos. Na prática, é o artigo que garante a intervenção, especialmente do aliado mais forte, os Estados Unidos, em caso de agressão.

Merkel explicou que chegou a essa conclusão depois das cimeiras do G7 e da NATO, nas quais ficaram bem patentes as diferenças entre as políticas da nova administração norte-americana e os seus parceiros europeus e ocidentais.

“Nós, os europeus, temos que ser donos do nosso próprio destino”, disse a chanceler, dois dias depois de se ter noticiado que Trump terá qualificado os alemães como “maus, muito maus” num encontro com a cúpula da União Europeia. Os seus assessores afirmaram posteriormente que o Presidente americano se referia exclusivamente ao comércio entre os dois países.

Esta segunda-feira, vários líderes germânicos fizeram alertas no mesmo sentido e dirigiram críticas a Donald Trump depois da cimeira do G7.

O ministro dos Negócios Estrangeiros alemão, Sigmar Gabriel, acusou o Presidente dos EUA de ter uma “visão política míope”, que vai contra os interesses da UE e “enfraquece o Ocidente”.

“Qualquer um que acelere as mudanças climáticas enfraquecendo proteção ambiental, que vende mais armas em zonas de conflito e que não quer resolver politicamente conflitos religiosos está a colocar em risco a paz na Europa”, afirmou.

Por sua vez, o líder da oposição Martin Schulz acusou Trump de “agir como um líder autocrático” e de ter tentado “humilhar” Merkel em Bruxelas.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. O comércio com a Alemanha é ruim? Ninguém os obriga a comprar produtos da concorrência. Se a balança pende a desfavor dos americanos, é porque, ou têm produtos inferiores com preços desvantajosos, ou porque não os sabem vender. O problema deste gajo, é ser mau perdedor, e como tal, a culpa é sempre dos outros. Se continuar neste rumo, vamos ter um lindo resultado.

  2. Este (pato) Donald como furioso Sheriff do Império dos Cowboys (USA e abusa), não desiste de destruir o Planeta.
    Mas o problema é que ainda restam (demasiados) cobardolas subservientes, sempre prontos a obedecer à arrogância do Imperador do Mundo.

RESPONDER

John Cleese esgota três coliseus em 48 horas

John Cleese vai estar no Coliseu de Lisboa com “Last Time To See Me Before I Die” durante três dias. O humorista britânico esgotou as três datas em apenas 48 horas. Durante esta madrugada (10), a …

Descoberta no Egito múmia de grande animal semelhante a um leão

O Ministério das Antiguidades egípcio anunciou esta segunda-feira que uma equipa de arqueólogos desenterrou uma múmia de um grande animal incomum, semelhante a um leão ou uma leoa. “É um animal muito estranho, como um gato …

Ex-agentes da DEA revelam detalhes da vida de Escobar na prisão que o próprio construiu

Dois dos agentes do DEA, que durante mais de um ano participaram na operação de captura de Pablo Escobar, revelaram alguns detalhes sobre a vida do narcotraficante e ex-líder do cartel de Medellín na prisão La …

Num jardim zoológico da Austrália, há concertos ao vivo (para entreter os elefantes)

https://vimeo.com/372400002 O jardim zoológico de Melbourne está a desenvolver um programa mundial de músicos para tocar para a sua multigeracional manada de elefantes asiáticos em perigo de extinção para que melhore a ligação entre os seis …

Montijo: ANA pede mais tempo para analisar medidas de mitigação ambiental

A ANA – Aeroportos de Portugal pediu à Agência Portuguesa do Ambiente (APA) uma prorrogação do prazo para analisar as medidas de mitigação propostas pela entidade na Declaração de Impacte Ambiental (DIA) do futuro aeroporto …

Sérgio Conceição ultrapassa número de jogos de José Mourinho

No jogo deste domingo, que o FC Porto acabou por vencer o Boavista com um golo solitário de Alex Telles, Sérgio Conceição cumpriu o seu 128.º jogo como treinador dos dragões - mais uma partida …

Governo australiano acusado de censurar livro sobre história de Timor-Leste

O Ministério dos Negócios Estrangeiros australiano está alegadamente a tentar censurar partes do primeiro de dois volumes da história de operações militares em Timor-Leste, o dedicado à Força Internacional para Timor-Leste (Interfet), segundo revelou a imprensa …

Norte-americanos acordaram com mensagens de texto estranhas nos seus telemóveis

Na passada quinta-feira, uma grande parte da população norte-americana recebeu mensagens estranhas e inexplicáveis, muitas das quais desconfortáveis e até preocupantes. Stephanie Bovee, uma norte-americana de 28 anos de Portland, no oeste dos Estados Unidos, acordou …

Pai que fugiu por 15 países com os dois filhos no ano passado encontrado pela PSP

O pai mudou 15 vezes de país com as crianças desde o verão passado sempre sem o consentimento da mãe e sem que a mãe tivesse qualquer notícia do paradeiro dos filhos, revela a PSP. A …

Daesh está a tentar criar um novo Estado islâmico nas Filipinas

Há dois anos que a bandeira negra do Daesh deixou de esvoaçar no topo de um edifício da cidade de Marawi, em Mindanau, no sul das Filipinas, e o Presidente, Rodrigo Duterte, declarou tê-lo derrotado. …